Liturgia Diária – 9ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira (06/06/2023)

Liturgia do Dia

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Terça-feira, 6 de junho de 2023.

Confira diariamente a Liturgia de Hoje dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Oração de hoje. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Tobias 2, 9-14

Leitura do Livro de Tobias:

Eu, Tobias, na noite de Pentecostes, depois de ter sepultado um morto, 9tomei banho, entrei no pátio de minha casa e deitei-me, junto à parede do pátio, deixando o rosto descoberto por causa do calor. 10Não sabia que, na parede, por cima de mim, havia pardais aninhados. Seu excremento quente caiu nos meus olhos e provocou manchas brancas. Fui procurar os médicos para me tratarem. Quanto mais remédios me aplicavam, mais meus olhos se obscureciam com as manchas, até que fiquei completamente cego. Durante quatro anos estive privado da vista. Todos os meus irmãos se afligiram por minha causa. Aicar cuidou do meu sustento, durante dois anos, até que partiu para Elimaida. 11Naquela ocasião, Ana, minha mulher, dedicou-se a trabalhos femininos, tecendo ló. 12Entregava o produto aos patrões e estes lhe pagavam o salário No sétimo dia do mês de Distros, ela separou a peça de tecido que estava pronta, e mandou-a aos patrões. Estes pagaram-lhe todo o salário e ainda lhe deram um cabrito para a mesa. 13Quando entrou em minha casa, o cabrito começou a balar. Chamei minha mulher e perguntei-lhe: ‘De onde vem este cabrito? Não terá sido roubado? Devolve-o a seus donos, pois não temos o direito de comer coisa alguma roubada’. 14Ela respondeu-me: ‘É um presente que me foi dado além do salário’. Mas não acreditei nela e insisti que o devolvesse aos patrões, ficando bastante contrariado por causa disso. Ela então replicou: ‘Onde estão as tuas esmolas? Onde estão as tuas obras de justiça? Vê-se bem em ti o que elas são!’

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 111 (112)

– O coração do justo é firme e confiante no Senhor.

Leia mais:  Liturgia Diária – 10ª Semana do Tempo Comum, Sábado (15/06/2024)

– Feliz o homem que respeita o Senhor e que ama com carinho a sua lei! Sua descendência será forte sobre a terra, abençoada a geração dos homens retos!

– Ele não teme receber notícias más: confiando em Deus, seu coração está seguro. Seu coração está tranqüilo e nada teme, e confusos há de ver seus inimigos.

– Ele reparte com os pobres os seus bens, permanece para sempre o bem que fez, e crescerão a sua glória e seu poder.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 12, 13-17

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– Que o Pai do Senhor Jesus Cristo vos dê do saber o Espírito, para que conheçais a esperança reservada para vós como herança! (Ef 1,17s);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos:

Naquele tempo: 13As autoridades mandaram alguns fariseus e alguns partidários de Herodes, para apanharem Jesus em alguma palavra. 14Quando chegaram, disseram a Jesus: ‘Mestre, sabemos que tu és verdadeiro, e não dás preferência a ninguém. Com efeito, tu não olhas para as aparências do homem, mas ensinas, com verdade, o caminho de Deus. Dize-nos: É lícito ou não pagar o imposto a César? Devemos pagar ou não?’ 15Jesus percebeu a hipocrisia deles, e respondeu: ‘Por que me tentais? Trazei-me uma moeda para que eu a veja.’ 16Eles levaram a moeda, e Jesus perguntou: ‘De quem é a figura e a inscrição que está nessa moeda?’ Eles responderam: ‘É de César.’ 17Então Jesus disse: ‘Dai, pois, a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus.’ E eles ficaram admirados com Jesus.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Esses fariseus e herodianos foram enviados para prender Jesus em Seu discurso. Esses homens tinham uma mentalidade muito política e adoravam escolher lados e criticar os outros. Eles eram hipócritas e pouco se importavam com a salvação das almas. Então eles vieram a Jesus com o que parecia ser uma pergunta inocente. Eles parecem presumir que Jesus se oporia ao pagamento do imposto do censo a César e, se o fizesse, estavam prontos para denunciá-lo às autoridades civis. Eles não se importavam com a verdade; eles só se preocupavam em prender nosso divino Senhor. Quando trouxeram a moeda romana a Jesus com a imagem de César nela, Jesus falou aquela frase profundamente sábia: “Pague a César o que é de César e a Deus o que é de Deus”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 10ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (14/06/2024)

Claramente, se esses líderes religiosos hipócritas tivessem vindo a Jesus com humildade e sinceridade, Jesus teria respondido a eles de maneira muito diferente. Mas porque eles vieram apenas para prender, torcer e destruir nosso Senhor, Jesus os coloca em seu lugar com um ato de sabedoria divina. Ele não mostra apoio ao pagamento do imposto do censo, nem fala contra isso. Portanto, esta passagem do Evangelho termina com a frase: “Eles ficaram totalmente maravilhados com ele”. “Espantamento” é a resposta certa. Portanto, de certa forma, podemos aprender com esses líderes religiosos hipócritas. Sempre que nos deparamos com a profunda sabedoria de Deus, devemos experimentar reverência e santo assombro.

Claro, o espanto que eles experimentaram foi porque Jesus frustrou sua armadilha maligna. Mas mesmo que seja esse o caso, podemos aprender com isso que a sabedoria de Deus nunca pode ser superada. A sabedoria de Deus silencia a loucura da época e revela a malícia oculta por trás desse mal.

Você já se deparou com os truques dos “sabe-tudo” seculares de nossa época? Você já foi desafiado por alguém, teve sua fé atacada diretamente ou suas convicções morais foram questionadas? Provavelmente, se você escolheu viver sua fé abertamente e com confiança, pode ter sentido o ataque de outra pessoa. Para aqueles que carecem de uma fé profunda e de um claro dom da sabedoria divina, tais artimanhas podem causar confusão e ansiedade. Você pode descobrir que não sabe como responder e se sentir preso pela “sabedoria” errônea da época. Nesse caso, o que você faz? A única resposta para as falsas doutrinas e enganos que todos encontraremos no mundo cada vez mais secular e ateu é a resposta que vem da sabedoria divina. Por nós mesmos, nenhum de nós é sábio o suficiente para combater esses erros. Portanto, nosso único recurso é nos voltarmos continuamente para a sabedoria de Deus.

Leia mais:  Liturgia Diária – 11º Domingo do Tempo Comum (16/06/2024)

Voltamo-nos para a sabedoria de Deus por meio da oração e do estudo sagrado. Nossa oração abre nossas mentes para a voz clara de Deus que fala a verdade pura. E o estudo sagrado, especialmente das Escrituras, dos ensinamentos da Igreja e da vida dos santos, ajudará a esclarecer a voz de Deus e dissipar a confusão que o mundo tenta lançar sobre nós. No final, se não estivermos imergindo nossas mentes na verdadeira sabedoria de Deus, estaremos despreparados para o que encontraremos no mundo.

Reflita, hoje, sobre sua necessidade de ser preenchido com a sabedoria divina para navegar pelas artimanhas e tolices do mundo. Reconheça que você não é sábio o suficiente sozinho para atravessar a confusão da vida. Ore pelo dom da sabedoria e permita que nosso Senhor o conceda a você.

Oração do Dia

Senhor de toda a Verdade, Você é sábio além de toda a sabedoria mundana e frustra as artimanhas do maligno. Abra minha mente, querido Senhor, para a Sua santa Verdade para que eu possa navegar pelos desafios da vida. Conceda-me sua sabedoria, querido Senhor, para que eu possa segui-lo onde quer que você me guie. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, por volta de XVI.

A Liturgia Diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A Liturgia Diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *