Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, Sexta-feira (05/05/2023)

Salmo do Dia

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 4ª Semana da Páscoa, Sexta-feira, 5 de maio de 2023.

Leia diariamente a Liturgia do Dia aqui no Mundo dos Católicos. Primeira Leitura e o Evangelho do Dia. Acompanhe a Liturgia de hoje e a Oração do aia aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Atos dos Apóstolos 13, 26-33

Leitura dos Atos dos Apóstolos:

Naqueles dias, tendo chegado a Antioquia da Pisídia, Paulo disse na sinagoga: 26″Irmãos, descendentes de Abraão, e todos vós que temeis a Deus, a nós foi enviada esta mensagem de salvação. 27Os habitantes de Jerusalém e seus chefes não reconheceram a Jesus e, ao condená-lo, cumpriram as profecias que se leem todos os sábados. 28Embora não encontrassem nenhum motivo para a sua condenação, pediram a Pilatos que fosse morto. 29Depois de realizarem tudo o que a Escritura diz a respeito de Jesus, eles o tiraram da cruz e o colocaram num túmulo. 30Mas Deus o ressuscitou dos mortos 31e, durante muitos dias, ele foi visto por aqueles que o acompanharam desde a Galileia até Jerusalém. Agora eles são testemunhas de Jesus diante do povo. 32Por isso, nós vos anunciamos este evangelho: a promessa que Deus fez aos antepassados, 33ele a cumpriu para nós, seus filhos, quando ressuscitou Jesus, como está escrito no salmo segundo: ‘Tu és o meu filho, eu hoje te gerei'”.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 2

– Tu és meu Filho, e eu hoje te gerei!

– “Fui eu mesmo que escolhi este meu rei e, em Sião, meu monte santo, o consagrei!” O decreto do Senhor promulgarei, foi assim que me falou o Senhor Deus: “Tu és meu Filho, e eu hoje te gerei!”

– Podes pedir-me e, em resposta, eu te darei por tua herança os povos todos e as nações, e há de ser a terra inteira o teu domínio. Com cetro férreo haverás de dominá-los e quebrá-los como um vaso de argila!

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Sábado (20/04/2024)

– E agora, poderosos, entendei; soberanos, aprendei esta lição: com temor servi a Deus, rendei-lhe glória e prestai-lhe homenagem com respeito!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São João 14, 1-6

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– Sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim (Jo 14,6);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João:

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 1″Não se perturbe o vosso coração. Tendes fé em Deus, tende fé em mim também. 2Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fosse, eu vos teria dito. Vou preparar um lugar para vós 3e, quando eu tiver ido preparar-vos um lugar, voltarei e vos levarei comigo, a fim de que, onde eu estiver, estejais também vós. 4E para onde eu vou, vós conheceis o caminho”. 5Tomé disse a Jesus: “Senhor, nós não sabemos para onde vais. Como podemos conhecer o caminho?” 6Jesus respondeu: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim”.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

No Evangelho de João, os capítulos 14–17 nos apresentam o que é chamado de “Discursos da Última Ceia” de Jesus ou Seus “Discursos Finais”. Esta é uma série de sermões dados por nosso Senhor aos discípulos na noite em que foi preso. Esses discursos são profundos e repletos de imagens simbólicas. Ele fala do Espírito Santo, do Advogado, da videira e dos ramos, do ódio do mundo, e esses discursos concluem com a Oração Sacerdotal de Jesus. Esses discursos começam com o Evangelho de hoje, no qual Jesus aborda o medo vindouro, ou corações perturbados, que Ele sabe que Seus discípulos experimentarão.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Sexta-feira (19/04/2024)

Vamos começar considerando esta primeira linha dita por Jesus acima: “Não se perturbe o vosso coração”. Este é um comando. É um comando gentil, mas ainda assim um comando. Jesus sabia que Seus discípulos logo O veriam preso, falsamente acusado, escarnecido, espancado e morto. Ele sabia que eles ficariam impressionados com o que logo experimentariam, então aproveitou a oportunidade para repreender gentil e amorosamente o medo que eles logo enfrentariam.

O medo pode vir de muitas fontes diferentes. Algum medo é útil para nós, como o medo presente em uma situação perigosa. Nesse caso, esse medo pode aumentar nossa consciência do perigo para que ajamos com cautela. Mas o medo de que Jesus estava falando aqui era de um tipo diferente. Era um medo que poderia levar a decisões irracionais, confusão e até desespero. Esse era o tipo de medo que nosso Senhor queria repreender gentilmente.

O que é que faz você temer às vezes? Muitas pessoas lutam contra a ansiedade, preocupação e medo por muitas razões diferentes. Se isso é algo com o qual você luta, é importante permitir que as palavras de Jesus ressoem em sua mente e coração. A melhor maneira de superar o medo é repreendê-lo em sua origem. Ouça Jesus dizer a você: “Não se perturbe o vosso coração”. Então ouça Seu segundo mandamento: “Tendes fé em Deus, tende fé em mim também”. A fé em Deus é a cura para o medo. Quando temos fé, estamos sob o controle da voz de Deus. É a verdade de Deus que nos dirige, e não a dificuldade que estamos enfrentando. O medo pode levar ao pensamento irracional, e o pensamento irracional pode nos levar a uma confusão cada vez mais profunda. A fé penetra a irracionalidade com a qual somos tentados, e as verdades que a fé nos apresenta trazem clareza e força.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

Reflita, hoje, sobre o que mais lhe causa ansiedade, preocupação e medo em sua vida. Permita que Jesus fale com você, chame você à fé e repreenda esses problemas com delicadeza, mas com firmeza. Quando você tem fé em Deus, você pode suportar todas as coisas. Jesus suportou a Cruz. Os discípulos finalmente suportaram suas cruzes. Deus também quer fortalecer você. Deixe que Ele fale com você para que você supere o que mais incomoda o seu coração.

Oração do Dia

Meu amado Pastor, Tu sabes todas as coisas. Tu conheces o meu coração e as dificuldades que enfrento na vida. Dê-me a coragem de que preciso, querido Senhor, para enfrentar todas as tentações de temer com confiança e confiança em Ti. Traga clareza à minha mente e paz ao meu coração perturbado. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *