Liturgia Diária – 6ª Semana da Páscoa – Segunda-feira (06/05/2024)

Liturgia do Dia

Liturgia Diária de Segunda-feira, 5 de maio de 2024.

Confira diariamente a Liturgia de Hoje dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Oração de hoje. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (At 16,11-15)

Leitura dos Atos dos Apóstolos:

11 Embarcamos em Trôade e navegamos diretamente para a ilha de Samotrácia. No dia seguinte, ancoramos em Neápolis, 12 de onde passamos para Filipos, que é uma das principais cidades da Macedônia, e que tem direitos de colônia romana. Passamos alguns dias nessa cidade. 13 No sábado, saímos além da porta da cidade para um lugar junto ao rio, onde nos parecia haver oração. Sentados, começamos a falar com as mulheres que estavam aí reunidas. 14 Uma delas chamava-se Lídia; era comerciante de púrpura, da cidade de Tiatira. Lídia acreditava em Deus e escutava com atenção. O Senhor abriu o seu coração para que aceitasse as palavras de Paulo. 15 Após ter sido batizada, assim como toda a sua família, ela convidou-nos: “Se vós me considerais uma fiel do Senhor, permanecei em minha casa”. E forçou-nos a aceitar.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Salmo 149

— O Senhor ama seu povo de verdade.

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, *e o seu louvor na assembleia dos fiéis! Alegre-se Israel em Quem o fez, *e Sião se rejubile no seu Rei!

— Com danças glorifiquem o seu nome, *toquem harpa e tambor em sua honra! Porque, de fato, o Senhor ama seu povo * e coroa com vitória os seus humildes.

— Exultem os fiéis por sua glória, * e cantando se levantem de seus leitos, com louvores do Senhor em sua boca. * Eis a glória para todos os seus santos.

Leia mais:  Liturgia Diária – 15ª Semana do Tempo Comum, Sábado (20/07/2024)

Evangelho do Dia

Evangelho (Jo 15,26b.27a)

— Aleluia, Aleluia, Aleluia.

— O Espírito Santo, a verdade, dará testemunho de mim; depois, também vós, neste mundo, de mim ireis testemunhar. (João 15,26b.27a)

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 26″Quando vier o Defensor que eu vos mandarei da parte do Pai, o Espírito da Verdade, que procede do Pai, ele dará testemunho de mim. 27 E vós também dareis testemunho, porque estais comigo desde o começo. 16,1 Eu vos disse estas coisas para que a vossa fé não seja abalada. 2 Expulsar-vos-ão das sinagogas, e virá a hora em que aquele que vos matar julgará estar prestando culto a Deus. 3 Agirão assim, porque não conheceram o Pai, nem a mim. 4a Eu vos digo isto, para que vos lembreis de que eu o disse, quando chegar a hora”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Jesus informa aos Seus discípulos que “o Espírito da verdade” virá e que o Espírito, assim como os discípulos, “testificará” Dele. Quando Jesus falou pela primeira vez estas palavras aos Seus discípulos, eles não teriam compreendido o que Ele queria dizer. Visto que essas palavras são de natureza profética, são palavras proferidas que deveriam ser cumpridas e, então, uma vez cumpridas, as palavras seriam compreendidas. Então, o que Jesus quer dizer?

Quando olhamos para os Atos dos Apóstolos e lemos sobre a Igreja primitiva, fica claro que algo incrivelmente transformador aconteceu depois que Jesus ascendeu ao Céu. Até então, os discípulos e outros seguidores de Jesus tinham fé, mas também tinham medo. Eles se comunicaram com os outros que acreditaram, mas o fizeram em segredo e com medo. Mas assim que veio o Pentecostes e o Espírito Santo, o Advogado, o Espírito da Verdade, desceu sobre eles, os Apóstolos começaram a ser usados ​​por Deus para proclamar poderosamente o Evangelho, sem medo e com grande efeito sobre muitos. Foi a esta experiência dos discípulos de Nosso Senhor, cheios do Espírito Santo, que Jesus se referia.

Leia mais:  Liturgia Diária – 15ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (19/07/2024)

Depois da morte de Jesus, e talvez ainda mais depois de Jesus ter ascendido ao Céu, é provável que alguns dos Seus discípulos concluíram imediatamente que o novo movimento que Jesus iniciou já tinha terminado. Eles nunca poderiam ter concebido a ideia de que o que Jesus começou estava apenas começando. Eles nunca poderiam ter concebido o fato de que em breve participariam no início da Igreja, proclamariam o Evangelho com coragem e poder, veriam a conversão de inúmeras vidas, testemunhariam o perdão contínuo dos pecados e, finalmente, dariam as suas vidas em imitação de nosso Senhor. Esses discípulos não tinham ideia do que os esperava com a vinda do Advogado, o Espírito da Verdade. O que os esperava era a participação na capacidade de “testificar” Jesus pelo poder do Espírito Santo. Eles logo perceberam que Jesus estava realmente mais vivo do que nunca e que Ele estava agora saindo para converter almas pelo poder do Espírito Santo e através da instrumentalidade de todos os Seus novos discípulos.

O mesmo é verdade em nossas vidas hoje. É muito comum que os cristãos simplesmente acreditem em Jesus pessoalmente, mas depois deixem de dar testemunho Dele de todo o coração pelo poder transformador do Espírito Santo. É muito comum que os seguidores de Cristo ajam mais como os discípulos antes da vinda do Espírito Santo. Muitas vezes, os cristãos guardam o Evangelho para si, com medo de dar testemunho pelo poder do Espírito Santo.

Leia mais:  Liturgia Diária – 16º Domingo do Tempo Comum (21/07/2024)

Reflita hoje sobre estas palavras proféticas de Jesus. Embora estas palavras tenham sido inicialmente ditas aos Doze, Jesus também as fala a você hoje. Ele quer que você também seja uma testemunha Dele, dando testemunho a outros para que eles venham a acreditar. Reflita sobre quão bem você cumpre esse chamado profético. Onde estiver faltando, ore pelo derramamento do Espírito Santo em sua vida para que Deus possa alcançar muitos corações através de você.

Oração do Dia

Glorioso Jesus, prometeste enviar sobre os teus discípulos e também sobre mim o Espírito Santo, o Advogado e Espírito da Verdade. Espírito Santo, eu Te acolho em minha vida e me ofereço a Ti sem reservas para ser usado para dar testemunho da Verdade. Por favor, use-me, meu Deus, e toque muitas vidas através de mim. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, por volta de XVI.

A Liturgia Diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A Liturgia Diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.