Liturgia Diária – 28ª Semana do Tempo Comum, Quinta-feira (13/10/2022)

Reflexão do Evangelho de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 28ª Semana do Tempo Comum, Quinta-feira, 13 de outubro de 2022.

Acompanhe diariamente a Liturgia Diária de Hoje dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Salmo do dia e as Liturgias Diárias com reflexão. Leia aqui a Liturgia de hoje no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Efésios 1,1-10

Início da Carta de São Paulo aos Efésios:

Paulo, apóstolo de Cristo Jesus pela vontade de Deus, aos santos e fiéis em Cristo Jesus: 2a vós, graça e paz, da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo. 3Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele nos abençoou com toda a bênção do seu Espírito em virtude de nossa união com Cristo, no céu. 4Em Cristo, ele nos escolheu, antes da fundação do mundo, para que sejamos santos e irrepreensíveis sob o seu olhar, no amor. 5Ele nos predestinou para sermos seus filhos adotivos por intermédio de Jesus Cristo, conforme a decisão da sua vontade, 6para o louvor da sua glória e da graça com que ele nos cumulou no seu Bem-amado. 7Pelo seu sangue, nós somos libertados. Nele, as nossas faltas são perdoadas, segundo a riqueza da sua graça, 8que Deus derramou profusamente sobre nós, abrindo-nos a toda a sabedoria e prudência. 9Ele nos fez conhecer o mistério da sua vontade, o desígnio benevolente que de antemão determinou em si mesmo, 10para levar à plenitude o tempo estabelecido e recapitular em Cristo, o universo inteiro: tudo o que está nos céus e tudo o que está sobre a terra.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 97 (98)

Leia mais:  Liturgia Diária – Solenidade de Pentecostes – Domingo (19/05/2024)

O Senhor fez conhecer seu poder salvador perante as nações.

– Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios! Sua mão e o seu braço forte e santo alcançaram-lhe a vitória.

– O Senhor fez conhecer a salvação, e às nações, sua justiça; arecordou o seu amor sempre fiel pela casa de Israel.

– Os confins do universo contemplaram da salvação do nosso Deus. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, alegrai-vos e exultai!

– Cantai salmos ao Senhor ao som da harpa e da cítara suave! Aclamai, com os clarins e as trombetas, ao Senhor, o nosso Rei!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,47-54

– Aleluia, Aleluia, Aleluia

– Sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai, senão por mim (Jo 14,6).

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo, disse Jesus: 47Ai de vós, porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram. 48Com isso, vós sois testemunhas e aprovais as obras de vossos pais, pois eles mataram os profetas e vós construís os túmulos. 49É por isso que a sabedoria de Deus afirmou: ‘Eu lhes enviarei profetas e apóstolos, e eles matarão e perseguirão alguns deles, 50a fim de que se peçam contas a esta geração do sangue de todos os profetas, derramado desde a criação do mundo, 51desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o santuário. Sim, eu vos digo: serão pedidas contas disso a esta geração. 52Ai de vós, mestres da Lei, porque tomastes a chave da ciência. Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar.’ 53Quando Jesus saiu daí, os mestres da Lei e os fariseus começaram a tratá-lo mal, e a provocá-lo sobre muitos pontos. 54Armavam ciladas, para pegá-lo de surpresa, por qualquer palavra que saísse de sua boca.

Leia mais:  Liturgia Diária – 7ª Semana da Páscoa – Sábado (18/05/2024)

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

No Evangelho de hoje, Jesus continua a castigar os fariseus e os estudiosos da lei. Nesta passagem acima, Ele os castiga porque eles “retiraram a chave do conhecimento” e tentaram ativamente manter os outros longe do conhecimento que Deus quer que eles tenham. Esta é uma acusação forte e revela que os fariseus e estudiosos da lei estavam ferindo ativamente a fé do povo de Deus.

Como vimos nos últimos dias nas Escrituras, Jesus repreendeu severamente os estudiosos da lei e os fariseus por isso. E Sua repreensão não foi apenas por causa deles, é também por nossa causa, para que saibamos não seguir falsos profetas como esses e todos os que estão interessados ​​apenas em si mesmos e em sua reputação, e não na verdade.

Esta passagem do Evangelho não é apenas uma condenação deste pecado, mais importante, levanta um conceito profundo e bonito. É o conceito de “a chave do conhecimento”. Qual é a chave do conhecimento? A chave do conhecimento é a fé, e a fé só pode vir ouvindo a voz de Deus. A chave para o conhecimento é deixar Deus falar com você e revelar a você Suas mais profundas e belas verdades. Essas verdades só podem ser recebidas e acreditadas por meio da oração e da comunicação direta com Deus.

Leia mais:  Liturgia Diária – Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja - Memória, Segunda-feira (20/05/2024)

Os santos são os melhores exemplos daqueles que penetraram nos profundos mistérios da vida de Deus. Através de sua vida de oração e fé, eles conheceram Deus em um nível profundo. Muitos desses grandes santos nos deixaram belos escritos e um testemunho poderoso dos mistérios ocultos, mas revelados da vida interior de Deus.

Reflita, hoje, se você pegou ou não a “chave do conhecimento” e abriu os mistérios de Deus através de sua vida de fé e oração. Comprometa-se a buscar a Deus em sua oração pessoal diária e a buscar tudo o que Ele deseja revelar a você.

Oração do Dia

Senhor, ajuda-me a buscar-Te através de uma vida de oração diária. Nessa vida de oração, leve-me a um relacionamento profundo com você, revelando-me tudo o que você é e tudo o que é a vida. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Até meados do século XVI não havia para a liturgia diária uma padronização ou norma que caracterizava a sua obrigatoriedade, no entanto, foram Pio V e Clemente III que a implementaram. E posteriormente, através do Concílio Vaticano II onde a Liturgia teve a sua mais recente atualização, trazendo mais relevância à Sagrada Escritura na liturgia da palavra.

A liturgia é composta pela primeira leitura, segunda leitura, além do salmo do dia e o evangelho, e faz parte de toda missa celebrada pela Igreja Católica. A Liturgia Diária é única para cada dia do ano, portanto, naquele dia determinado, todas as igrejas católicas se fazem da mesma leitura.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *