Liturgia Diária – Domingo de Ramos (02/04/2023)

Liturgia Diária de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária do Domingo de Ramos, 2 de abril de 2023.

Confira diariamente a Liturgia Diária dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia e Oração do Dia. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (Is 50,4-7)

Leitura do Livro do Profeta Isaías:
4O Senhor Deus deu-me língua adestrada, para que eu saiba dizer palavras de conforto à pessoa abatida; ele me desperta cada manhã e me excita o ouvido, para prestar atenção como um discípulo. 5O Senhor abriu-me os ouvidos; não lhe resisti nem voltei atrás.
6Ofereci as costas para me baterem e as faces para me arrancarem a barba; não desviei o rosto de bofetões e cusparadas. 7Mas o Senhor Deus é meu Auxiliador, por isso não me deixei abater o ânimo, conservei o rosto impassível como pedra, porque sei que não sairei humilhado.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Salmo 21 (22)

— Meu Deus, meu Deus, por que me abandonastes?

— Riem de mim todos aqueles que me veem, torcem os lábios e sacodem a cabeça: ‘Ao Senhor se confiou, ele o liberte e agora o salve, se é verdade que ele o ama!’.

— Cães numerosos me rodeiam furiosos, e por um bando de malvados fui cercado.Transpassaram minhas mãos e os meus pés e eu posso contar todos os meus ossos. Eis que me olham e, ao ver-me, se deleitam!

—Eles repartem entre si as minhas vestes e sorteiam entre si a minha túnica.Vós, porém, ó meu Senhor, não fiqueis longe, ó minha força, vinde logo em meu socorro!

— Anunciarei o vosso nome a meus irmãos e no meio da assembleia hei de louvar-vos! Vós que temeis ao Senhor Deus, dai-lhe louvores, glorificai-o, descendentes de Jacó, e respeitai-o toda a raça de Israel!

2ª Leitura

Segunda Leitura (Fl 2,6-11)

Leitura da Carta de São Paulo aos Filipenses:
6Jesus Cristo, existindo em condição divina, não fez do ser igual a Deus uma usurpação, 7mas ele esvaziou-se a si mesmo, assumindo a condição de escravo e tornando-se igual aos homens. Encontrado com aspecto humano, 8humilhou-se a si mesmo, fazendo-se obediente até a morte, e morte de cruz.
9Por isso, Deus o exaltou acima de tudo e lhe deu o Nome que está acima de todo nome. 10Assim, ao nome de Jesus, todo joelho se dobre no céu, na terra e abaixo da terra, 11e toda língua proclame: “Jesus Cristo é o Senhor”, para a glória de Deus Pai.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Terça-feira (16/04/2024)

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Evangelho do Dia

Evangelho (Mt 21,1-11)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1Jesus e seus discípulos aproximaram-se de Jerusalém e chegaram a Betfagé, no monte das Oliveiras. Então Jesus enviou dois discípulos, 2dizendo-lhes: “Ide até o povoado que está ali na frente, e logo encontrareis uma jumenta amarrada, e com ela um jumentinho. Desamarrai-a e trazei-os a mim! 3Se alguém vos disser alguma coisa, direis: ‘O Senhor precisa deles’, mas logo os devolverá’”.
4Isso aconteceu para se cumprir o que foi dito pelo profeta: 5Dizei à filha de Sião: Eis que o teu rei vem a ti, manso e montado num jumento, num jumentinho, num potro de jumenta”. 6Então os discípulos foram e fizeram como Jesus lhes havia mandado. 7Trouxeram a jumenta e o jumentinho e puseram sobre eles suas vestes, e Jesus montou. 8A numerosa multidão estendeu suas vestes pelo caminho, enquanto outros cortavam ramos das árvores, e os espalhavam pelo caminho. 9As multidões que iam na frente de Jesus e os que o seguiam, gritavam: “Hosana ao Filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana no mais alto dos céus!”
10Quando Jesus entrou em Jerusalém a cidade inteira se agitou, e diziam: “Quem é este homem?” 11E as multidões respondiam: “Este é o profeta Jesus, de Nazaré da Galileia”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Começa a Semana Santa. Que semana importante que começamos a comemorar hoje. A passagem da Escritura acima vem do Evangelho que é lido no início da Missa para comemorar a entrada de Jesus em Jerusalém para o cumprimento da Páscoa. Naquele ano, Jesus se tornaria o novo Cordeiro pascal, cujo sangue foi derramado por todos nós e cuja carne agora comemos. A Liturgia da Palavra de hoje termina com a versão de Mateus sobre a traição, prisão e morte de Jesus na Cruz. Uma vez que somos abençoados por ler esta narrativa em todos os detalhes hoje, é útil trazer à mente o entendimento da Igreja sobre a Palavra de Deus.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quarta-feira (17/04/2024)

“Quando as Sagradas Escrituras são lidas na Igreja, o próprio Deus fala ao seu povo, e Cristo, presente na sua palavra, anuncia o Evangelho” (Instrução Geral do Missal Romano n. 29). Esta é uma lição importante a aprender, especialmente hoje, quando lemos o coração do Evangelho em detalhes. Embora a entrada de Jesus em Jerusalém, Sua última ceia, prisão, julgamento simulado, sofrimento e morte na Cruz tenham ocorrido há 2.000 anos, esses eventos históricos são apresentados a nós hoje de uma maneira única e real. Ao participarmos hoje do anúncio deste Evangelho na Missa, unimo-nos misticamente a esta ação salvífica do Senhor. E embora nossas mentes possam vagar às vezes, Deus está realmente presente para nós se ouvirmos e virmos.

Ao começar esta Semana Santa, tente percorrê-la com Jesus a cada passo do caminho. Ao passar os dias esta semana, cumprindo seus deveres normais na vida, lembre-se da verdade espiritual de que, porque o Evangelho completo da paixão e morte de Jesus foi proclamado a você hoje, Ele está manifestamente presente a você de uma maneira especial. Na Quinta-feira Santa, meditaremos sobre o Dom da Santíssima Eucaristia. Na Sexta-feira Santa, ouviremos a paixão de Jesus proclamada no Evangelho de João. Assim, esta semana começa com a proclamação da Paixão e termina com a Paixão como forma de nos aprofundarmos no mistério do Sacrifício salvífico de Cristo.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

No centro da história da Paixão de Jesus está a manifestação de um amor como nenhum outro. O amor que testemunhamos esta semana é um amor tão puro, tão altruísta, tão sacrificial e tão transformador que está além da compreensão. O amor que testemunhamos é aquele em que Deus se permite entrar na mais profunda humilhação jamais vista. Ele faz isso para que possa nos encontrar em nossa baixeza, pecado e decadência, e nos elevar às alturas mais altas imagináveis.

Ao entrarmos nesta Semana Santa, saiba que é mais do que uma semana de reflexão. É uma semana de participação no mistério do amor puro e perfeito de Deus por você. Ao refletir sobre esse amor, permita que ele o confronte. Mantenha-o em sua mente e coração durante toda a semana. Permita que esse amor, oferecido há cerca de 2.000 anos, se torne verdadeiramente presente para você, para que você esteja mais presente para nosso Senhor e Seu amor por você.

Oração do Dia

Meu Senhor salvador, entraste nesta semana da tua Paixão com coragem e determinação. Você escolheu livremente abraçar todo sofrimento e toda humilhação que suportaria para que pudesse entrar em minha vida mais plenamente. Por favor, esteja presente para mim durante esta semana e ajude-me não apenas a refletir sobre este mistério do Seu amor, mas também a encontrar esse amor de uma forma real e transformadora. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Apesar da palavra “liturgia” já ser comum na antiguidade, foi apenas depois dos séculos VIII e IX que a liturgia começou a ser utilizada pela igreja grega e passando a fazer parte da igreja católica alguns séculos depois, por volta de XVI.

A Liturgia Diária é sempre usada nas missas e existe uma liturgia para cada dia do ano. A Liturgia Diária é formada por 3 partes: a Leitura, o Salmo e o Evangelho do dia. Em alguns dias, também podem haver duas ou mais Leituras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *