Liturgia Diária – Solenidade da Imaculada Conceição de Maria, Sexta-feira (08/12/2023)

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sexta-feira, 8 de dezembro de 2023.

Receba diariamente a Liturgia Diária de Hoje dos Católicos em nosso site. Leitura da Liturgia Diária de Hoje em nosso site. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (Gn 3,9-15.20)

Leitura do Livro do Gênesis:

Depois que Adão comeu do fruto da árvore, 9 o Senhor chamou Adão, dizendo: “Onde estás?” 10 E ele respondeu: “Ouvi tua voz no jardim, e fiquei com medo porque estava nu; e me escondi”.

11 Disse-lhe o Senhor Deus: “E quem te disse que estavas nu? Então comeste da árvore, de cujo fruto te proibi comer?”

12 Adão disse: “A mulher que tu me deste por companheira, foi ela que me deu do fruto da árvore, e eu comi”.

13 Disse o Senhor Deus à mulher: “Por que fizeste isso?” E a mulher respondeu: “A serpente enganou-me e eu comi”.

14 Então o Senhor Deus disse à serpente: “Porque fizeste isso, serás maldita entre todos os animais domésticos e todos os animais selvagens! Rastejarás sobre o ventre e comerás pó todos os dias de tua vida! 15 Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar”. 20 E Adão chamou à sua mulher “Eva”, porque ela é a mãe de todos os viventes.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Salmo 97 (98)

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios!

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios! Sua mão e o seu braço forte e santo alcançaram-lhe a vitória.

— O Senhor fez conhecer a salvação, e às nações, sua justiça; recordou o seu amor sempre fiel pela casa de Israel.

— Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, alegrai-vos e exultai!

2ª Leitura

Segunda Leitura (Ef 1,3-6.11-12)

Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios:

3 Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele nos abençoou com toda a bênção do seu Espírito em virtude de nossa união com Cristo, no céu.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Sexta-feira (23/02/2024)

4 Em Cristo, ele nos escolheu, antes da fundação do mundo, para que sejamos santos e irrepreensíveis sob o seu olhar, no amor.

5 Ele nos predestinou para sermos seus filhos adotivos por intermédio de Jesus Cristo, conforme a decisão de sua vontade, 6 para o louvor da sua glória e da graça com que ele nos cumulou no seu Bem-amado.

11 Nele também nós recebemos a nossa parte. Segundo o projeto daquele que conduz tudo conforme a decisão de sua vontade, nós fomos predestinados 12 a sermos, para o louvor de sua glória, os que de antemão colocaram sua esperança em Cristo.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Evangelho do Dia

Evangelho (Lc 1,26-38)

— Aleluia! Aleluia! Aleluia!

— Maria, alegra-te, ó cheia de graça, o Senhor é contigo! (cf. Lc 1,28)

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 26 no sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27 a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da Virgem era Maria.

28 O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!”

29 Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.

30 O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31 Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32 Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33 Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”.

34 Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?”

35 O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36 Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37 porque para Deus nada é impossível”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Sábado (24/02/2024)

38 Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

O que significa ser “cheio de graça”? Esta é uma questão que está no centro da nossa solene celebração de hoje.

Hoje homenageamos a Bem-Aventurada Virgem Maria, a Mãe do Salvador do Mundo, sob o título único de “A Imaculada Conceição”. Este título reconhece que a graça encheu a sua alma desde o momento da sua concepção, preservando-a assim da mancha do pecado. Embora esta verdade tenha sido defendida durante séculos entre os fiéis católicos, foi solenemente declarada como um dogma da nossa fé em 8 de dezembro de 1854, pelo Papa Pio IX. Em sua declaração dogmática ele afirmou:

“Declaramos, pronunciamos e definimos que a doutrina que sustenta que a Santíssima Virgem Maria, no primeiro momento de sua concepção, por singular graça e privilégio concedido por Deus Todo-Poderoso, em vista dos méritos de Jesus Cristo, o Salvador da raça humana, preservada livre de toda mancha do pecado original, é uma doutrina revelada por Deus e, portanto, deve ser acreditada firme e constantemente por todos os fiéis.”

Ao elevar esta doutrina da nossa fé ao nível de um dogma, o santo padre declarou que esta verdade deve ser considerada certa por todos os fiéis. É uma verdade que se encontra nas palavras do anjo Gabriel: “Salve, cheio de graça!” Estar “cheio” de graça significa exatamente isso. Completo! 100%. Curiosamente, o Santo Padre não disse que Maria nasceu num estado de Inocência Original como Adão e Eva antes de caírem no Pecado Original. Em vez disso, a Bem-Aventurada Virgem Maria é declarada preservada do pecado por “uma graça singular”. Embora ela ainda não tivesse concebido seu Filho, foi declarado que a graça que Ele conquistaria para a humanidade por Sua Cruz e Ressurreição transcendeu o tempo para curar nossa Mãe Santíssima no momento de sua concepção, preservando-a até mesmo da mancha do pecado original, pelo dom da graça.

Por que Deus faria isso? Porque nenhuma mancha de pecado poderia ser misturada com a Segunda Pessoa da Santíssima Trindade. E se a Bem-Aventurada Virgem Maria se tornasse um instrumento adequado pelo qual Deus se une à nossa natureza humana, então ela precisava ser preservada de todo pecado. Além disso, ela permaneceu na graça durante toda a sua vida, recusando-se a abandonar Deus por sua própria vontade.

Leia mais:  Liturgia Diária – Cátedra de São Pedro, Apóstolo - Festa, Quinta-feira (22/02/2024)

Ao celebrarmos hoje este dogma da nossa fé, voltem os olhos e o coração para a nossa Mãe Santíssima, simplesmente ponderando aquelas palavras ditas pelo anjo: “Salve, cheia de graça!” Reflita sobre elas hoje, refletindo sobre elas repetidamente em seu coração. Imagine a beleza da alma de Maria. Imagine a virtude perfeita e cheia de graça que ela desfrutou em sua humanidade. Imagine sua fé perfeita, sua esperança perfeita e sua caridade perfeita. Reflita sobre cada palavra que ela falou, sendo inspirada e dirigida por Deus. Ela realmente é a Imaculada Conceição. Honre-a como tal hoje e sempre.

Oração do Dia

Minha mãe e minha rainha, eu te amo e te honro neste dia como A Imaculada Conceição! Contemplo sua beleza e virtude perfeita. Agradeço por sempre dizer “Sim” à vontade de Deus em sua vida e por permitir que Deus use você com tanto poder e graça. Ore por mim, para que, à medida que eu conheça você mais profundamente como minha própria mãe espiritual, eu também possa imitar sua vida de graça e virtude em todas as coisas. Mãe Maria, rogai por nós. Jesus eu confio em vós!

A Liturgia Diária para os Católicos

Até meados do século XVI não havia para a liturgia diária uma padronização ou norma que caracterizava a sua obrigatoriedade, no entanto, foram Pio V e Clemente III que a implementaram. E posteriormente, através do Concílio Vaticano II onde a Liturgia teve a sua mais recente atualização, trazendo mais relevância à Sagrada Escritura na liturgia da palavra.

A liturgia é composta pela primeira leitura, segunda leitura, além do salmo do dia e o evangelho, e faz parte de toda missa celebrada pela Igreja Católica. A Liturgia Diária é única para cada dia do ano, portanto, naquele dia determinado, todas as igrejas católicas se fazem da mesma leitura.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.