Liturgia Diária – Sábado, Oitava da Páscoa (15/04/2023)

Salmo do Dia de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sábado, Oitava da Páscoa, 15 de abril de 2023.

Leia diariamente a Liturgia do Dia em nosso site. Receba a reflexão do Evangelho do Dia em nosso site e acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Atos dos Apóstolos 4, 13-21

Leitura dos Atos dos Apóstolos:

Naqueles dias, os chefes dos sacerdotes, os anciãos e os escribas 13ficaram admirados ao ver a segurança com que Pedro e João falavam, pois eram pessoas simples e sem instrução. Reconheciam que eles tinham estado com Jesus. 14No entanto viam, de pé, junto a eles, o homem que tinha sido curado. E não podiam dizer nada em contrário. 15Mandaram que saíssem para fora do sinédrio e começaram a discutir entre si: 16″O que vamos fazer com esses homens? Eles realizaram um milagre claríssimo, e o fato tornou-se de tal modo conhecido por todos os habitantes de Jerusalém, que não podemos negá-lo. 17Contudo, a fim de que a coisa não se espalhe ainda mais entre o povo, vamos ameaçá-los, para que não falem mais a ninguém a respeito do nome de Jesus”. 18Chamaram de novo Pedro e João e ordenaram-lhes que, de modo algum, falassem ou ensinassem em nome de Jesus. 19Pedro e João responderam: “Julgai vós mesmos se é justo, diante de Deus, que obedeçamos a vós e não a Deus! 20Quanto a nós, não nos podemos calar sobre o que vimos e ouvimos”. 21Então, insistindo em suas ameaças, deixaram Pedro e João em liberdade, já que não tinham meio de castigá-los, por causa do povo. Pois todos glorificavam a Deus pelo que havia acontecido.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 117 (118)

– Dou-vos graças, ó Senhor, porque me ouvistes.

– Dai graças ao Senhor, porque ele é bom! “Eterna é a sua misericórdia!” O Senhor é minha força e o meu canto e tornou-se para mim o salvador. “Clamores de alegria e de vitória ressoem pelas tendas dos fiéis.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Terça-feira (16/04/2024)

– A mão direita do Senhor fez maravilhas, a mão direita do Senhor me levantou, a mão direita do Senhor fez maravilhas!” O Senhor severamente me provou, mas não me abandonou às mãos da morte.

– Abri-me, vós, abri-me as portas da justiça; quero entrar para dar graças ao Senhor! “Sim, esta é a porta do Senhor, por ela só os justos entrarão!” Dou-vos graças, ó Senhor, porque me ouvistes e vos tornastes para mim o salvador!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 16, 9-15

– Aleluia, Aleluia, Aleluia.

– Este é o dia que o Senhor fez para nós, alegremo-nos e nele exultemos! (Sl 117,24);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos:

9Depois de ressuscitar, na madrugada do primeiro dia após o sábado, Jesus apareceu primeiro a Maria Madalena, da qual havia expulsado sete demônios. 10Ela foi anunciar isso aos seguidores de Jesus, que estavam de luto e chorando. 11Quando ouviram que ele estava vivo e fora visto por ela, não quiseram acreditar. 12Em seguida, Jesus apareceu a dois deles, com outra aparência, enquanto estavam indo para o campo. 13Eles também voltaram e anunciaram isso aos outros. Também a estes não deram crédito. 14Por fim, Jesus apareceu aos onze discípulos enquanto estavam comendo, repreendeu-os por causa da falta de fé e pela dureza de coração, porque não tinham acreditado naqueles que o tinham visto ressuscitado. 15E disse-lhes: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai o evangelho a toda criatura!”

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

A primeira pessoa registrada nas Escrituras a quem Jesus apareceu foi Maria Madalena. Notavelmente, ela foi aquela de quem Jesus expulsou sete demônios. Ser possuída por sete demônios é tradicionalmente entendida como significando que ela estava completamente possuída. Antes de Jesus libertá-la, satanás e seus demônios haviam dominado completamente sua vontade por sua livre submissão ao mal. E, no entanto, foi a ela, uma mulher com um passado tão horrível, que Jesus escolheu dar a honra de sua primeira aparição. Que fato incrível!

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

Todo mundo tem um passado. Alguns foram pecadores graves. Outras, como Santa Teresa de Lisieux, nunca cometeram um pecado mortal. Obviamente, a beleza de uma alma como Santa Teresa é profundamente admirável, e tal alma será grandemente recompensada no Céu. Mas e o grave pecador? E quanto àqueles como Maria Madalena, que viveram vidas terrivelmente pecaminosas? O que nosso Senhor pensa sobre eles?

O fato de Maria Madalena ser a primeira pessoa registrada nas Escrituras a ter visto o Senhor ressuscitado deve nos dizer muito sobre como Jesus vê uma pessoa que lutou muito contra um pecado grave, mas depois superou esse pecado e se voltou de todo o coração para o nosso Senhor. O pecado é desmoralizante. Quando não se arrepende, deixa uma perda de dignidade e integridade. No entanto, mesmo depois de se arrepender, algumas pessoas continuarão a lutar contra a culpa e a vergonha doentias. E para alguns, essas lutas podem se tornar uma arma com a qual o maligno tenta desencorajá-los de se sentirem dignos de servir ao Senhor com zelo e paixão.

Mas a verdade na mente de Deus é que os pecadores arrependidos são verdadeiras joias e belas aos olhos de nosso Senhor. Eles são dignos das maiores honras. Deus não habita em nosso pecado passado. Em vez disso, nosso pecado passado, quando tiver sido arrependido e perdoado, será um sinal eterno do amor e da misericórdia de Deus.

Como você lida com seu pecado passado? Primeiro, você o reconheceu completamente, se arrependeu e buscou o perdão de nosso Senhor? Se sim, isso ainda te assombra? O maligno ainda tenta lembrá-lo de seu passado e tirar sua esperança na misericórdia de Deus?

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quarta-feira (17/04/2024)

Reflita, hoje, sobre o mais grave de seus pecados passados. Se você ainda não os confessou, faça-o assim que puder. Se você tem, tente ver sua alma através dos olhos de Deus. Deus não vê seus pecados passados ​​com raiva e nojo. Em vez disso, Ele vê apenas a profundidade de sua conversão, tristeza e arrependimento. E, para Ele, isso é santo e belo. Pondere a beleza de seu coração arrependido e saiba que, ao fazê-lo, você estará olhando para seu próprio coração através dos olhos de Deus.

Oração do Dia

Meu misericordioso Deus, Tu amas o pecador e odeias o pecado. Você me ama de maneiras que estão além da minha compreensão. Ajude-me a entender o quão profundamente você ama meu coração quando eu me arrependo completamente. E ajude-me a ver meu coração apenas através de Seus olhos. Eu Te agradeço por Teu amor e misericórdia, querido Senhor. Ajuda-me a amar-te ainda mais. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *