Mundo dos Católicos

Liturgia Diária – 10ª Semana do Tempo Comum, Sábado (11/06/2022)

Liturgia Diária da 10ª Semana do Tempo Comum, Sábado, 11 de junho de 2022.

Leia a Liturgia do Diária dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Homilia de Hoje do evangelho e Salmo do dia. Receba a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Leitura (Atos 11,21- 26; 13,1-3)

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, 11 21 A mão do Senhor estava com eles e grande foi o número dos que receberam a fé e se converteram ao Senhor.

22 A notícia dessas coisas chegou aos ouvidos da Igreja de Jerusalém. Enviaram então Barnabé até Antioquia.

23 Ao chegar lá, alegrou-se, vendo a graça de Deus, e a todos exortava a perseverar no Senhor com firmeza de coração,

24 pois era um homem de bem e cheio do Espírito Santo e de fé. Assim uma grande multidão uniu-se ao Senhor.

25 Em seguida, partiu Barnabé para Tarso, à procura de Saulo. Achou-o e levou-o para Antioquia.

26 Durante um ano inteiro eles tomaram parte nas reuniões da comunidade e instruíram grande multidão, de maneira que em Antioquia é que os discípulos, pela primeira vez, foram chamados pelo nome de cristãos. 13 1 Havia então na Igreja de Antioquia profetas e doutores, entre eles Barnabé, Simão, apelidado o Negro, Lúcio de Cirene, Manaém, companheiro de infância do tetrarca Herodes, e Saulo.

2 Enquanto celebravam o culto do Senhor, depois de terem jejuado, disse-lhes o Espírito Santo: “Separai-me Barnabé e Saulo para a obra a que os tenho destinado”.

3 Então, jejuando e orando, impuseram-lhes as mãos e os despediram.

Leia mais:  Evangelho do Dia – Sábado, 33ª Semana do Tempo Comum, 20/11/2021

Palavra do Senhor.

Salmo

O Senhor fez conhecer seu poder salvador
E, às nações, sua justiça.

– Cantai ao Senhor Deus um canto novo,

Porque ele fez prodígios!

Sua mão e o seu braço forte e santo

Alcançaram-lhe a vitória.

– O Senhor fez conhecer a salvação

E, às nações, sua justiça;

Recordou o seu amor sempre fiel

Pela casa de Israel!

– Os confins do universo contemplam

A salvação do nosso Deus.

Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira,

Alegrai-vos e exultai!

– Cantai salmos ao Senhor ao som da harpa

E da cítara suave!

Aclamai, com os clarins e as trombetas,

Ao Senhor, o nosso rei!

Evangelho do Dia

Evangelho (Mt 10,7-13)

Aleluia, aleluia, aleluia.

Ide ao mundo e ensinai a todas as noções!

Eis que eu estou convosco até o fim do mundo! (Mt 28,19s)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 10 7 “Por onde andardes, anunciai que o Reino dos céus está próximo.

8 Curai os doentes, ressuscitai os mortos, purificai os leprosos, expulsai os demônios. Recebestes de graça, de graça dai!

9 Não leveis nem ouro, nem prata, nem dinheiro em vossos cintos,

10 nem mochila para a viagem, nem duas túnicas, nem calçados, nem bastão; pois o operário merece o seu sustento.

11 Nas cidades ou aldeias onde entrardes, informai-vos se há alguém ali digno de vos receber; ficai ali até a vossa partida.

12 Entrando numa casa, saudai-a: ‘Paz a esta casa’.

13 Se aquela casa for digna, descerá sobre ela vossa paz; se, porém, não o for, vosso voto de paz retornará a vós”.

Leia mais:  Liturgia Diária - quinta-feira, 29/10/2020

Palavra da Salvação.

Reflexão da Liturgia Diária

Esta é uma linha interessante. A princípio, parece um pouco extremo dizer que “Qualquer outra coisa é do Maligno”. Mas é claro que uma vez que estas são as palavras de Jesus, elas são palavras de verdade perfeita. Então, o que Jesus quer dizer?

Esta linha nos vem de Jesus dentro do contexto em que Ele nos ensina sobre a moralidade de fazer um juramento. A lição é essencialmente uma apresentação do princípio básico de “veracidade” encontrado no Oitavo Mandamento. Jesus está nos dizendo para sermos honestos, dizer o que queremos dizer e dizer o que dizemos.

Uma razão pela qual Jesus traz isso à tona, dentro do contexto de Seu ensino sobre fazer juramentos, é que não deveria haver necessidade de um juramento solene em nossas conversas diárias comuns. Claro, existem alguns juramentos que assumem solenidade, como votos de casamento ou votos e promessas solenemente feitos por padres e religiosos. De fato, em cada Sacramento há alguma forma de promessa solene. No entanto, a natureza dessas promessas é mais uma expressão pública de fé do que uma maneira de manter as pessoas responsáveis.

A verdade é que o Oitavo Mandamento, que nos chama a ser pessoas de honestidade e integridade, deve bastar em todas as atividades diárias. Não precisamos “jurar por Deus” sobre isso ou aquilo. Não devemos sentir a necessidade de convencer os outros de que estamos dizendo a verdade em uma situação ou outra. Em vez disso, se formos pessoas honestas e íntegras, nossa palavra será suficiente e o que dissermos será verdade simplesmente porque o dizemos.

Leia mais:  Evangelho do Dia – Segunda-feira, 15ª Semana do Tempo Comum, 12/07/2021

Reflita, hoje, em como você é honesto em todas as áreas da vida. Você construiu um hábito de veracidade em grandes e pequenos assuntos da vida? As pessoas reconhecem essa qualidade em você? Falar a verdade e ser uma pessoa da verdade são formas de anunciar o Evangelho com nossas ações. Comprometa-se com a honestidade hoje e o Senhor fará grandes coisas por meio de sua palavra falada.

Oração do Dia

Senhor da veracidade, ajuda-me a ser uma pessoa honesta e íntegra. Pelas vezes em que distorci a verdade, enganei de maneiras sutis e menti abertamente, sinto muito. Ajuda o meu “sim” a estar sempre de acordo com a tua santíssima vontade e ajuda-me a desviar-me sempre dos caminhos do erro. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

A Liturgia Diária é vista por muitos como sendo um rito que traz uma certa formalização da missa, mas o verdadeiro significado é exatamente o contrário. A liturgia vem para fazer com que os cristãos reflitam as palavras e busquem trazê-las para a sua vida e para os seu dia a dia como forma de viver a Palavra de Deus não apenas na missa mas também na vida cotidiana.

A liturgia vem mostrar o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. A liturgia vem nos trazer orientações de como devemos pensar e agir conforme a Palavra de Deus.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.