Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (02/05)

Liturgia Diária da 3ª Semana da Páscoa, segunda-feira, 2 de maio de 2022.

Confira diariamente a Liturgia Diária de Hoje dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Salmo. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (At 6,8-15)

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, 8Estêvão, cheio de graça e poder, fazia prodígios e grandes sinais entre o povo. 9Mas alguns membros da chamada Sinagoga de Libertos, junto com cirenenses e alexandrinos, e alguns da Cilícia e da Ásia, começaram a discutir com Estêvão.

10Porém, não conseguiam resistir à sabedoria e ao Espírito com que ele falava. 11Então subornaram alguns indivíduos, que disseram: “Ouvimos este homem dizendo blasfêmias contra Moisés e contra Deus”. 12Desse modo, incitaram o povo, os anciãos e os doutores da Lei, que prenderam Estêvão e o conduziram ao Sinédrio.

13Aí apresentaram falsas testemunhas, que diziam: “Este homem não cessa de falar contra este lugar santo e contra a Lei. 14E nós o ouvimos afirmar que Jesus Nazareno ia destruir este lugar e ia mudar os costumes que Moisés nos transmitiu”.

15Todos os que estavam sentados no Sinédrio tinham os olhos fixos sobre Estêvão, e viram seu rosto como o rosto de um anjo.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Responsório (Sl 118,23-30)

— Feliz é quem na lei do Senhor Deus vai progredindo.

— Que os poderosos reunidos me condenem; o que me importa é o vosso julgamento! Minha alegria é a vossa Aliança, meus conselheiros são os vossos mandamentos.

— Eu vos narrei a minha sorte e me atendestes, ensinai-me, ó Senhor, vossa vontade! Fazei-me conhecer vossos caminhos, e então meditarei vossos prodígios!

Leia mais:  Liturgia Diária - segunda-feira, 14/12/2020

— Afastai-me do caminho da mentira e dai-me a vossa lei como um presente! Escolhi seguir a trilha da verdade, diante de mim eu coloquei vossos preceitos.

Evangelho do Dia

Evangelho (Jo 6,22-29)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Depois que Jesus saciara os cinco mil homens, seus discípulos o viram andando sobre o mar. 22No dia seguinte, a multidão que tinha ficado do outro lado do mar constatou que havia só uma barca e que Jesus não tinha subido para ela com os discípulos, mas que eles tinham partido sozinhos.

23Entretanto, tinham chegado outras barcas de Tiberíades, perto do lugar onde tinham comido o pão depois de o Senhor ter dado graças. 24Quando a multidão viu que Jesus não estava ali, nem os seus discípulos, subiram às barcas e foram à procura de Jesus, em Cafarnaum.

25Quando o encontraram no outro lado do mar, perguntaram-lhe: “Rabi, quando chegaste aqui?” 26Jesus respondeu: “Em verdade, em verdade, eu vos digo: estais me procurando não porque vistes sinais, mas porque comestes pão e ficastes satisfeitos. 27Esforçai-vos não pelo alimento que se perde, mas pelo alimento que permanece até a vida eterna, e que o Filho do homem vos dará. Pois este é quem o Pai marcou com seu selo”. 28Então perguntaram: “Que devemos fazer para realizar as obras de Deus?” 29Jesus respondeu: “A obra de Deus é que acrediteis naquele que ele enviou”.

Leia mais:  Liturgia Diária - Quinta-feira, 2ª Semana do Advento, 09/12/2021

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Esta Escritura vai direto ao cerne de nossas prioridades na vida. Para que você está trabalhando? Você está trabalhando duro pelo “alimento que perece” e apenas trabalhando ligeiramente pelo “alimento que permanece para a vida eterna?” Ou vice-versa?

Por alguma razão, podemos facilmente ficar obcecados em trabalhar pelas “coisas” deste mundo. Na passagem acima, as pessoas estavam procurando por Jesus porque Ele as havia alimentado no dia anterior e elas estavam com fome novamente. Eles estavam procurando comida, literalmente. Jesus gentilmente os repreende, aproveitando isso como uma oportunidade para apontar a verdadeira razão pela qual eles deveriam buscá-Lo. A verdadeira razão é que Ele quer prover o alimento espiritual da vida eterna. Qual é o alimento que Jesus quer que você busque? Essa é uma pergunta que você deve deixar nosso Senhor responder em seu coração.

Há duas questões-chave que devemos ponderar aqui para permitir que Ele nos responda. Primeiro, “O que eu quero na vida?” Gaste tempo com isso. Passe algum tempo sozinho e tente ser honesto com essa pergunta. O que você quer? Qual é o desejo do seu coração? Se você for honesto e se permitir enfrentar seus desejos, provavelmente descobrirá que tem alguns desejos, ou mesmo muitos, que não foram colocados em seu coração por Cristo. Reconhecer quais são esses desejos é o primeiro passo para descobrir qual é o verdadeiro alimento que Jesus quer lhe dar.

A segunda pergunta-chave é esta: “Você está buscando Jesus pelo motivo certo?” Quando estamos doentes, procuramos um médico para uma cura. Quando uma criança está ferida, essa criança muitas vezes corre para um dos pais em busca de conforto. E isso é normal. Nós fazemos o mesmo. Quando estamos perdidos e confusos, muitas vezes nos voltamos para Deus em busca de respostas e ajuda. Mas, idealmente, eventualmente buscaremos a Deus para mais do que apenas cura ou conforto. Em última análise, buscaremos a Deus pela razão do amor. Vamos buscá-lo simplesmente porque o amamos e queremos amá-lo ainda mais.

Leia mais:  Evangelho do Dia - quarta-feira, 20/01/2021

Reflita, hoje, sobre o seu desejo de buscar Jesus, ou a falta dele. Quando você pode começar a buscar Jesus simplesmente porque você O ama e quer amá-Lo mais, você está no caminho certo. E enquanto você caminha por essa estrada, você descobre que é uma estrada de maior prazer e satisfação.

Oração do Dia

Jesus, ajuda-me a Te buscar. Ajude-me a buscá-lo para obter a ajuda e a cura de que preciso. Mas, mais do que isso, ajude-me a buscá-lo por amor. Meu Jesus, eu te amo. Ajuda-me a te amar mais. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, por volta de XVI.

A Liturgia Diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A Liturgia Diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Publicado por: Mundo dos Católicos

Artigos relacionados

Liturgia Diária – 5ª Semana da Páscoa, Terça-feira (17/05)

Liturgia Diária – 5ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (16/05)

Liturgia Diária – 5º Domingo da Páscoa (15/05)

Liturgia Diária – São Matias, Apóstolo – Festa, Sábado (14/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (13/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (12/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Quarta-feira (11/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Terça-feira (10/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (09/05)

Liturgia Diária – 4º Domingo da Páscoa (08/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Sábado (07/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (06/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (05/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quarta-feira (04/05)

Liturgia Diária – São Felipe e São Tiago, Apóstolos – Festa, Terça-feira (03/05)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.