Liturgia Diária – 22ª Semana do Tempo Comum, Quarta-feira (06/09/2023)

Liturgia do Dia

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Quarta-feira, 6 de setembro de 2023.

Confira diariamente a Liturgia de Hoje dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Oração de hoje. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Colossenses 1, 1-8

Início da Carta de São Paulo aos Colossenses:

1Paulo, apóstolo de Cristo Jesus por vontade de Deus e o irmão Timóteo, 2aos santos e fiéis irmãos em Cristo que estão em Colossos: graça e paz da parte de Deus nosso Pai. 3Damos graças a Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, sempre rezando por vós, 4pois ouvimos acerca da vossa fê em Cristo Jesus e do amor que mostrais para com todos os santos, 5animados pela esperança na posse do céu. Disso já ouvistes falar no Evangelho, cuja palavra de verdade chegou até vós. 6E como no mundo inteiro, assim também entre vós ela está produzindo frutos e se desenvolve desde o dia em que ouvistes a graça divina e conhecestes verdadeiramente. 7Assim aprendestes de Epafras, nosso estimado companheiro, que é junto de vós um autêntico mensageiro de Cristo. 8Foi ele quem nos deu notícia sobre o amor que o Espírito suscitou em vós.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 51 (52)

– Confio na clemência do meu Deus, agora e sempre!

– Eu, porém, como oliveira verdejante na casa do Senhor, confio na clemência do meu Deus agora e para sempre!

– Louvarei a vossa graça eternamente, porque vós assim agistes; espero em vosso nome, porque é bom, perante os vossos santos!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 4, 38-44

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

-O Espírito do Senhor repousa sobre mim e enviou-me a anunciar aos pobres o evangelho (Lc 4,18);

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quarta-feira (17/04/2024)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo: 38Jesus saiu da sinagoga e entrou na casa de Simão. A sogra de Simão estava sofrendo com febre alta, e pediram a Jesus em favor dela. 39Inclinando-se sobre ela, Jesus ameaçou a febre, e a febre a deixou. Imediatamente, ela se levantou e começou a servi-los. 40Ao pôr do sol, todos os que tinham doentes atingidos por diversos males, os levaram a Jesus. Jesus colocava as mãos em cada um deles e os curava. 41De muitas pessoas também saíam demônios, gritando: ‘Tu és o Filho de Deus.’ Jesus os ameaçava, e não os deixava falar, porque sabiam que ele era o Messias. 42Ao raiar do dia, Jesus saiu, e foi para um lugar deserto. As multidões o procuravam e, indo até ele, tentavam impedi-lo que os deixasse. 43Mas Jesus disse: ‘Eu devo anunciar a Boa Nova do Reino de Deus também a outras cidades, porque para isso é que eu fui enviado.’ 44E pregava nas sinagogas da Judéia.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Se você quiser compartilhar alguma mensagem importante com um grupo de pessoas, primeiro precisará chamar a atenção delas. Isso pode ser feito por vários meios, como uma personalidade carismática, uma história poderosamente comovente, um ato heróico de virtude ou qualquer outra coisa que deixe as pessoas impressionadas ou até mesmo maravilhadas. Depois de ter total atenção deles, você pode compartilhar a mensagem que deseja compartilhar. Isto é o que Jesus fez no Evangelho de hoje.

Jesus começou Seu ministério público em Nazaré, mas o povo de sua cidade natal O rejeitou em sua sinagoga. Portanto, Ele imediatamente viajou cerca de 32 quilômetros a pé até Cafarnaum, uma cidade ao norte do Mar da Galiléia, onde Jesus passaria grande parte do Seu tempo. Nesta primeira visita a Cafarnaum, no início do Seu ministério público, Jesus ensinou na Sinagoga, expulsou um demônio e depois foi à casa de Simão (que eventualmente recebeu o nome de Pedro) para realizar a Sua primeira cura física registada no Evangelho de Lucas. Ele curou a sogra de Simão, que sofria de uma forte febre. Então, mais tarde naquela noite, muitas pessoas trouxeram a Jesus os doentes e possuídos, e Jesus “impôs as mãos sobre cada um deles e os curou”. Ele certamente chamou a atenção deles. E na manhã seguinte, enquanto Jesus se preparava para deixar Cafarnaum após esta primeira visita durante o Seu ministério público, o povo tentou convencer Jesus a ficar. No entanto, Jesus disse-lhes: “É necessário que também às outras cidades anuncie as boas novas do Reino de Deus, porque para isso fui enviado”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Terça-feira (16/04/2024)

Jesus já recebeu toda a sua atenção? Embora você provavelmente nunca tenha testemunhado uma cura milagrosa em primeira mão ou visto um demônio sendo expulso de alguém que estava possuído, Jesus ainda quer toda a sua atenção. Ele quer que você fique tão impressionado e impressionado com Ele que você se encontre buscando-O para ser mais plenamente alimentado por Seu ensino divino.

Algumas pessoas dão toda a atenção ao nosso Senhor depois de uma experiência poderosa em um retiro. Outros ficam impressionados com um sermão poderoso. E haverá inúmeras outras maneiras pelas quais Jesus chamou a sua atenção, de modo a enchê-lo com o desejo de ouvi-Lo e estar com Ele. Tais experiências estabelecem um alicerce maravilhoso pelo qual somos continuamente convidados a nos voltar para o nosso Senhor. Se esta não for uma experiência com a qual você possa se identificar, pergunte-se “Por quê?” Por que você não ficou maravilhado com nosso Senhor a ponto de buscá-lo com fervor para ouvir sua Palavra nutritiva?

Reflita hoje sobre esta forma inicial pela qual nosso Senhor chamou a atenção do povo de Cafarnaum. Embora alguns eventualmente se afastassem Dele, muitos se tornaram seguidores fiéis por causa dessas experiências pessoais. Reflita sobre qualquer maneira pela qual você encontrou nosso Senhor poderosamente no passado. Você permitiu que essa experiência se tornasse uma motivação contínua para você buscá-Lo? E se você não consegue apontar nenhuma experiência desse tipo, implore ao nosso Senhor que lhe dê um impulso interior para desejar mais Dele e para ser alimentado por Sua santa Palavra e presença divina.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

Oração do Dia

Meu milagroso Senhor, sei que Tu desejas toda a minha atenção na vida. E sei que muitas vezes me distraio com muitas coisas que competem com Você. Dá-me a graça que preciso para ficar tão maravilhado com Ti e com a Tua ação em minha vida, que eu Te busque com fervor para ser continuamente nutrido pela Tua santa Palavra e pela Tua presença divina em minha vida. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, por volta de XVI.

A Liturgia Diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A Liturgia Diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *