Liturgia Diária – Santo André Dung-Lac, Presbítero, e companheiros mártires – Memória, Sexta-feira (24/11/2023)

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sexta-feira, 24 de novembro de 2023.

Receba aqui diariamente o Evangelho de Hoje Comentado da Liturgia em nosso site. Acompanhe o Evangelho do dia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Macabeus 4, 36-37.52-59

Leitura do primeiro livro dos Macabeus:

36Naqueles dias, Judas e seus irmãos disseram: ‘Nossos inimigos foram esmagados. Vamos purificar o lugar santo e reconsagrá-lo’. 37Todo o exército então se reuniu e subiu ao monte Sião. 52No vigésimo quinto dia do nono mês, chamado Casleu, do ano cento e quarenta e oito, levantaram-se ao romper da aurora, 53e ofereceram um sacrifício conforme a Lei, sobre o novo altar dos holocaustos que haviam construído. 54O altar foi novamente consagrado ao som de cânticos, acompanhados de cítaras, harpas e címbalos, na mesma época do ano e no mesmo dia em que os pagãos o haviam profanado. 55Todo o povo prostrou-se com o rosto em terra para adorar e louvar a Deus que lhes tinha dado um feliz triunfo. 56Durante oito dias celebraram a dedicação do altar, oferecendo com alegria holocaustos e sacrifícios de comunhão e de louvor. 57Ornaram com coroas de ouro e pequenos escudos a fachada do templo. Reconstruíram as entradas e os alojamentos, nos quais colocaram portas. 58Grande alegria tomou conta do povo, pois fora reparado o ultraje infligido pelos pagãos. 59De comum acordo com os irmãos e toda a assembléia de Israel, Judas determinou que os dias da dedicação do altar fossem celebrados anualmente com alegres festejos, no tempo exato, durante oito dias, a partir do dia vinte e cinco do mês de Casleu.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 1Cr 29

– Queremos celebrar o vosso nome glorioso.

– Bendito sejais vós, ó Senhor Deus, Senhor Deus de Israel, o nosso pai. desde sempre e por toda a eternidade!R.

– A Vós pertencem a grandeza e o poder toda a glória, esplendor e majestade, pois tudo é vosso: o que há no céu e sobre a terra!

Leia mais:  Liturgia Diária – 2ª Semana da Quaresma, Segunda-feira (26/02/2024)

– A vós, Senhor, também pertence a realeza, pois sobre a terra, como rei, vos elevais! Toda glória e riqueza vêm de vós!

– Sois o Senhor e dominais o universo, em vossa mão se encontra a força e o poder, em vossa mão tudo se afirma e tudo cresce!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 19, 45-48

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– Minhas ovelhas escutam minha voz, eu as conheço e elas me seguem (Jo 10, 27)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo: 45Jesus entrou no Templo e começou a expulsar os vendedores. 46E disse: ‘Está escrito: ‘Minha casa será casa de oração’. No entanto, vós fizestes dela um antro de ladrões.’ 47Jesus ensinava todos os dias no Templo. Os sumos sacerdotes, os mestres da Lei e os notáveis do povo procuravam modo de matá-lo. 48Mas não sabiam o que fazer, porque o povo todo ficava fascinado quando ouvia Jesus falar.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Jesus tinha acabado de entrar em Jerusalém para a próxima festa da Páscoa. Ele chegou àquela cidade santa e voltou no dia seguinte e entrou na área do Templo. Ao testemunhar a corrupção daqueles que vendiam animais para os sacrifícios do Templo, Jesus respondeu com uma pregação fervorosa na tentativa de limpar o Templo desta corrupção. Ele citou o profeta Isaías e gritou: “Está escrito: Minha casa será uma casa de oração, mas vocês fizeram dela um covil de ladrões”. O Evangelho de Lucas assinala a reação dos principais sacerdotes, dos escribas e dos líderes do povo. Eles estavam “procurando matá-lo”. No entanto, como relata ainda o Evangelho, “eles não conseguiram encontrar nenhuma maneira de cumprir o seu propósito, porque todo o povo se apegava às suas palavras”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 2ª Semana da Quaresma, Quarta-feira (28/02/2024)

É importante considerar esta passagem dentro de seu contexto. As palavras que Jesus falou eram palavras que procuravam limpar o Templo da corrupção. Com a aprovação dos sacerdotes do templo, que se beneficiavam do imposto do templo, havia muitas pessoas que usavam a prática da adoração divina para obter lucro egoísta, transformando o Templo num mercado. Jesus podia ver isso claramente, e muitas pessoas também teriam sentido a corrupção dessas práticas. Embora precisassem comprar animais para os sacrifícios rituais e para as refeições da Páscoa, muitos deles provavelmente ficaram perturbados com esse abuso. Portanto, ao falar com fervor e condenação, Jesus irritou os responsáveis ​​pela corrupção, mas deixou o povo consolado. Portanto, eles estavam “agarrados às suas palavras”.

O Evangelho é sempre consolador e, para quem está aberto, leva-o a agarrar-se a cada palavra que é dita. Refresca e revigora, esclarece e motiva. Normalmente, quando pensamos no Evangelho, pensamos em palavras gentis e convidativas – palavras de misericórdia para o pecador e compaixão para aqueles que estão lutando. Mas às vezes a pura mensagem do Evangelho de nosso Senhor ataca ferozmente o pecado e o mal. E embora isto possa ser chocante para os malfeitores, para aqueles que têm fé pura, estas palavras também revigoram e fortalecem.

Hoje, precisamos da mensagem completa do Evangelho. Muitos precisam de ouvir o gentil convite de Jesus à conversão, através do qual os seus pesados ​​fardos são aliviados. Mas muitos outros precisam ouvir Suas firmes palavras de condenação. E a Igreja como um todo precisa que ambas as mensagens sejam proclamadas se quisermos participar plenamente no ministério apostólico de nosso Senhor. Somente nosso Senhor tem o direito de condenar, castigar e chamar outros ao arrependimento. Mas todos somos chamados a participar nesta missão do Senhor. E embora não tenhamos o direito de julgar o coração dos outros, quando vemos o mal objetivo e a desordem em nosso mundo e até mesmo em nossa Igreja, devemos clamar com nosso Senhor: “Minha casa será uma casa de oração, mas você fez dele um covil de ladrões.” E quando ouvimos as palavras santas e inspiradas dos mensageiros de Deus que proclamam a verdade com ousadia e coragem e chamam outros ao arrependimento, isso deve inspirar-nos, revigorar-nos e consolar-nos à medida que nos vemos dependentes de cada palavra deles.

Leia mais:  Liturgia Diária – 2ª Semana da Quaresma, Terça-feira (27/02/2024)

Reflita, hoje, sobre as mensagens do Evangelho que precisam ser pregadas em nossos dias e que são inspiradas por Deus e também fervorosamente dirigidas à corrupção no mundo e até mesmo dentro de nossa Igreja. Permita-se apoiar essa pregação sagrada e ser inspirado por ela. Apegue-se a estas palavras sagradas dos profetas de Deus hoje. Ao fazê-lo, Deus irá protegê-los e inspirá-los a continuar a Sua santa missão de purificação.

Oração do Dia

Meu Senhor purificador, a corrupção dentro do nosso mundo, e às vezes até dentro da nossa Igreja, requer a Tua santa pregação e ação purificadora. Por favor, envie Seus mensageiros aos necessitados para que todos possam ser purificados como Você purificou o Templo. Que eu possa participar desta missão da maneira como Tu me chamas, e que eu sempre me apegue a cada palavra dita pelo Teu coração misericordioso e fervoroso de amor. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada em todas as missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outros momentos ou celebrações católicas.

A igreja celebra o Mistério de Cristo todos os dias do ano, e seu ponto mais importante é o domingo. Neste dia, os católicos vão à missa como maneira de cumprir um dos Cinco Mandamentos.

Sendo assim, a Liturgia é a ação em unidade do povo de Deus. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária costuma ser comentada por seu celebrante.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.