Mundo dos Católicos

Liturgia Diária – 2ª Semana Comum, Quinta-feira (20/01) – São Sebastião

Liturgia Diária de quinta-feira, 20 de janeiro de 2022.

Leia diariamente a Liturgia do Dia aqui no Mundo dos Católicos. Primeira Leitura, Salmo do Dia e Evangelho. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (1Sm 18,6-9;19,1-7)

Leitura do Primeiro Livro de Samuel.

18,6Naqueles dias, quando Davi voltou, depois de ter matado o filisteu, as mulheres de todas as cidades de Israel saíram ao encontro do rei Saul, dançando e cantando alegremente ao som de tamborins e címbalos.

7E, enquanto dançavam, diziam em coro: “Saul matou mil, mas Davi matou dez mil”. 8Saul ficou muito encolerizado com isto e não gostou nada da canção, dizendo: “A Davi deram dez mil, e a mim somente mil. Que lhe falta ainda, senão a realeza?” 9E, a partir daquele dia, não olhou mais para Davi com bons olhos.

19,1Saul falou a Jônatas, seu filho, e a todos os seus servos sobre sua intenção de matar Davi. Mas Jônatas, filho de Saul, amava profundamente Davi, 2e preveniu-o a respeito disso, dizendo: “Saul, meu pai, procura matar-te; portanto, toma cuidado amanhã de manhã, e fica oculto em um esconderijo. 3Eu mesmo sairei em companhia de meu pai, no campo, onde estiveres, e lhe falarei de ti, para ver o que ele diz, e depois te avisarei de tudo o que eu souber”.

4Então Jônatas falou bem de Davi a Saul, seu pai, e acrescentou: “Não faças mal algum ao teu servo Davi, porque ele nunca te ofendeu. Ao contrário, o que ele tem feito foi muito proveitoso para ti. 5Arriscou a sua vida, matando o filisteu, e o Senhor deu uma grande vitória a todo o Israel. Tu mesmo foste testemunha e te alegraste. Por que, então, pecarias, derramando sangue inocente e mandando matar Davi sem motivo?”

Leia mais:  Evangelho do Dia - sábado, 01/08/2020

6Saul, ouvindo isto, e aplacado com as razões de Jônatas, jurou: “Pela vida do Senhor, ele não será morto!” 7Então Jônatas chamou Davi e contou-lhe tudo isto. Levou-o em seguida a Saul, para que ele retomasse o seu lugar, como antes.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Responsório (Sl 55)

— É no Senhor que eu confio e nada temo!

— Tende pena e compaixão de mim, ó Deus, pois há tantos que me calcam sob os pés, e agressores me oprimem todo dia! Meus inimigos de contínuo me espezinham, são numerosos os que lutam contra mim!

— Do meu exílio registrastes cada passo, em vosso odre recolhestes cada lágrima, e anotastes tudo isso em vosso livro!

— Meus inimigos haverão de recuar em qualquer dia em que eu vos invocar; tenho certeza: o Senhor está comigo!

— Confio em Deus e louvarei sua promessa. É no Senhor que eu confio e nada temo: que poderia contra mim um ser mortal? Devo cumprir, ó Deus, os votos que vos fiz, e vos oferto um sacrifício de louvor.

Evangelho do Dia

Evangelho (Mc 3,7-12)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 7Jesus se retirou para a beira do mar, junto com seus discípulos. Muita gente da Galileia o seguia. 8E também muita gente da Judeia, de Jerusalém, da Idumeia, do outro lado do Jordão, dos territórios de Tiro e Sidônia, foi até Jesus, porque tinham ouvido falar de tudo o que ele fazia. 9Então Jesus pediu aos discípulos que lhe providenciassem uma barca, por causa da multidão, para que não o comprimisse.

Leia mais:  Evangelho do Dia - domingo, 22/11/2020

10Com efeito, Jesus tinha curado muitas pessoas, e todos os que sofriam de algum mal jogavam-se sobre ele para tocá-lo. 11Vendo Jesus, os espíritos maus caíam a seus pés, gritando: “Tu és o Filho de Deus!” 12Mas Jesus ordenava severamente para não dizerem quem ele era.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Nesta passagem, Jesus repreende os espíritos imundos e ordena que eles se abstenham de torná-lo conhecido aos outros. Porque ele faz isto?

Nesta passagem, Jesus ordena que os espíritos imundos permaneçam em silêncio porque seu testemunho da verdade de quem Jesus é não pode ser confiável. Eles não podem ser confiáveis. A chave para entender aqui é que os demônios muitas vezes enganam os outros falando alguma verdade de uma maneira um pouco errônea. Eles misturam a verdade com o erro. Portanto, eles não são dignos de falar qualquer verdade sobre Jesus.

Isso deve nos dar uma visão da proclamação do Evangelho em geral. Há muitos a quem ouvimos pregar o Evangelho, mas nem tudo que ouvimos ou lemos é totalmente confiável. Existem inúmeras opiniões, conselheiros e pregadores em nosso mundo hoje. Às vezes o pregador dirá algo bem verdadeiro, mas então, consciente ou inconscientemente, misturará essa verdade com pequenos erros. Isso causa grandes danos e leva muitos ao erro.

Portanto, a primeira coisa que devemos tirar dessa passagem é que devemos sempre ouvir atentamente o que é pregado e tentar discernir se o que é dito está ou não em plena união com o que Jesus revelou. Esta é a principal razão pela qual devemos sempre confiar na pregação de Jesus conforme é revelada por meio de nossa Igreja. Jesus garante que Sua verdade é falada por meio de Sua Igreja. Portanto, o Catecismo da Igreja Católica, a vida dos santos e a sabedoria do magistério devem ser sempre usados ​​como base para tudo o que ouvimos e pregamos aos outros.

Leia mais:  Liturgia Diária – 10ª Semana do Tempo Comum, Quinta-feira (09/06/2022)

Reflita, hoje, em quão completamente você confia em nossa Igreja. Claro, nossa Igreja está cheia de pecadores; somos todos pecadores. Mas nossa Igreja também está cheia da plenitude da verdade e você deve entrar em uma profunda confiança em tudo o que Jesus tem e continua a revelar a você por meio de Sua Igreja. Ofereça uma oração de gratidão neste dia pela autoridade de ensino da Igreja e comprometa-se a aceitar plenamente essa autoridade.

Oração do Dia

Meu Senhor de toda a Verdade, agradeço-Te pelo dom da Tua Igreja. Hoje, agradeço-Te especialmente pelo dom do ensinamento claro e autorizado que me chega por meio da Igreja. Que eu sempre confie nessa autoridade e ofereça uma total submissão de minha mente e vontade a tudo o que você revelou, especialmente por meio de nosso Santo Padre e dos santos. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.