Liturgia Diária – 5º Domingo do Tempo Comum (06/02)

Liturgia Diária de domingo, 6 de fevereiro de 2022.

Confira diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Salmo. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (Is 6,1-2a.3-8)

Leitura do Livro do Profeta Isaías:

1No ano da morte do rei Ozias, vi o Senhor sentado num trono de grande altura; o seu manto estendia-se pelo templo. 2aHavia serafins de pé a seu lado; cada um tinha seis asas. 3Eles exclamavam uns para os outros: “Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos; toda a terra está repleta de sua glória”.

4Ao clamor dessas vozes, começaram a tremer as portas em seus gonzos e o templo encheu-se de fumaça. 5Disse eu então: “Ai de mim, estou perdido! Sou apenas um homem de lábios impuros, mas eu vi com meus olhos o rei, o Senhor dos exércitos”.

6Nisto, um dos serafins voou para mim, tendo na mão uma brasa, que retirara do altar com uma tenaz, 7e tocou minha boca, dizendo: “Assim que isto tocou teus lábios, desapareceu tua culpa, e teu pecado está perdoado”.

8Ouvi a voz do Senhor que dizia: “Quem enviarei? Quem irá por nós?” Eu respondi: “Aqui estou! Envia-me”.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Responsório (Sl 137)

— Vou cantar-vos ante os anjos, ó Senhor,/ e ante o vosso templo vou prostrar-me.

— Ó Senhor, de coração eu vos dou graças,/ porque ouvistes as palavras dos meus lábios!/ Perante os vossos anjos vou cantar-vos/ e ante o vosso templo vou prostrar-me.

— Eu agradeço vosso amor, vossa verdade,/ porque fizestes muito mais que prometestes;/ naquele dia em que gritei, vós me escutastes/ e aumentastes o vigor da minha alma.

— Os reis de toda a terra hão de louvar-vos,/ quando ouvirem, ó Senhor, vossa promessa./ Hão de cantar vossos caminhos e dirão:/ “Como a glória do Senhor é grandiosa!”

Leia mais:  Liturgia Diária - quinta-feira, 22/10/2020

— Estendereis o vosso braço em meu auxílio/ e havereis de me salvar com vossa destra./ Contemplai em mim a obra começada;/ ó Senhor, vossa bondade é para sempre!/ Eu vos peço: não deixeis inacabada/ esta obra que fizeram vossas mãos!

2ª Leitura

Segunda Leitura(1Cor 15,3-8.11)

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios:

Irmãos: 3O que vos transmiti, em primeiro lugar, foi aquilo que eu mesmo tinha recebido, a saber: que Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras; 4que foi sepultado; que, ao terceiro dia, ressuscitou, segundo as Escrituras; 5e que apareceu a Cefas e, depois, aos Doze.

6Mais tarde, apareceu a mais de quinhentos irmãos, de uma vez. Destes, a maioria ainda vive e alguns já morreram. 7Depois, apareceu a Tiago e, depois, apareceu aos apóstolos todos juntos. 8Por último, apareceu também a mim, como a um abortivo.

11É isso, em resumo, o que eu e eles temos pregado e é isso o que crestes.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Evangelho do Dia

Anúncio do Evangelho (Lc 5, 1-11)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós!

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 1Jesus estava na margem do lago de Genesaré, e a multidão apertava-se ao seu redor para ouvir a palavra de Deus.

2Jesus viu duas barcas paradas na margem do lago. Os pescadores haviam desembarcado e lavavam as redes.

3Subindo numa das barcas, que era de Simão, pediu que se afastasse um pouco da margem. Depois sentou-se e, da barca, ensinava as multidões.

4Quando acabou de falar, disse a Simão: “Avança para águas mais profundas, e lançai vossas redes para a pesca”.

5Simão respondeu: “Mestre, nós trabalhamos a noite inteira e nada pescamos. Mas, em atenção à tua palavra, vou lançar as redes”.

Leia mais:  Liturgia Diária - sexta-feira depois das Cinzas, 19/02/2021

6Assim fizeram, e apanharam tamanha quantidade de peixes que as redes se rompiam. 7Então fizeram sinal aos companheiros da outra barca, para que viessem ajudá-los. Eles vieram, e encheram as duas barcas, a ponto de quase afundarem.

8Ao ver aquilo, Simão Pedro atirou-se aos pés de Jesus, dizendo: “Senhor, afasta-te de mim, porque sou um pecador!”

9É que o espanto se apoderara de Simão e de todos os seus companheiros, por causa da pesca que acabavam de fazer.

10Tiago e João, filhos de Zebedeu, que eram sócios de Simão, também ficaram espantados. Jesus, porém, disse a Simão: “Não tenhas medo! De hoje em diante tu serás pescador de homens”.

11Então levaram as barcas para a margem, deixaram tudo e seguiram a Jesus.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

É interessante notar que Jesus não disse simplesmente a Pedro e aos Apóstolos que se jogassem na água; em vez disso, Ele lhes disse para se jogarem nas “águas profundas”. Isso é significativo.

No encerramento do grande ano jubilar de 2000, o Papa João Paulo II escreveu uma carta apostólica, Novo Millennio Ineunte, na qual começou citando esta passagem do Evangelho. Esta passagem deu o tom para o resto de sua carta, na qual ele pediu uma nova evangelização para o próximo milênio.

“Jogue para as profundezas!” O que devemos tirar disso? O que devemos ouvir Jesus falando conosco? Devemos ouvi-lo nos chamando a “baixar nossas redes” de forma incansável e comprometida para atrair muitos outros ao Evangelho. Quando Pedro e os apóstolos fizeram isso no barco, pegaram tantos peixes que suas redes se rasgaram e eles ficaram muito surpresos. Esta é uma ação profética que nos é dada para nos dizer que devemos evangelizar com o maior entusiasmo e zelo, buscando em toda parte as ovelhas perdidas de Deus.

O mundo em que vivemos pode ser brutal às vezes. Muitas pessoas estão perdidas e confusas. O pecado é desenfreado e o desespero é predominante. Nosso mundo precisa desesperadamente de um Salvador e nós somos aqueles que Jesus deseja usar para reunir uma grande pescaria e encontrar aqueles que mais precisam. Jesus desejou que os apóstolos pegassem os peixes que estavam nas águas profundas como forma de dizer que existem inúmeras almas em nosso mundo que estão longe de Deus. Há muitas pessoas “nadando” em um oceano de confusão e dor. São essas pessoas, em particular, que Jesus quer atrair. É nossa responsabilidade atender ao mandamento de nosso Senhor e procurá-las.

Leia mais:  Evangelho do Dia - Sábado, 16ª Semana do Tempo Comum, 24/07/2021

Reflita, hoje, nestas palavras de Jesus: “Lança-te em águas profundas”. De que maneira Jesus está pedindo isso de você? Como é que Ele está chamando você para sair da sua zona de conforto e “baixar suas redes?” O que é que Ele quer de você e como Ele deseja usá-lo para promover a missão de evangelização. Preste atenção ao Seu comando e você também ficará surpreso com o bom fruto que nasce!

Oração do Dia

Senhor de infinita misericórdia, desejo entregar-me a Ti para Teu serviço e glória. Desejo sair, ao Teu comando, procurando as almas que mais necessitam de Tua abundante misericórdia. Dá-me a graça que preciso para ser fiel ao chamado que me deste para que a tua misericórdia amorosa alcance os mais necessitados. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, por volta de XVI.

A Liturgia Diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A Liturgia Diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Publicado por: Mundo dos Católicos

Artigos relacionados

Liturgia Diária – 5ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (16/05)

Liturgia Diária – 5º Domingo da Páscoa (15/05)

Liturgia Diária – São Matias, Apóstolo – Festa, Sábado (14/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (13/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (12/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Quarta-feira (11/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Terça-feira (10/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (09/05)

Liturgia Diária – 4º Domingo da Páscoa (08/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Sábado (07/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (06/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (05/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quarta-feira (04/05)

Liturgia Diária – São Felipe e São Tiago, Apóstolos – Festa, Terça-feira (03/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (02/05)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.