Liturgia Diária – 22ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira (30/08/2022)

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 22ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira, 30 de agosto de 2022.

Receba diariamente a Liturgia Diária Católica em nosso site. Acompanhe o Evangelho comentado de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (1Cor 2,10b-16)

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios.

Irmãos, 10bo Espírito esquadrinha tudo, mesmo as profundezas de Deus. 11Quem dentre os homens conhece o que se passa no homem senão o espírito do homem que está nele? Assim também, ninguém conhece o que existe em Deus, a não ser o Espírito de Deus. 12Nós não recebemos o espírito do mundo, mas recebemos o Espírito que vem de Deus, para que conheçamos os dons da graça que Deus nos concedeu. 13Desses dons também falamos, não com palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas com a sabedoria aprendida do Espírito: assim, ajustamos uma linguagem espiritual às realidades espirituais.

14O homem psíquico — o que fica no nível de suas capacidades naturais — não aceita o que é do Espírito de Deus: pois isso lhe parece uma insensatez. Ele não é capaz de conhecer o que vem do Espírito, porque tudo isso só pode ser julgado com a ajuda do mesmo Espírito. 15Ao contrário, o homem espiritual — enriquecido com o dom do Espírito — julga tudo, mas ele mesmo não é julgado por ninguém. 16Com efeito, quem conheceu o pensamento do Senhor, de maneira a poder aconselhá-lo? Nós, porém, temos o pensamento de Cristo.

– Palavra do Senhor.

Salmo

Salmo Responsorial (Sl 144)

É justo o Senhor em seus caminhos!

— Misericórdia e piedade é o Senhor,/ ele é amor, é paciência, é compaixão./ O Senhor é muito bom para com todos,/ sua ternura abraça toda criatura.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Sábado (24/02/2024)

— Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem,/ e os vossos santos com louvores vos bendigam!/ Narrem a glória e o esplendor do vosso reino/ e saibam proclamar vosso poder!

— Para espalhar vossos prodígios entre os homens/ e o fulgor de vosso reino esplendoroso./ O vosso reino é um reino para sempre,/ vosso poder, de geração em geração.

— O Senhor é amor fiel em sua palavra,/ é santidade em toda obra que ele faz./ Ele sustenta todo aquele que vacila/ e levanta todo aquele que tombou.

Evangelho do Dia

Evangelho (Lc 4,31-37)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 31Jesus desceu a Cafarnaum, cidade da Galileia, e aí ensinava-os aos sábados. 32As pessoas ficavam admiradas com o seu ensinamento, porque Jesus falava com autoridade. 33Na sinagoga, havia um homem possuído pelo espírito de um demônio impuro, que gritou em alta voz: 34“Que queres de nós, Jesus Nazareno? Vieste para nos destruir? Eu sei quem tu és: tu és o Santo de Deus!”

35Jesus o ameaçou, dizendo: “Cala-te, e sai dele!” Então o demônio lançou o homem no chão, saiu dele, e não lhe fez mal nenhum. 36O espanto se apossou de todos e eles comentavam entre si: “Que palavra é essa? Ele manda nos espíritos impuros, com autoridade e poder, e eles saem”. 37E a fama de Jesus se espalhava em todos os lugares da redondeza.

— Palavra da Salvação.

Reflexão da Liturgia Diária

Sim, é um pensamento assustador. Demônios são reais. Ou é assustador? Se olharmos para toda a cena aqui, descobrimos que Jesus é claramente vitorioso sobre o demônio e o expulsa sem permitir que ele faça mal ao homem. Então, verdade seja dita, esta passagem é muito mais assustadora para os demônios do que deveria ser para nós!

Leia mais:  Liturgia Diária – 2º Domingo da Quaresma (25/02/2024)

Mas o que isso nos diz é que os demônios são reais, eles nos odeiam e desejam profundamente nos destruir. Então, se isso não é assustador, deveria pelo menos nos fazer sentar e prestar atenção.

Demônios são anjos caídos que mantêm seus poderes naturais. Embora eles tenham se afastado de Deus e agido com completo egoísmo, Deus não despoja seus poderes naturais a menos que eles os usem mal e nos voltemos para Ele em busca de ajuda. Então, do que os demônios são capazes? Assim como os santos anjos, os demônios têm poderes naturais de comunicação e influência sobre nós e sobre nosso mundo. Os anjos recebem o cuidado do mundo e de nossas vidas. Aqueles anjos que caíram da graça agora tentam usar seu poder sobre o mundo e seu poder para nos influenciar e se comunicar conosco para o mal. Eles se afastaram de Deus e agora querem nos transformar.

Uma coisa que isso nos diz é que devemos agir constantemente com discernimento. É fácil ser tentado e desviado por um demônio mentiroso. No caso acima, esse pobre homem cooperou tanto com esse demônio que ele tomou posse total de sua vida. Embora esse nível de influência e controle sobre nós seja bastante raro, pode acontecer. O mais importante, no entanto, é que simplesmente entendemos e acreditamos que os demônios são reais e eles constantemente tentam nos desviar do caminho.

Leia mais:  Liturgia Diária – 2ª Semana da Quaresma, Segunda-feira (26/02/2024)

Mas a boa notícia é que Jesus tem todo o poder sobre eles e facilmente os confronta e os domina se buscarmos Sua graça para fazê-lo.

Reflita, hoje, sobre a realidade do mal e a realidade das tentações demoníacas em nosso mundo. Todos nós os experimentamos. Eles não são nada para se assustar demais. E eles não devem ser vistos sob uma luz excessivamente dramática. Os demônios são poderosos, mas o poder de Deus triunfa facilmente se deixarmos que Ele assuma o controle. Então, ao refletir sobre a realidade do mal e das tentações demoníacas, reflita também sobre o desejo de Deus de entrar e torná-los impotentes. Permita que Deus assuma o comando e confie que Deus vencerá.

Oração do Dia

Todo-Poderoso Senhor, quando estou tentado e confuso, por favor, venha a mim. Ajude-me a discernir o maligno e suas mentiras. Que eu me volte para Ti, o Todo-Poderoso em todas as coisas, e que eu possa confiar na poderosa intercessão dos santos anjos que você me confiou. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Nas missas, a Liturgia Diária também pode ser usada em outras celebrações da igreja, além de outros momentos como em Grupos de Orações por exemplo.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é a missa de domingo. Neste dia, os católicos devem ir à missa para cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica que diz “Ouvir Missa inteira nos domingos e festas de guarda”.

Deste modo, a Liturgia Diária é a ação do povo em uniformidade com Deus. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de palavras, gestos ou sinais.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.