Mundo dos Católicos

Liturgia Diária – 12º Domingo do Tempo Comum (19/06/2022)

Liturgia Diária do 12º Domingo do Tempo Comum, 19 de junho de 2022.

Confira diariamente o Evangelho do Dia Comentado dos Católicos em nosso site. Receba a Liturgia de hoje no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (Zc 12, 10-11; 13, 1)

Leitura da Profecia de Zacarias

Assim diz o Senhor: 10“Derramarei sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém um espírito de graça e de oração; eles olharão para mim. Ao que eles feriram de morte, hão de chorá-lo, como se chora a perda de um filho único, e hão de sentir por ele a dor que se sente pela morte de um primogênito. 11Naquele dia, haverá um grande pranto em Jerusalém, como foi o de Adadremon, no campo de Magedo.

13, 1Naquele dia, haverá uma fonte acessível à casa de Davi e aos habitantes de Jerusalém, para ablução e purificação”.

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.

Salmo

Salmo Responsorial (Sl 62)

A minh’alma tem sede de vós, como a terra sedenta, ó meu Deus!

— Sois vós, ó Senhor, o meu Deus! Desde a aurora ansioso vos busco! A minh’alma tem sede de vós, minha carne também vos deseja.

— Como terra sedenta e sem água, venho, assim, contemplar-vos no templo, para ver vossa glória e poder. Vosso amor vale mais do que a vida: e por isso meus lábios vos louvam.

— Quero, pois, vos louvar pela vida, e elevar para vós minhas mãos! A minh’alma será saciada, como em grande banquete de festa; cantará a alegria em meus lábios, ao cantar para vós meu louvor!

— Para mim fostes sempre um socorro; de vossas asas à sombra eu exulto! Minha alma se agarra em vós; com poder vossa mão me sustenta.

Leia mais:  Liturgia Diária - quinta-feira, 11/02/2021

2ª Leitura

Segunda Leitura (Gl 3, 26-29)

Leitura da Carta de São Paulo aos Gálatas

Irmãos: 26Vós todos sois filhos de Deus pela fé em Jesus Cristo. 27Vós todos que fostes batizados em Cristo vos revestistes de Cristo.

28O que vale não é mais ser judeu nem grego, nem escravo nem livre, nem homem nem mulher, pois todos vós sois um só, em Jesus Cristo.

29Sendo de Cristo, sois então descendência de Abraão, herdeiros segundo a promessa.

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.

Evangelho do Dia

Evangelho (Lc 9, 18-24)

O Senhor esteja convosco.

Ele está no meio de nós.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo ✠segundo Lucas

Glória a vós, Senhor.

Certo dia, 18Jesus estava rezando num lugar retirado, e os discípulos estavam com ele. Então Jesus perguntou-lhes: “Quem diz o povo que eu sou?”

19Eles responderam: “Uns dizem que és João Batista; outros, que és Elias; mas outros acham que és algum dos antigos profetas que ressuscitou”.

20Mas Jesus perguntou: “E vós, quem dizeis que eu sou?”

Pedro respondeu: “O Cristo de Deus”.

21Mas Jesus proibiu-lhes severamente que contassem isso a alguém. 22E acrescentou: “O Filho do Homem deve sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e doutores da Lei, deve ser morto e ressuscitar no terceiro dia”.

23Depois Jesus disse a todos: “Se alguém me quer seguir, renuncie a si mesmo, tome sua cruz cada dia, e siga-me. 24Pois quem quiser salvar a sua vida, vai perdê-la; e quem perder a sua vida por causa de mim, esse a salvará”.

Leia mais:  Liturgia Diária (22 de março de 2020)

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Feliz Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Jesus Cristo, nosso Senhor e Deus! Que Presente celebramos hoje!

A Eucaristia é tudo. É todas as coisas, a plenitude da vida, a salvação eterna, a misericórdia, a graça, a felicidade, etc. Por que a Eucaristia é tudo isso e muito mais? Simplificando, a Eucaristia É Deus. Portanto, a Eucaristia é tudo o que Deus é.

Em seu belo hino tradicional, Adoro te Devote, São Tomás de Aquino escreve: “Adoro-Te devotamente, ó Divindade oculta, verdadeiramente oculta sob essas aparências. Todo o meu coração se submete a Ti e, ao contemplar-te, entrega-se completamente. A visão, o tato, o paladar são todos enganados em seu julgamento de Ti, mas basta ouvir com firmeza para crer…” Que gloriosa declaração de fé neste dom maravilhoso.

Esta declaração de fé revela que quando adoramos diante da Eucaristia, adoramos o próprio Deus escondido sob a aparência de pão e vinho. Nossos sentidos são enganados. O que vemos, provamos e sentimos não revela a realidade diante de nós. A Eucaristia é Deus.

Ao longo de nossas vidas, se fomos criados católicos, fomos ensinados a reverência pela Eucaristia. Mas “reverência” não é suficiente. A maioria dos católicos reverencia a Eucaristia, ou seja, ajoelhamos e tratamos a Sagrada Hóstia com respeito. Mas é importante ponderar uma questão em seu coração. Você acredita que a Eucaristia é Deus Todo-Poderoso, o Salvador do mundo, a segunda Pessoa da Santíssima Trindade? Você acredita profundamente o suficiente para ter seu coração movido de amor e profunda devoção cada vez que você está diante de nosso divino Senhor presente diante de nós sob o véu da Eucaristia? Quando você se ajoelha, você cai prostrado em seu coração, amando a Deus com todo o seu ser?

Leia mais:  Liturgia Diária - Domingo de Ramos, 28/03/2021

Talvez isso pareça um pouco excessivo. Talvez a simples reverência e respeito sejam suficientes para você. Mas isso não. Já que a Eucaristia é Deus Todo-Poderoso, devemos vê-lo ali com os olhos da fé em nossa alma. Devemos adorá-lo profundamente como os anjos no céu. Devemos clamar: “Santo, Santo, Santo é o Senhor Deus Todo-Poderoso”. Devemos ser movidos para a adoração mais profunda ao entrarmos em Sua presença divina.

Reflita sobre a profundidade de sua fé na Eucaristia hoje e se esforce para renová-la, adorando a Deus como alguém que crê com todo o seu ser.

Oração do Dia

Eu Te adoro devotadamente, ó Divindade oculta, verdadeiramente oculta sob essas aparências. Todo o meu coração se submete a Ti e, ao contemplar-te, entrega-se completamente. A visão, o tato, o paladar estão todos enganados em seu julgamento de Ti, mas basta ouvir com firmeza para crer. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Até o século XVI não existia uma norma ou regra que indicava a obrigatoriedade da liturgia diária, no entanto, foram Pio V e Clemente III que implementaram. E posteriormente, através do Concílio Vaticano II onde a Liturgia teve a sua mais recente atualização, trazendo mais importância à Sagrada Escritura na liturgia.

A liturgia é formada pela primeira leitura, segunda leitura, além do salmo do dia e o evangelho, e é parte de toda missa da Igreja Católica. A Liturgia Diária é única para cada dia do ano, portanto, para cada dia, todas as igrejas católicas se fazem da mesma leitura neste mesmo dia.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.