Liturgia Diária (24 de março de 2020)

Tempo de leitura: 4 minutos

Liturgia diária de terça-feira, 24 de março de 2020.

Confira diariamente a Liturgia Diária dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Salmo do dia.

A liturgia diária

Para os católicos, a liturgia é uma forma de renovação do sacrifício de Jesus Cristo para a salvação da humanidade. A liturgia diária são as lembranças de Jesus e da salvação trazendo para os cristãos uma reflexão que pode ser inserida em suas vidas.

A liturgia diária vem do grego derivado de duas palavras. A primeira “Leito” que significa: público. E a segunda palavra “Ergos” que magnifica: aquele que faz um trabalho público para o povo. A Liturgia é entendida como uma cerimônia estabelecida previamente segundo a tradição da igreja católica.

A Liturgia Diária na Igreja Católica

Liturgia Diária

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, or volta de XVI.

A liturgia diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A liturgia diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Liturgia Diária com Reflexão

Além da liturgia diária, é comum que nas missas o padre ou celebrante na ocasião, faça uma reflexão das palavras do evangelho do dia. Esta reflexão é feita em geral por livre interpretação, não seguindo um texto pré-definido.

A História da Liturgia Diária

O ponto principal da liturgia é o Mistério Pascal, descrevendo a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e a sua ascensão ao céus, ao reino de Deus.

Até meados do século XVI não havia para a liturgia diária uma padronização ou norma que caracterizava a sua obrigatoriedade, no entanto, foram Pio V e Clemente III que a implementaram. E posteriormente, através do Concílio Vaticano II onde a Liturgia teve a sua mais recente atualização, trazendo mais relevância à Sagrada Escritura na liturgia da palavra.

Reflexão

Vejamos um dos significados simbólicos claros desta passagem acima. O homem que Jesus curou ficou paralisado, incapaz de andar e se cuidar. Outros o negligenciaram enquanto ele estava sentado à beira da piscina, esperando bondade e atenção. Jesus o vê e lhe dá toda a atenção. Após um breve diálogo, Jesus o cura e diz para ele se levantar e andar.

Uma mensagem simbólica clara é que sua paralisia física é uma imagem do resultado do pecado em nossas vidas. Quando pecamos, nos “paralisamos”. O pecado tem graves consequências em nossas vidas, e a consequência mais clara é que somos deixados incapazes de nos erguer e seguir os caminhos de Deus. O pecado grave, principalmente, nos torna impotentes para amar e viver em verdadeira liberdade. Isso nos deixa presos e incapazes de cuidar de nossas próprias vidas espirituais ou de outras pessoas de qualquer maneira. É importante ver as consequências do pecado. Até pecados menores atrapalham nossas habilidades, nos destroem de energia e nos deixam espiritualmente aleijados de uma maneira ou de outra.

Espero que você saiba disso e não seja uma nova revelação para você. Mas o que deve ser novo para você é a admissão honesta de sua culpa atual. Você deve se ver nessa história. Jesus não curou esse homem apenas pelo bem desse homem. Ele o curou, em parte, para lhe dizer que ele o vê em seu estado de ruptura enquanto você experimenta as consequências do seu pecado. Ele vê você em necessidade, olha para você e chama você para se levantar e andar. Não subestime a importância de permitir que Ele realize uma cura em sua vida. Não deixe de identificar até o menor pecado que impõe suas consequências a você. Olhe para o seu pecado, permita que Jesus o veja e ouça-o falar palavras de cura e liberdade.

Reflita hoje sobre esse poderoso encontro que esse homem aleijado teve com Jesus. Coloque-se em cena e saiba que essa cura também é feita para você. Se você ainda não fez essa Quaresma, vá para a Confissão e descubra a cura de Jesus naquele Sacramento. Confissão é a resposta para a liberdade que espera por você, especialmente quando é celebrada de maneira honesta e completa.

Senhor, por favor, perdoe-me pelos meus pecados. Desejo vê-los e reconhecer as consequências que eles me impõem. Eu sei que você deseja me libertar desses fardos e curá-los na fonte. Senhor, dê-me coragem para confessar meus pecados a Você, especialmente no Sacramento da Reconciliação. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária na Missa

A liturgia faz parte de toda missa celebrada pela Igreja Católica. A liturgia diária é única para cada dia do ano, portanto, naquele dia determinado, todas as igrejas católicas se fazem da mesma leitura.

Utilizada nas missas, a liturgia também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a liturgia diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a liturgia diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

A Liturgia nos dias de hoje

A Liturgia diária é vista por muitos como sendo um rito que trás uma certa formalização da missa, mas o verdadeiro significado é exatamente o contrário. A liturgia vem para fazer com que os cristãos reflitam as palavras e busquem trazê-las para a sua vida e para os seu dia a dia como forma de viver a Palavra de Deus não apenas na missa mas também na vida cotidiana.

A liturgia vem mostrar o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. A liturgia vem nos trazer orientações de como devemos pensar e agir conforme a Palavra de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.