Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Sábado (24/02/2024)

Salmo de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sábado, 24 de fevereiro de 2024.

Receba aqui diariamente o Evangelho de Hoje Comentado da Liturgia em nosso site. Acompanhe o Evangelho do dia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Deuteronômio 26, 16-19

Leitura do livro do Deuteronômio:

Moisés dirigiu a palavra ao povo de Israel e lhe disse: 16″Hoje, o Senhor teu Deus te manda cumprir esses preceitos e decretos. Guarda-os e observa-os com todo o teu coração e com toda a tua alma. 17Tu escolheste hoje o Senhor para ser o teu Deus, para seguires os seus caminhos e guardares seus preceitos, mandamentos e decretos, e para obedeceres à sua voz. 18E o Senhor te escolheu, hoje, para que sejas para ele um povo particular, como te prometeu, a fim de observares todos os seus mandamentos. 19Assim ele te fará ilustre entre todas as nações que criou e te tornará superior em honra e glória, a fim de que sejas o povo santo do Senhor teu Deus, como ele disse”.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 118 (119)

– Feliz é quem na lei do Senhor Deus vai progredindo!

– Feliz o homem sem pecado em seu caminho, que na lei do Senhor Deus vai progredindo! Feliz o homem que observa seus preceitos e de todo o coração procura a Deus!

– Os vossos mandamentos vós nos destes para serem fielmente observados. Oxalá seja bem firme a minha vida em cumprir vossa vontade e vossa lei!

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

– Quero louvar-vos com sincero coração, pois aprendi as vossas justas decisões. Quero guardar vossa vontade e vossa lei; Senhor, não me deixeis desamparado!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5, 43-48

– Salve, ó Cristo, imagem do Pai, a plena verdade nos comunicai!

– Eis o tempo de conversão, eis o dia da salvação (2Cor 6,2);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus:

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 43″Vós ouvistes o que foi dito: ‘Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo!’ 44Eu, porém, vos digo, amai os vossos inimigos e rezai por aqueles que vos perseguem! 45Assim vos tornareis filhos do vosso Pai que está nos céus, porque ele faz nascer o sol sobre maus e bons e faz cair a chuva sobre justos e injustos. 46Porque, se amais somente aqueles que vos amam, que recompensa tereis? Os cobradores de impostos não fazem a mesma coisa? 47E se saudais somente os vossos irmãos, o que fazeis de extraordinário? Os pagãos não fazem a mesma coisa? 48Portanto, sede perfeitos como o vosso Pai celeste é perfeito”.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

O Evangelho de hoje termina com Jesus dizendo: “Portanto, sede perfeitos como o vosso Pai celeste é perfeito”. Este é um chamado elevado! E é claro que parte da perfeição a que sois chamados exige um amor generoso e total também por aqueles que considerais vossos “inimigos” e por aqueles que vos “perseguem”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quarta-feira (17/04/2024)

Quando confrontados com esta elevada vocação, uma reação imediata pode ser a de desânimo. Ao se deparar com um comando tão desafiador, é compreensível que você se sinta incapaz de tal amor, especialmente quando a dor causada por outra pessoa é contínua. Mas há outra reação que é inteiramente possível e que devemos almejar. E essa reação é de profunda gratidão.

A gratidão que devemos nos permitir experimentar se deve ao fato de que nosso Senhor deseja que participemos de Sua vida de perfeição. E o fato de Ele nos ordenar a viver esta vida também nos diz que isso é inteiramente possível. Que presente! Que honra é ser convidado por nosso Senhor a amar com o Seu próprio coração e a amar na medida em que Ele ama todas as pessoas. O fato de todos nós sermos chamados a este nível de amor deveria resultar em nossos corações dando profundas graças ao nosso Senhor.

Se, no entanto, o desânimo for a sua reação imediata a esse chamado de Jesus, tente olhar para os outros de uma nova perspectiva. Tente suspender o julgamento em relação a eles, especialmente contra aqueles que mais o machucaram e continuam a magoá-lo. Não cabe a você julgar; cabe apenas a você amar e ver os outros como os filhos de Deus que eles são. Se você insistir nas ações prejudiciais de outra pessoa, inevitavelmente surgirão sentimentos de raiva. Mas se você se esforçar apenas para vê-los como filhos de Deus, a quem você é chamado a amar sem reservas, então até sentimentos de amor surgirão mais facilmente dentro de você, ajudando-o a cumprir este mandamento glorioso.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Terça-feira (16/04/2024)

Reflita hoje sobre este elevado chamado de amor e trabalhe para promover a gratidão em seu coração. O Senhor quer lhe dar um presente incrível, amando todas as pessoas com Seu coração, incluindo aquelas que o tentam à ira. Ame-os, veja-os como filhos de Deus e permita que Deus o atraia para as alturas da perfeição às quais você foi chamado.

Oração do Dia

Meu Senhor mais perfeito, agradeço-te por me amar apesar dos meus muitos pecados. Agradeço-lhe por também me chamar para compartilhar a profundidade do seu amor pelos outros. Dê-me olhos para ver todas as pessoas como Você as vê e amá-las como Você as ama. Eu te amo, Senhor. Ajude-me a amar mais você e os outros. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada em todas as missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outros momentos ou celebrações católicas.

A igreja celebra o Mistério de Cristo todos os dias do ano, e seu ponto mais importante é o domingo. Neste dia, os católicos vão à missa como maneira de cumprir um dos Cinco Mandamentos.

Sendo assim, a Liturgia é a ação em unidade do povo de Deus. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária costuma ser comentada por seu celebrante.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *