Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa – Sexta-feira (26/04/2024)

Homilia de Hoje

Liturgia Diária de Sexta-feira, 26 de abril de 2024.

Receba a Liturgia do Diária dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Homilia Diária Hoje do evangelho e Oração do dia. Leia aqui a Liturgia de hoje no site Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura (At 13,26-33)

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, tendo chegado a Antioquia da Pisídia, Paulo disse na sinagoga: 26″Irmãos, descendentes de Abraão, e todos vós que temeis a Deus, a nós foi enviada esta mensagem de salvação. 27 Os habitantes de Jerusalém e seus chefes não reconheceram a Jesus e, ao condená-lo, cumpriram as profecias que se lêem todos os sábados. 28 Embora não encontrassem nenhum motivo para a sua condenação, pediram a Pilatos que fosse morto. 29 Depois de realizarem tudo o que a Escritura diz a respeito de Jesus, eles o tiraram da cruz e o colocaram num túmulo. 30 Mas Deus o ressuscitou dos mortos 31 e, durante muitos dias, ele foi visto por aqueles que o acompanharam desde a Galileia até Jerusalém. Agora eles são testemunhas de Jesus diante do povo. 32 Por isso, nós vos anunciamos este Evangelho: a promessa que Deus fez aos antepassados, 33 ele a cumpriu para nós, seus filhos, quando ressuscitou Jesus, como está escrito no salmo segundo: ‘Tu és o meu filho, eu hoje te gerei'”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Sl 2,6-7.8-9.10-11 (R. 7)

— Tu és meu Filho, e eu hoje te gerei!

—”Fui eu mesmo que escolhi este meu Rei e em Sião, meu monte santo, o consagrei!”

— O decreto do Senhor promulgarei, foi assim que me falou o Senhor Deus: “Tu és meu Filho, e eu hoje te gerei!”

Leia mais:  Liturgia Diária – 15ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (19/07/2024)

— Podes pedir-me, e em resposta eu te darei por tua herança os povos todos e as nações, e há de ser a terra inteira o teu domínio.

— Com cetro férreo haverás de dominá-los, e quebrá-los como um vaso de argila!

— E agora, poderosos, entendei; soberanos, aprendei esta lição:

— Com temor servi a Deus, rendei-lhe glória e prestai-lhe homenagem com respeito!

Evangelho do Dia

Evangelho (João 14,1-6)

— Aleluia, Aleluia, Aleluia.

— Sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (Jo 14,6)

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 1 “Não se perturbe o vosso coração. Tendes fé em Deus, tende fé em mim também. 2 Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fosse, eu vos teria dito. Vou preparar um lugar para vós, 3 e quando eu tiver ido preparar-vos um lugar, voltarei e vos levarei comigo, a fim de que onde eu estiver estejais também vós. 4 E para onde eu vou, vós conheceis o caminho”. 5 Tomé disse a Jesus: “Senhor, nós não sabemos para onde vais. Como podemos conhecer o caminho?” 6 Jesus respondeu: “Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

No Evangelho de João, os capítulos 14–17 apresentam-nos o que é referido como os “Discursos da Última Ceia” de Jesus, ou os Seus “Discursos Finais”. Esta é uma série de sermões proferidos por nosso Senhor aos discípulos na noite em que Ele foi preso. Esses discursos são profundos e repletos de imagens simbólicas. Ele fala do Espírito Santo, do Advogado, da videira e dos ramos, do ódio do mundo, e estes discursos terminam com a oração do Sumo Sacerdote de Jesus. Estes discursos começam com o Evangelho de hoje, no qual Jesus aborda o medo que se aproxima, ou corações perturbados, que Ele sabe que os seus discípulos irão experimentar.

Leia mais:  Liturgia Diária – 15ª Semana do Tempo Comum, Sábado (20/07/2024)

Vamos começar considerando esta primeira linha dita por Jesus acima: “Não se perturbe o vosso coração”. Este é um comando. É um comando gentil, mas mesmo assim é um comando. Jesus sabia que Seus discípulos logo O veriam preso, falsamente acusado, ridicularizado, espancado e morto. Ele sabia que eles ficariam impressionados com o que logo experimentariam, então aproveitou a oportunidade para repreender gentil e amorosamente o medo que logo enfrentariam.

O medo pode vir de muitas fontes diferentes. Algum medo nos é útil, como o medo presente numa situação perigosa. Neste caso, esse medo pode aumentar a nossa consciência do perigo para que procedamos com cautela. Mas o medo de que Jesus estava falando aqui era de um tipo diferente. Era um medo que poderia levar a decisões irracionais, confusão e até desespero. Este era o tipo de medo que nosso Senhor queria repreender gentilmente.

O que é que às vezes faz com que você tenha medo? Muitas pessoas lutam contra a ansiedade, a preocupação e o medo por diversos motivos. Se você luta contra isso, é importante permitir que as palavras de Jesus ressoem em sua mente e coração. A melhor maneira de superar o medo é repreendê-lo na sua origem. Ouça Jesus dizer a você: “Não se perturbe o vosso coração”. Então ouça Seu segundo mandamento: “Tendes fé em Deus, tende fé em mim também.” A fé em Deus é a cura para o medo. Quando temos fé, estamos sob o controle da voz de Deus. É a verdade de Deus que nos dirige e não a dificuldade que enfrentamos. O medo pode levar ao pensamento irracional, e o pensamento irracional pode nos levar cada vez mais à confusão. A fé atravessa a irracionalidade pela qual somos tentados, e as verdades que a fé nos apresenta trazem clareza e força.

Leia mais:  Liturgia Diária – 16º Domingo do Tempo Comum (21/07/2024)

Reflita hoje sobre o que lhe causa mais ansiedade, preocupação e medo em sua vida. Permita que Jesus fale com você, chame você à fé e repreenda esses problemas com gentileza, mas com firmeza. Quando você tem fé em Deus, você pode suportar todas as coisas. Jesus suportou a cruz. Os discípulos finalmente suportaram suas cruzes. Deus quer fortalecer você também. Deixe que Ele fale com você para que você supere tudo o que mais incomoda o seu coração.

Oração do Dia

Meu amoroso pastor, você sabe todas as coisas. Você conhece meu coração e as dificuldades que enfrento na vida. Dê-me a coragem que preciso, querido Senhor, para enfrentar cada tentação de temer com confiança em Ti. Traga clareza à minha mente e paz ao meu coração perturbado. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

A Liturgia Diária é vista por muitos como o momento formal da missa católica. Mas seu verdadeiro significado é fazer com que os cristãos reflitam as palavras e praticar seus ensinamentos no dia a dia.

A liturgia nos mostra o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo, trazendo orientações de como devemos pensar e agir conforme a Palavra de Deus.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.