Liturgia Diária – 28ª Semana do Tempo Comum, Segunda-feira (16/10/2023)

Liturgia Diária

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Segunda-feira, 16 de outubro de 2023.

Leia diariamente a Liturgia do Dia em nosso site. Receba a reflexão do Evangelho do Dia em nosso site e acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Romanos 1, 1-7

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos:

1Eu, Paulo, servo de Jesus Cristo, apóstolo por vocação, escolhido para o Evangelho de Deus, 2Esse Evangelho, que Deus havia prometido, por meio de seus profetas, nas Sagradas Escrituras, 3e que diz respeito a seu Filho, descendente de Davi segundo a carne, 4autenticado como Filho de Deus com poder, pelo Espírito de Santidade que o ressuscitou dos mortos, Jesus Cristo, Nosso senhor. 5É por Ele que recebemos a graça da vocação para o apostolado, a fim de podermos trazer à obediência da fé todos os povos pagãos, para a glória de seu nome. 6Entre esses povos estais também vós, chamados a ser discípulos de Jesus Cristo. 7A vós todos que morais em Roma, amados de Deus e santos por vocação, graça e paz da parte de Deus, nosso Pai, e de nosso Senhor, Jesus Cristo.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 97 (98)

– O Senhor fez conhecer a salvação.

– Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios! Sua mão e o seu braço forte e santo alcançaram-lhe a vitória.

– O Senhor fez conhecer a salvação, e às nações, sua justiça; recordou o seu amor sempre fiel pela casa de Israel.

– Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, alegrai-vos e exultai!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11, 29-32

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

– Oxalá ouvísseis hoje a sua voz: Não fecheis os corações como em Meriba! (SI 94,8);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo: 29Quando as multidões se reuniram em grande quantidade, Jesus começou a dizer: ‘Esta geração é uma geração má. Ela busca um sinal, mas nenhum sinal lhe será dado, a não ser o sinal de Jonas. 30Com efeito, assim como Jonas foi um sinal para os ninivitas, assim também será o Filho do Homem para esta geração. 31No dia do julgamento, a rainha do Sul se levantará juntamente com os homens desta geração, e os condenará. Porque ela veio de uma terra distante para ouvir a sabedoria de Salomão. E aqui está quem é maior do que Salomão. 32No dia do julgamento, os ninivitas se levantarão juntamente com esta geração e a condenarão. Porque eles se converteram quando ouviram a pregação de Jonas. E aqui está quem é maior do que Jonas.’

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Você já se pegou procurando sinais de Deus? Muitas vezes, quando passamos pela vida, navegando pelos altos e baixos que todos vivenciamos, podemos facilmente nos encontrar procurando sinais de Deus sobre o que devemos fazer a respeito disto ou daquilo. E embora Deus certamente se comunique conosco às vezes através de graças especiais que são sinais do Céu, a passagem acima dá clareza a qual sinal devemos estar mais atentos.

A mensagem simples nesta passagem do evangelho de nosso Senhor é que devemos descobrir o significado do sinal mais profundo já dado e usá-lo como base de todas as nossas decisões na vida. A vida, a morte e a ressurreição de Jesus não foram apenas a fonte da vida eterna, mas também o sinal mais claro de que precisamos ao tomarmos todas as nossas decisões na vida.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Sexta-feira (19/04/2024)

Um sinal é alguma ação que revela um mistério profundo e oculto. Um mistério que a vida, a morte e a ressurreição de Jesus revelam é que se quisermos participar da nova vida conquistada para nós pela Sua Cruz, então devemos seguir o exemplo que Ele deu, vivendo uma vida de sacrifício altruísta, entregando nossas vidas por outros, para que descubram e abracem a vida nova da Ressurreição de Cristo. Falando de forma prática, se você está procurando respostas na vida, buscando sinais de Deus sobre o que você deve fazer às vezes, então volte seus olhos para a vida de Cristo e pondere maneiras pelas quais você pode imitar mais plenamente Sua vida em todas as atividades práticas diárias e as decisões que você toma. Isto é verdade quer você esteja discernindo alguma decisão importante na vida ou alguma pequena decisão do dia a dia.

É comum fazermos esse discernimento olhando para nós mesmos de uma forma mais egoísta. É difícil afastar-nos desta linha de pensamento, mas se quisermos usar o “sinal” do Filho do Homem, então discerniremos as nossas decisões de vida de forma muito diferente. Quando usamos a vida, morte e ressurreição de nosso Senhor como fonte de nosso discernimento e tomada de decisão na vida, acabaremos tomando decisões que imitam Seu sacrifício altruísta de amor. Portanto, se você se deparar com uma decisão, não irá ponderar sobre o que é mais fácil ou o que prefere; em vez disso, você ponderará o que é mais altruísta e melhor para os outros. O que melhor imita o amor sacrificial de Jesus?

Reflita hoje sobre qualquer decisão que você esteja tentando tomar. Em seguida, reflita sobre como você está tomando essa decisão. Você usa o testemunho que Jesus nos deu como base do seu discernimento? Você reflete sobre como pode entregar sua vida como um presente de sacrifício pelos outros? Você olha para o amor do ponto de vista da Cruz de Nosso Senhor e se esforça para imitar Sua dedicação gloriosa e altruísta à salvação daqueles a quem Ele ama? Procure imitar nosso Senhor, usando o testemunho de Suas ações como base de todo o seu discernimento e decisões na vida, e você terá descoberto o único sinal verdadeiro de que precisa para navegar nos desafios da vida.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Sábado (20/04/2024)

Oração do Dia

Meu perfeito Senhor, cada decisão que você tomou na vida foi feita por amor e estava de acordo com a perfeita vontade do Pai. Dá-me a graça que preciso para tomar todas as decisões na vida imitando o Teu exemplo perfeito. Que minha vida te imite quando você deu sua vida pelos outros. Eu escolho a Ti e sua gloriosa vida sacrificial como o sinal pelo qual sou direcionado na vida. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *