Mundo dos Católicos

Liturgia Diária – 15º Domingo do Tempo Comum (10/07/2022)

Liturgia Diária do 15º Domingo do Tempo Comum, 10 de julho de 2022.

Confira diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Veja a Leitura e Homilia de Hoje do evangelho do dia e Salmo. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Leitura (Deuteronômio 30,10-14)

Leitura do livro do Deuteronômio.

Moisés falou ao povo, dizendo: 10“Ouve a voz do Senhor teu Deus e observa todos os seus mandamentos e preceitos, que estão escritos nesta lei. Converte-te para o Senhor teu Deus com todo o teu coração e com toda a tua alma. 11Na verdade, este mandamento que hoje te dou não é difícil demais nem está fora do teu alcance. 12Não está no céu, para que possas dizer: ‘Quem subirá ao céu por nós para apanhá-lo? Quem no-lo ensinará para que o possamos cumprir?’ 13Nem está do outro lado do mar, para que possas alegar: ‘Quem atravessará o mar por nós para apanhá-lo? Quem no-lo ensinará para que o possamos cumprir?’ 14Ao contrário, esta palavra está bem ao teu alcance, está em tua boca e em teu coração, para que a possas cumprir”.

Palavra do Senhor.

Salmo

Salmo Responsorial 68(69)

Humildes, buscai a Deus e alegrai-vos: o vosso coração reviverá!

– Por isso elevo para vós minha oração neste tempo favorável, Senhor Deus!

Respondei-me pelo vosso imenso amor, pela vossa salvação que nunca falha!

Senhor, ouvi-me, pois suave é vossa graça, ponde os olhos sobre mim com grande amor!

– Pobre de mim, sou infeliz e sofredor!

Que vosso auxílio me levante, Senhor Deus!

Cantando, eu louvarei o vosso nome e, agradecido, exultarei de alegria!

– Humildes, vede isto e alegrai-vos:

† o vosso coração reviverá se procurardes o Senhor continuamente!

Pois nosso Deus atende à prece dos seus pobres e não despreza o clamor de seus cativos.

– Sim, Deus virá e salvará Jerusalém, reconstruindo as cidades de Judá.

Leia mais:  Evangelho do Dia – Sábado, 19ª Semana do Tempo Comum, 14/08/2021

A descendência de seus servos há de herdá-las,

† e os que amam o santo nome do Senhor dentro delas fixarão sua morada!

2ª Leitura

Leitura (Colossenses 1,15-20)

Leitura da carta de São Paulo aos Colossenses.

15Cristo é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação, 16pois, por causa dele, foram criadas todas as coisas no céu e na terra, as visíveis e as invisíveis, tronos e dominações, soberanias e poderes. Tudo foi criado por meio dele e para ele. 17Ele existe antes de todas as coisas, e todas têm nele a sua consistência. 18Ele é a cabeça do corpo, isto é, da Igreja. Ele é o princípio, o primogênito dentre os mortos; de sorte que em tudo ele tem a primazia, 19porque Deus quis habitar nele com toda a sua plenitude 20e por ele reconciliar consigo todos os seres, os que estão na terra e no céu, realizando a paz pelo sangue da sua cruz.

Palavra do Senhor.

Evangelho do Dia

Evangelho (Lucas 10,25-37)

Aleluia, aleluia, aleluia.

Ó Senhor, vossas palavras são espírito e vida; as palavras que dizeis bem que são de eterna vida! (Jo 6,63.68)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas

Naquele tempo, 25um mestre da Lei se levantou e, querendo pôr Jesus em dificuldade, perguntou: “Mestre, que devo fazer para receber em herança a vida eterna?” 26Jesus lhe disse: “O que está escrito na Lei? Como lês?” 27Ele então respondeu: “Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração e com toda a tua alma, com toda a tua força e com toda a tua inteligência; e ao teu próximo como a ti mesmo!” 28Jesus lhe disse: “Tu respondeste corretamente. Faze isso e viverás”. 29Ele, porém, querendo justificar-se, disse a Jesus: “E quem é o meu próximo?” 30Jesus respondeu: “Certo homem descia de Jerusalém para Jericó e caiu nas mãos de assaltantes. Estes arrancaram-lhe tudo, espancaram-no e foram-se embora, deixando-o quase morto. 31Por acaso, um sacerdote estava descendo por aquele caminho. Quando viu o homem, seguiu adiante, pelo outro lado. 32O mesmo aconteceu com um levita: chegou ao lugar, viu o homem e seguiu adiante, pelo outro lado. 33Mas um samaritano, que estava viajando, chegou perto dele, viu e sentiu compaixão. 34Aproximou-se dele e fez curativos, derramando óleo e vinho nas feridas. Depois colocou o homem em seu próprio animal e levou-o a uma pensão, onde cuidou dele. 35No dia seguinte, pegou duas moedas de prata e entregou-as ao dono da pensão, recomendando: ‘Toma conta dele! Quando eu voltar, vou pagar o que tiveres gasto a mais’”. E Jesus perguntou: 36“Na tua opinião, qual dos três foi o próximo do homem que caiu nas mãos dos assaltantes?”37Ele respondeu: “Aquele que usou de misericórdia para com ele”. Então Jesus lhe disse: “Vai e faze a mesma coisa”.

Leia mais:  Liturgia Diária - sábado, 22/08/2020

Palavra da salvação.

Reflexão da Liturgia Diária

Estas palavras foram ditas por um estudioso da lei a Jesus. Ele estava citando a Lei de Levítico e Deuteronômio do Antigo Testamento (Levítico 19:18, Deuteronômio 6:5, 10:12). Jesus o elogiou por falar essas palavras. Mas então o erudito perguntou a Jesus: “E quem é o meu próximo?” Jesus respondeu contando-lhe a conhecida história do Bom Samaritano.

A história do Bom Samaritano deve nos despertar para algumas verdades não tão agradáveis ​​sobre o amor ao próximo, ou a falta dele. Primeiro, um sacerdote e um levita passaram ao lado do homem espancado e sofredor na beira da estrada e o ignoraram, passando do lado oposto da estrada. Então o samaritano passou, cheio de compaixão, e saiu de seu caminho para ajudar o homem.

A conclusão é óbvia. Devemos ser como o Bom Samaritano que mostrou misericórdia ao homem necessitado. Em um nível intelectual é fácil concluir este fato. No entanto, na prática, nem sempre é assim.

É interessante que Jesus usou um sacerdote na história como a primeira pessoa a andar do lado oposto da estrada. Uma coisa que isso nos diz é que muitas vezes buscamos a chamada “santidade exterior” enquanto, na verdade, nos falta a autêntica “santidade interior”. O padre pode ser visto como um símbolo daqueles que afirmam ser cristãos na superfície, mas falham em viver sua santidade em suas ações. Sem viver o verdadeiro amor ao próximo, somos fraudes e não vivemos de acordo com nosso chamado sagrado.

Leia mais:  Liturgia Diária - quinta-feira, 30/07/2020

Reflita, hoje, sobre a diferença entre santidade exterior e interior. O ideal é que sua vida interior seja tão completamente consumida pelo amor de Deus que transborde em suas ações exteriores. Se o seu amor por Deus não está totalmente vivo no fundo do seu coração, não há como você ser verdadeiramente santo.

Oração do Dia

Senhor da verdadeira santidade, ajuda-me a amar-te autenticamente com todo o meu coração, mente, alma e força. Ajude-me a ter um amor tão honesto por Você que também transborde em meu amor pelos outros. Que o seu precioso dom de santidade permeie minha vida e me permita amar a Ti e os outros de maneira total. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

A Liturgia Diária é vista por muitos como sendo um rito que traz uma certa formalização da missa, mas o verdadeiro significado é exatamente o contrário. A liturgia vem para fazer com que os cristãos reflitam as palavras e busquem trazê-las para a sua vida e para os seu dia a dia como forma de viver a Palavra de Deus não apenas na missa mas também na vida cotidiana.

A liturgia vem mostrar o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. A liturgia vem nos trazer orientações de como devemos pensar e agir conforme a Palavra de Deus.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.