Mundo dos Católicos

Liturgia Diária (11 de abril de 2020)

Liturgia diária de sábado, 11 de abril de 2020.

Confira diariamente a Liturgia Diária dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Salmo. Você também pode acompanhar diariamente o Salmo do Dia aqui no Mundo dos Católicos.

A liturgia diária

Para os católicos, a liturgia é uma forma de renovação do sacrifício de Jesus Cristo para a salvação da humanidade. A liturgia diária são as lembranças de Jesus e da salvação trazendo para os cristãos uma reflexão que pode ser inserida em suas vidas.

A liturgia diária vem do grego derivado de duas palavras. A primeira “Leito” que significa: público. E a segunda palavra “Ergos” que magnifica: aquele que faz um trabalho público para o povo. A Liturgia é entendida como uma cerimônia estabelecida previamente segundo a tradição da igreja católica.

A Liturgia Diária na Igreja Católica

Liturgia Diária

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, or volta de XVI.

A liturgia diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A liturgia diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Reflexão

Hoje há um grande silêncio. O Salvador morreu. Ele descansa na tumba. Muitos corações estavam cheios de tristeza e confusão incontroláveis. Ele realmente se foi? Todas as suas esperanças foram destruídas? Esses e muitos outros pensamentos de desespero encheram a mente e o coração de muitos que amavam e seguiam Jesus.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana Comum, Quinta-feira (13/01)

É neste dia que honramos o fato de que Jesus ainda estava pregando. Ele desceu à terra dos mortos, a todas as almas santas que haviam ido antes dEle, para lhes trazer Seu presente de salvação. Ele trouxe Seu presente de misericórdia e redenção a Moisés, Abraão, os profetas e muitos outros. Este foi um dia de grande alegria para eles. Mas um dia de grande tristeza e confusão para aqueles que viram o Messias morrer na cruz.

É útil refletir sobre essa aparente contradição. Jesus estava realizando Seu ato de redenção, o maior ato de amor já conhecido, e muitos estavam em completa confusão e desespero. Isso mostra que os caminhos de Deus estão muito acima dos nossos. O que parecia ser uma grande perda, na verdade se transformou no mais glorioso triunfo já conhecido.

O mesmo acontece com as nossas vidas. O Sábado Santo deve ser um lembrete para nós de que mesmo as coisas que parecem ser as piores tragédias nem sempre são o que parecem. Deus, o Filho, obviamente estava fazendo grandes coisas ao deitar na tumba. Ele estava cumprindo Sua missão de redenção. Ele estava mudando vidas e derramando graça e misericórdia.

A mensagem do Sábado Santo é clara. É uma mensagem de esperança. Não é esperança no sentido mundano, é a mensagem da esperança divina. Esperança e confiança no plano perfeito de Deus. Esperança no fato de que Deus sempre tem um propósito maior. Esperança no fato de que Deus usa o sofrimento e, neste caso, a morte como um poderoso instrumento de salvação.

Leia mais:  Evangelho do Dia - segunda-feira, 13/07/2020

Passe algum tempo em silêncio hoje. Tente entrar na realidade do sábado santo. Deixe a esperança divina crescer dentro de você, sabendo que a Páscoa está chegando.

Senhor, agradeço-lhe o presente do seu sofrimento e morte. Obrigado por este dia de silêncio enquanto aguardamos a Sua Ressurreição. Posso esperar também o teu triunfo na minha vida. Quando luto com desespero, querido Senhor, ajude-me a ser lembrado deste dia. O dia em que tudo apareceu como perda. Ajude-me a ver minhas lutas através das lentes do sábado santo, lembrando que você é fiel em todas as coisas e que a ressurreição é sempre garantida para aqueles que depositam sua confiança em você. Jesus, eu confio em você.

Liturgia Diária com Reflexão

Além da liturgia diária, é comum que nas missas o padre ou celebrante na ocasião, faça uma reflexão das palavras do evangelho do dia. Esta reflexão é feita em geral por livre interpretação, não seguindo um texto pré-definido.

A História da Liturgia Diária

O ponto principal da liturgia é o Mistério Pascal, descrevendo a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e a sua ascensão ao céus, ao reino de Deus.

Até meados do século XVI não havia para a liturgia diária uma padronização ou norma que caracterizava a sua obrigatoriedade, no entanto, foram Pio V e Clemente III que a implementaram. E posteriormente, através do Concílio Vaticano II onde a Liturgia teve a sua mais recente atualização, trazendo mais relevância à Sagrada Escritura na liturgia da palavra.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana Comum, Terça-feira (25/01) - Conversão de São Paulo

A Liturgia Diária na Missa

A liturgia faz parte de toda missa celebrada pela Igreja Católica. A liturgia diária é única para cada dia do ano, portanto, naquele dia determinado, todas as igrejas católicas se fazem da mesma leitura.

Utilizada nas missas, a liturgia também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a liturgia diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a liturgia diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

A Liturgia nos dias de hoje

A Liturgia diária é vista por muitos como sendo um rito que trás uma certa formalização da missa, mas o verdadeiro significado é exatamente o contrário. A liturgia vem para fazer com que os cristãos reflitam as palavras e busquem trazê-las para a sua vida e para os seu dia a dia como forma de viver a Palavra de Deus não apenas na missa mas também na vida cotidiana.

A liturgia vem mostrar o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. A liturgia vem nos trazer orientações de como devemos pensar e agir conforme a Palavra de Deus.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.