Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa – Segunda-feira (22/04/2024)

Homilia Diária

Liturgia Diária de Segunda-feira, 22 de abril de 2024.

Confira diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Aqui você fica sabendo qual o Evangelho do Dia de Hoje e acompanha a Liturgia aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura: Atos 11,1-18

Leitura dos Atos dos Apóstolos – Naqueles dias, 1os apóstolos e os irmãos que viviam na Judeia souberam que também os pagãos haviam acolhido a Palavra de Deus. 2Quando Pedro subiu a Jerusalém, os fiéis de origem judaica começaram a discutir com ele, dizendo: 3“Tu entraste na casa de pagãos e comeste com eles!” 4Então, Pedro começou a contar-lhes, ponto por ponto, o que havia acontecido: 5“Eu estava na cidade de Jope e, ao fazer oração, entrei em êxtase e tive a seguinte visão: vi uma coisa parecida com uma grande toalha que, sustentada pelas quatro pontas, descia do céu e chegava até junto de mim. 6Olhei atentamente e vi dentro dela quadrúpedes da terra, animais selvagens, répteis e aves do céu. 7Depois ouvi uma voz que me dizia: ‘Levanta-te, Pedro, mata e come’. 8Eu respondi: ‘De modo nenhum, Senhor! Porque jamais entrou coisa profana e impura na minha boca’. 9A voz me disse pela segunda vez: ‘Não chames impuro o que Deus purificou’. 10Isso repetiu-se por três vezes. Depois a coisa foi novamente levantada para o céu. 11Nesse momento, três homens se apresentaram na casa em que nos encontrávamos. Tinham sido enviados de Cesareia, à minha procura. 12O Espírito me disse que eu fosse com eles sem hesitar. Os seis irmãos que estão aqui me acompanharam e nós entramos na casa daquele homem. 13Então ele nos contou que tinha visto um anjo apresentar-se em sua casa e dizer: ‘Manda alguém a Jope para chamar Simão, conhecido como Pedro. 14Ele te falará de acontecimentos que trazem a salvação para ti e para toda a tua família’. 15Logo que comecei a falar, o Espírito Santo desceu sobre eles, da mesma forma que desceu sobre nós no princípio. 16Então eu me lembrei do que o Senhor havia dito: ‘João batizou com água, mas vós sereis batizados no Espírito Santo’. 17Deus concedeu a eles o mesmo dom que deu a nós, que acreditamos no Senhor Jesus Cristo. Quem seria eu para me opor à ação de Deus?” 18Ao ouvirem isso, os fiéis de origem judaica se acalmaram e glorificavam a Deus, dizendo: “Também aos pagãos Deus concedeu a conversão que leva para a vida!”

Leia mais:  Liturgia Diária – 15ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (19/07/2024)

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Salmo 41 (42)

– Minha alma suspira por vós, ó meu Deus.

– Assim como a corça suspira / pelas águas correntes, / suspira igualmente minha alma / por vós, ó meu Deus!

– A minha alma tem sede de Deus / e deseja o Deus vivo. / Quando terei a alegria de ver / a face de Deus?

– Enviai vossa luz, vossa verdade: / elas serão o meu guia; / que me levem ao vosso monte santo, / até a vossa morada!

– Então irei aos altares do Senhor, / Deus da minha alegria. / Vosso louvor cantarei ao som da harpa, / meu Senhor e meu Deus!

Evangelho do Dia

Evangelho: João 10,1-10

Aleluia, aleluia, aleluia.

Eu sou o bom pastor; conheço minhas ovelhas, / e elas me conhecem, assim fala o Senhor (Jo 10,14). – R.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João – Naquele tempo, disse Jesus: 1“Em verdade, em verdade vos digo, quem não entra no redil das ovelhas pela porta, mas sobe por outro lugar, é ladrão e assaltante. 2Quem entra pela porta é o pastor das ovelhas. 3A esse o porteiro abre, e as ovelhas escutam a sua voz; ele chama as ovelhas pelo nome e as conduz para fora. 4E, depois de fazer sair todas as que são suas, caminha à sua frente, e as ovelhas o seguem, porque conhecem a sua voz. 5Mas não seguem um estranho, antes fogem dele, porque não conhecem a voz dos estranhos”. 6Jesus contou-lhes esta parábola, mas eles não entenderam o que ele queria dizer. 7Então Jesus continuou: “Em verdade, em verdade vos digo, eu sou a porta das ovelhas. 8Todos aqueles que vieram antes de mim são ladrões e assaltantes, mas as ovelhas não os escutaram. 9Eu sou a porta. Quem entrar por mim será salvo; entrará e sairá e encontrará pastagem. 10O ladrão só vem para roubar, matar e destruir. Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 15ª Semana do Tempo Comum, Sábado (20/07/2024)

– Palavra da salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Você reconhece a voz do Pastor? Ele o conduz todos os dias, guiando-o em Sua santa vontade? Quão atento você está ao que Ele fala todos os dias? Estas são algumas das questões mais importantes a serem ponderadas.

Reconhecer a voz de Deus é algo que muitas pessoas enfrentam. Muitas vezes há muitas “vozes” concorrentes que falam conosco todos os dias. Desde as últimas notícias nas manchetes, às opiniões de amigos e familiares, às tentações que nos rodeiam no mundo secular, às nossas próprias opiniões, estas “vozes” ou “ideias” que enchem as nossas mentes podem ser difíceis de compreender para resolver. O que é de Deus? E o que vem de outras fontes?

Reconhecer a voz de Deus é realmente possível. Em primeiro lugar, existem muitas verdades gerais que Deus já nos falou. Por exemplo, tudo o que está contido nas Sagradas Escrituras é a voz de Deus. Sua Palavra está viva. E quando lemos as Escrituras, ficamos cada vez mais familiarizados com a voz de Deus.

Deus também fala conosco por meio de inspirações gentis que resultam em Sua paz. Por exemplo, ao considerar uma determinada decisão que você pode precisar tomar, se você apresentar essa decisão ao nosso Senhor em oração e depois permanecer aberto para tudo o que Ele deseja de você, muitas vezes Sua resposta virá na forma de uma paz profunda e certa no coração.

Leia mais:  Liturgia Diária – 16º Domingo do Tempo Comum (21/07/2024)

Aprender a reconhecer a voz de Deus em sua vida diária é conseguido através da construção de um hábito interior de ouvir, reconhecer, responder, ouvir um pouco mais, reconhecer e responder, etc. voz da maneira mais sutil, e quanto mais você ouvir as sutilezas de Sua voz, mais será capaz de segui-la. No final, isso só é conseguido através de um hábito contínuo de oração profunda e sustentada. Sem isso, será muito difícil reconhecer a voz do Pastor quando mais precisamos Dele.

Reflita hoje sobre o quão atento você está a Deus em oração. Como é sua oração diária? Você passa algum tempo todos os dias ouvindo a voz gentil e bela de nosso Senhor? Você procura criar um hábito pelo qual Sua voz se torne cada vez mais clara? Se não, se você tem dificuldade em reconhecer a Sua voz, então tome a decisão de estabelecer um hábito mais profundo de oração diária para que seja a voz do nosso amoroso Senhor que o conduz todos os dias.

Oração do Dia

Jesus, meu Bom Pastor, Tu falas comigo todos os dias. Tu estás constantemente me revelando Sua santíssima vontade para minha vida. Ajude-me a sempre reconhecer Sua voz gentil para que eu possa ser guiado por Ti nos desafios da vida. Que minha vida de oração se torne tão profunda e sustentadora que Sua voz sempre ecoe em meu coração e alma. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Além da Liturgia Diária, é comum que nas missas o padre faça a Reflexão Diária das palavras do Evangelho depois dessa leitura. Esta reflexão é feita em geral por interpretação própria do celebrante.

O ponto mais alto da liturgia é o Mistério Pascal, descrevendo a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e a sua ascensão ao céus.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.