Liturgia Diária – Terça-feira (22/02) – Cátedra de São Pedro, Apóstolo. Festa

Liturgia Diária de terça-feira, 22 de fevereiro de 2022.

Confira diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia com Homilia Diária e Salmo. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (1Pd 5,1-4)

Leitura da Primeira Carta de São Pedro.

Caríssimos, 1exorto aos presbíteros que estão entre vós, eu, presbítero como eles, testemunha dos sofrimentos de Cristo e participante da glória que será revelada: 2Sede pastores do rebanho de Deus, confiado a vós; cuidai dele, não por coação, mas de coração generoso; não por torpe ganância, mas livremente; 3não como dominadores daqueles que vos foram confiados, mas antes, como modelos do rebanho. 4Assim, quando aparecer o pastor supremo, recebereis a coroa permanente da glória.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Responsório (Sl 22)

O Senhor é o pastor que me conduz, não me falta coisa alguma.

— O Senhor é o pastor que me conduz; não me falta coisa alguma. Pelos prados e campinas verdejantes ele me leva a descansar. Para as águas repousantes me encaminha, e restaura as minhas forças.

— Ele me guia no caminho mais seguro, pela honra do seu nome. Mesmo que eu passe pelo vale tenebroso, nenhum mal eu temerei. Estais comigo com bastão e com cajado, eles me dão a segurança!

— Preparais à minha frente uma mesa, bem à vista do inimigo; com óleo vós ungis minha cabeça, e o meu cálice transborda.

Leia mais:  Liturgia Diária - domingo, 02/08/2020

— Felicidade e todo bem hão de seguir-me, por toda a minha vida; e, na casa do Senhor, habitarei pelos tempos infinitos.

Evangelho do Dia

Evangelho (Mt 16,13-19)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 13Jesus foi à região de Cesaréia de Filipe e ali perguntou aos seus discípulos: “Quem dizem os homens ser o Filho do Homem?” 14Eles responderam: “Alguns dizem que é João Batista; outros que é Elias; outros ainda, que é Jeremias ou algum dos profetas”. 15Então Jesus lhes perguntou: “E vós, quem dizeis que eu sou?” 16Simão Pedro respondeu: “Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo”.

17Respondendo, Jesus lhe disse: “Feliz és tu, Simão, filho de Jonas, porque não foi um ser humano que te revelou isso, mas o meu Pai que está no céu. 18Por isso eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e o poder do inferno nunca poderá vencê-la. 19Eu te darei as chaves do Reino dos Céus: tudo o que tu ligares na terra será ligado nos céus; tudo o que tu desligares na terra será desligado nos céus”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Esta passagem deve nos dar grande conforto. Por que? Porque nesta passagem Jesus lança o fundamento de Sua Igreja. Ele dá a Pedro as chaves do Reino dos Céus. E, ao fazê-lo, Ele estabelece o que veio a ser conhecido como o dom da “infalibilidade”.

Leia mais:  Liturgia Diária - Sábado, 24ª Semana do Tempo Comum, 18/09/2021

Pense nisso. O que significa receber “as chaves do Reino dos Céus?” Esta é uma afirmação e tanto. Mas ao falar clara e definitivamente, Jesus confiou um incrível poder espiritual a Pedro. Pedro pode não ter entendido exatamente o que isso significava na época, mas ele teria sido mudado ao receber tal autoridade.

Por “infalibilidade” queremos dizer que Pedro tinha a garantia de ensinar apenas o que era verdade nas áreas de fé e moralidade. Fé e moralidade são o que vivem para sempre no Reino dos Céus e, portanto, é com autoridade nessas áreas que Pedro é confiado.

Além disso, sabemos que os Apóstolos tiveram sucessores. Pedro foi para Roma e tornou-se Bispo de Roma. Ele foi sucedido por Linus, depois Cleto, depois Clemente, e assim por diante até o bispo de Roma hoje. Isso é importante notar porque essa autoridade espiritual que Jesus deu a Pedro não terminou com sua morte. Em vez disso, continuou com seus sucessores e continuará até o fim do mundo.

Hoje, ao celebrar a grande festa da Cátedra de São Pedro, não só honramos o Papa, mas também nos regozijamos na autoridade espiritual que foi confiada ao Santo Padre. E sabendo que Jesus está vivo de tal maneira, através da autoridade de ensino certa das Chaves do Céu, devemos estar confortados e em paz sabendo que as portas do inferno nunca prevalecerão contra a Igreja. Os papas são pecadores, mas também são instrumentos visíveis e infalíveis do próprio Cristo cada vez que exercem seu papel sagrado.

Leia mais:  Liturgia Diária (28 de abril de 2020)

Reflita, hoje, sobre sua fé na Igreja. Não depositamos nossa fé em pessoas, depositamos nossa fé em Cristo, Sua Igreja e na autoridade espiritual confiada à Igreja. Reflita sobre sua própria fé a esse respeito e, se de alguma forma estiver faltando, renove-a em homenagem a esta grande festa da Cátedra de São Pedro.

Oração do Dia

Senhor Jesus, Tu confiaste Teu poder e autoridade a São Pedro e a todos os seus sucessores. Agradeço-vos o dom do nosso Papa. Eu oro por ele e o ofereço a Você para Sua orientação e proteção. Renovo minha fé no dom do Santo Padre e em sua promessa de nos conduzir sempre por meio dele. Que minha fé em Tua Igreja me traga consolo e esperança enquanto todos avançamos para o objetivo de nossa salvação, o glorioso Reino dos Céus. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Além da Liturgia Diária, é comum que nas missas o padre faça a Homilia Diária das palavras do Evangelho depois da sua leitura. Esta homilia é feita em geral por livre interpretação do celebrante.

O ponto mais importante da liturgia é o Mistério Pascal, descrevendo a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo e a sua ascensão ao céus, ao reino de Deus.

Publicado por: Mundo dos Católicos

Artigos relacionados

Liturgia Diária – 5ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (16/05)

Liturgia Diária – 5º Domingo da Páscoa (15/05)

Liturgia Diária – São Matias, Apóstolo – Festa, Sábado (14/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (13/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (12/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Quarta-feira (11/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Terça-feira (10/05)

Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (09/05)

Liturgia Diária – 4º Domingo da Páscoa (08/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Sábado (07/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (06/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (05/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quarta-feira (04/05)

Liturgia Diária – São Felipe e São Tiago, Apóstolos – Festa, Terça-feira (03/05)

Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Segunda-feira (02/05)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.