Mundo dos Católicos

Liturgia Diária – 11ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira (14/06/2022)

Liturgia Diária da 11ª Semana do Tempo Comum, terça-feira, 14 de junho de 2022.

Receba diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Reflexão do Evangelho do Dia com Homilia Diária e Salmo. Leia agora a Liturgia de hoje no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Leitura (1 Reis 21,17-29)

Leitura do primeiro livro dos Reis.

21 17 Então a palavra do Senhor foi dirigida a Elias, o tesbita:

18 “Vai; desce ao encontro de Acab, rei de Israel, que mora em Samaria, ei-lo que desce a tomar posse da vinha de Nabot.

19 Dir-lhe-ás: ‘Isto diz o Senhor: Mataste, e agora usurpas!’ – E ajuntarás: ‘Eis o que diz o Senhor: No mesmo lugar em que os cães lamberam o sangue de Nabot, lamberão também o teu’”.

20 Acab exclamou: “Encontraste-me de novo, ó meu inimigo?” “Sim!”, respondeu Elias. “Porque te vendeste para fazer o mal aos olhos do Senhor.

21 Farei cair o mal sobre ti, varrer-te-ei, exterminarei da família de Acab em Israel todo varão, seja escravo ou livre.

22 Farei de tua casa o que fiz da de Jeroboão, filho de Nabat, e da de Baasa, filho de Aías, porque me provocaste à ira e arrastaste Israel ao pecado.

23 E eis agora o que diz o Senhor contra Jezabel: Os cães devorarão Jezabel na terra de Jezrael.

24 Todo membro da família de Acab que morrer na cidade será devorado pelos cães, e o que morrer no campo será comido pelas aves do céu.

25 Com efeito, não houve ninguém que praticasse tanto o mal aos olhos do Senhor como Acab, excitado como era por sua mulher Jezabel.

26 Levou a abominação ao extremo, seguindo os ídolos dos amorreus, que o Senhor tinha expulsado de diante dos israelitas”.

Leia mais:  Evangelho do Dia – Segunda-feira, 21ª Semana do Tempo Comum, 23/08/2021

27 Ouvindo estas palavras, Acab rasgou suas vestes, cobriu-se com um saco e jejuou; dormia, envolto no saco e andava a passos lentos.

28 Então a Palavra do Senhor foi dirigida a Elias, o tesbita, nestes termos:

29 “Viste como Acab se humilhou diante de mim? Pois que ele assim procedeu, não mandarei o castigo durante a sua vida, mas nos dias de seu filho farei vir a catástrofe sobre a sua casa”.

Palavra do Senhor.

Salmo

Misericórdia, ó Senhor, porque pecamos!

– Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia!

Na imensidão de vosso amor, purificai-me!

Lavai-me todo inteiro do pecado

e apagai completamente minha culpa!

– Eu reconheço toda a minha iniquidade,

o meu pecado está sempre à minha frente.

Foi contra vós, só contra vós, que eu pequei

e pratiquei o que é mau aos vossos olhos!

– Desviai o vosso olhar dos meus pecados

e apagai todas as minhas transgressões!

Da morte como pena, libertai-me,

e minha língua exaltará vossa justiça!

Evangelho do Dia

Evangelho (Mateus 5,43-48)

Aleluia, aleluia, aleluia.

Eu vos dou novo preceito: que uns aos outros vos ameis, como eu vos tenho amado (Jo 13,34).

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus.

5 43 Disse Jesus: “Tendes ouvido o que foi dito: Amarás o teu próximo e poderás odiar teu inimigo.

44 Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos perseguem.

45 Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos.

46 Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos?

47 Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem isto também os pagãos?

Leia mais:  Liturgia Diária - 22º Domingo do Tempo Comum, 29/08/2021

48 Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai celeste é perfeito”.

Palavra da Salvação.

Reflexão da Liturgia Diária

Este não é um comando fácil de nosso Senhor. Mas é uma ordem de amor.

Primeiro, Ele nos chama a amar nossos inimigos. Quem são nossos inimigos? Espero que não tenhamos “inimigos” no sentido daqueles que voluntariamente escolhemos odiar. Mas podemos ter pessoas em nossas vidas das quais somos tentados a ter raiva e que temos dificuldade em amar. Talvez possamos considerar qualquer um com quem lutamos como nossos inimigos.

Amá-los não significa necessariamente que devemos nos tornar melhores amigos deles, mas significa que devemos trabalhar para ter um verdadeiro afeto de cuidado, preocupação, compreensão e perdão para com eles. Isso pode ser difícil para todos, mas deve ser o nosso objetivo.

A segunda parte deste comando ajudará. Orar por aqueles que nos perseguem nos ajudará a crescer no amor e no afeto apropriados que precisamos cultivar. Este aspecto do amor é bastante simples, embora também seja bastante difícil.

Pense naqueles a quem você tem muita dificuldade em amar. Aqueles de quem você tem raiva. Pode ser um membro da família, alguém no trabalho, um vizinho ou alguém do seu passado com quem você nunca se reconciliou. Está de acordo com esta passagem do Evangelho admitir honestamente que há pelo menos alguém, ou talvez mais de uma pessoa, com quem você luta, externa ou internamente. Admitir isso é simplesmente um ato de honestidade.

Depois de identificar essa pessoa (ou pessoas), pense se você ora por elas. Você gasta tempo oferecendo-os regularmente a Deus em oração? Você ora para que Deus derrame Sua graça e misericórdia sobre eles? Isso pode ser difícil de fazer, mas é um dos atos mais saudáveis ​​que você pode fazer. Pode ser difícil demonstrar amor e afeição por eles, mas não é difícil escolher conscientemente orar por eles.

Leia mais:  Evangelho do Dia – 15º Domingo do Tempo Comum, 11/07/2021

Orar por aqueles com quem temos dificuldades é a chave para permitir que Deus promova um verdadeiro amor e preocupação em nossos corações por eles. É uma maneira de deixar Deus reformar nossas emoções e sentimentos para que não tenhamos mais que nos apegar a sentimentos de raiva ou mesmo ódio.

Comprometa-se neste dia a orar pela pessoa com quem você mais luta. Essa oração provavelmente não mudará seu amor por eles da noite para o dia, mas se você se comprometer com essa forma de oração todos os dias, com o tempo Deus mudará lentamente seu coração e o libertará do fardo da raiva e da mágoa que podem mantê-lo longe do sofrimento. Amor este que Ele quer que você tenha para com todas as pessoas.

Oração do Dia

Senhor do amor perfeito, eu oro pela pessoa por quem você quer que eu ore. Ajuda-me a amar todas as pessoas e ajuda-me a amar especialmente aqueles que são difíceis de amar. Reorganize meus sentimentos em relação a eles e me ajude a ficar livre de qualquer raiva. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Além da Liturgia Diária, é comum que nas missas o padre faça a Homilia Diária das palavras do Evangelho depois da sua leitura. Esta homilia é feita em geral por livre interpretação do celebrante.

O ponto mais importante da liturgia é o Mistério Pascal, descrevendo a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e a sua ascensão ao céus, ao reino de Deus.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.