Liturgia Diária – 14ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (14/07/2023)

Reflexão do Evangelho do Dia

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sexta-feira, 14 de julho de 2023.

Receba diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Reflexão do Evangelho do Dia com Homilia Diária e Oração. Leia agora a Liturgia de hoje no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Gênesis 46, 1-7.28-30

Leitura do Livro do Gênesis:

Naqueles dias: 1Israel partiu com tudo o que tinha. Ao chegar a Bersabéia, ofereceu sacrifícios ao Deus de seu pai Isaac. 2Deus falou a Israel em visão noturna, dizendo-lhe: ‘Jacó! Jacó!’. Ele respondeu: ‘Aqui estou!’ 3E Deus lhe falou: ‘Eu sou Deus, o Deus de teu pai: não tenhas medo de descer ao Egito, pois lá farei de ti uma grande nação. 4Eu mesmo descerei contigo ao Egito e te reconduzirei de lá quando voltares; e é José que te fechará os olhos’. 5Jacó levantou-se e deixou Bersabéia, e seus filhos o puseram, com as crianças e as mulheres, sobre os carros que o Faraó enviara para os transportar. 6Levaram, também, tudo o que possuíam na terra de Canaã; e foram para o Egito, Jacó com toda a sua família, 7com seus filhos e netos, suas filhas e toda a sua descendência. 28Jacó enviou Judá na frente para avisar José e fazê-lo vir ao seu encontro em Gessen. E chegaram à terra de Gessen. 29José mandou atrelar seu carro e subiu a Gessen ao encontrou do pai. Logo que o viu, lançou-se ao seu pescoço e, abraçado a ele, chorou longamente. 30Israel disse a José: ‘Agora, morrerei contente, porque vi a tua face e te deixo com vida’.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 36 (37)

– A salvação vem de Deus!

– Confia no Senhor e faze o bem, e sobre a terra habitarás em segurança. Coloca no Senhor tua alegria, e ele dará o que pedir teu coração.

– O Senhor cuida da vida dos honestos, e sua herança permanece eternamente. Não serão envergonhados nos maus dias, mas nos tempos de penúria, saciados.

– Afasta-te do mal e faze o bem, e terás tua morada para sempre. Porque o Senhor Deus ama a justiça, e jamais ele abandona os seus amigos. Os malfeitores hão de ser exterminados, e a descendência dos malvados destruída;

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quarta-feira (17/04/2024)

– A salvação dos piedosos vem de Deus; ele os protege nos momentos de aflição. O Senhor lhes dá ajuda e os liberta, defende-os e protege-os contra os ímpios, e os guarda porque nele confiaram.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 10, 16-23

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

-Quando o paráclito vier, o Espírito da verdade, ele vos conduzirá a toda a verdade, lembrar-vos-á de tudo o que eu tenho falado (Jo 16,13; 14,26);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus:

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 16Eis que eu vos envio como ovelhas no meio de lobos. Sede, portanto, prudentes como as serpentes e simples como as pombas. 17Cuidado com os homens, porque eles vos entregarão aos tribunais e vos açoitarão nas suas sinagogas. 18Vós sereis levados diante de governadores e reis, por minha causa, para dar testemunho diante deles e das nações. 19Quando vos entregarem, não fiqueis preocupados como falar ou o que dizer. Entóo naquele momento vos será indicado o que deveis dizer. 20Com efeito, não sereis vós que havereis de falar, mas sim o Espírito do vosso Pai é que falará através de vós. 21O irmão entregará à morte o próprio irmóo; o pai entregará o filho; os filhos se levantarão contra seus pais, e os matarão. 22Vós sereis odiados por todos, por causa do meu nome. Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo. 23Quando vos perseguirem numa cidade, fugi para outra. Em verdade vos digo, vós não acabareis de percorrer as cidades de Israel, antes que venha o Filho do Homem.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Esta é uma lição fácil de entender, mas muito difícil de viver. Esse ensinamento de Jesus vem dentro do contexto em que Ele disse a Seus apóstolos que, ao saírem para pregar o Evangelho do Reino, seriam entregues aos tribunais, açoitados nas sinagogas e conduzidos perante governadores e reis. Eles serão perseguidos em uma cidade após a outra por compartilhar o Evangelho. Embora tal “conversa estimulante” possa não parecer a princípio tão encorajador, a passagem do Evangelho citada acima deve fornecer muito encorajamento. Encorajamento, isto é, se puderem seguir com fé os conselhos de Jesus.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

Quando somos condenados, julgados, incompreendidos e afins, é muito comum começarmos a montar nossa defesa dentro de nossas mentes imediatamente. Justificamos nossas ações, estabelecemos um tribunal em nossas mentes pelo qual agimos como juiz e júri do outro, considerando-os culpados e aplicando-lhes punições. O pecado tradicionalmente referido como “amor-próprio” é um pecado que se origina do orgulho e não é amor de forma alguma. Ela nos tenta a nos defender, usando nossa própria sabedoria e conselho humanos.

Se considerarmos cuidadosamente o ensinamento de Jesus acima, a maioria das pessoas perceberá que é um ensinamento muito difícil de aceitar. Essencialmente, quando você é condenado ou maltratado por outro, permaneça em silêncio em seu coração. Não pense imediatamente na ferida que eles infligiram. Não fique obcecado com a aparente injustiça. Não se preocupe ou fique ansioso com a percepção da perseguição. Em vez disso, volte seus olhos para Jesus, considere apenas Sua Voz e Sua Verdade. E em vez de olhar para a ferida que foi infligida a você, olhe para a pessoa que a infligiu. E olhe para eles com amor. Eles não são inimigos, eles são o campo de batalha pela Verdade, e é sua missão ajudá-los a ouvir a verdade de Deus. Então, como você faz isso? A resposta de Jesus é direta. “Você receberá naquele momento o que deve dizer.” Além disso, Jesus deixa claro que deve ser o “Espírito de seu Pai” quem deve falar através de você em tal caso.

Viver tal ensinamento requer especialmente duas coisas: humildade e confiança. A humildade permitirá que a tentação do amor-próprio (orgulho) seja posta de lado. Isso é essencial se você quiser ouvir a Voz de Deus falando com você e, finalmente, permitir que Ele fale através de você. Em segundo lugar, é essencial que você confie que o que Jesus diz é verdade. Você deve confiar que, se for humilde e aberto à Sua Voz, Ele lhe dará Suas palavras quando Ele quiser que sejam ditas. Isso é difícil, porque muitas vezes queremos dizer muito mais do que Deus escolhe dizer. Muitas vezes Deus nos chama ao silêncio diante da injustiça. Um silêncio que também está impregnado de amor pelo perseguidor. Isso requer muita confiança na graça de Deus, o que resulta em abundância de caridade de sua parte.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Terça-feira (16/04/2024)

Reflita, hoje, sobre este ensinamento de nosso Senhor. Pense em como você reage quando alguém o condena ou julga. Como você responde a tais perseguições? Comece com o silêncio, volte os olhos para o outro por amor a ele e depois ouça e espere no Senhor. Espere até que Ele lhe dê as palavras para dizer. Fazer isso não é apenas bom para o perseguidor, mas também excepcionalmente bom para sua própria alma e santidade de vida.

Oração do Dia

Meu paciente Senhor, Tu, que és o Salvador do Mundo e o Deus de todos, deixaste-te falsamente acusar, julgar e condenar. Durante tudo isso, Tu permanecestes em silêncio e falou apenas quando o Pai falou através de Ti . Ajuda-me a ser livre de todo orgulho, querido Senhor, para que eu fale apenas Suas palavras sagradas, pense apenas nos pensamentos inspirados por Ti e aja apenas em Seu santo mandamento de amor. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Além da Liturgia Diária, é comum que nas missas o padre faça a Homilia Diária das palavras do Evangelho depois da sua leitura. Esta homilia é feita em geral por livre interpretação do celebrante.

O ponto mais importante da liturgia é o Mistério Pascal, descrevendo a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e a sua ascensão ao céus, ao reino de Deus.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *