Liturgia Diária – Santa Escolástica, virgem, Sexta-feira (10/02/2023)

Homilia

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sexta-feira, 10 de fevereiro de 2023.

Confira diariamente a Liturgia do Dia dos Católicos em nosso site. Veja a Leitura e Homilia de Hoje do evangelho do dia e Salmo. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Gênesis 3, 1-8

Leitura do livro do Gênesis:

1A serpente era o mais astuto de todos os animais dos campos que o Senhor Deus tinha feito. Ela disse à mulher: “É verdade que Deus vos disse: ‘Não comereis de nenhuma das árvores do jardim’?” 2E a mulher respondeu à serpente: “Do fruto das árvores do jardim nós podemos comer. 3Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, Deus nos disse: ‘Não comais dele nem sequer o toqueis, do contrário morrereis'”. 4A serpente disse à mulher: “Não, vós não morrereis. 5Mas Deus sabe que, no dia em que dele comerdes, vossos olhos se abrirão e vós sereis como Deus, conhecendo o bem e o mal”. 6A mulher viu que seria bom comer da árvore, pois era atraente para os olhos e desejável para obter conhecimento. E colheu um fruto, comeu e deu também ao marido, que estava com ela, e ele comeu. 7Então, os olhos dos dois se abriram; e, vendo que estavam nus, teceram tangas para si com folhas de figueira. 8Quando ouviram a voz do Senhor Deus, que passeava pelo jardim à brisa da tarde, Adão e sua mulher esconderam-se do Senhor Deus no meio das árvores do jardim.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 31 (32)

– Feliz aquele cuja falta é perdoada!

– Feliz o homem que foi perdoado e cuja falta já foi encoberta! Feliz o homem a quem o Senhor não olha mais como sendo culpado e em cuja alma não há falsidade!

Leia mais:  Liturgia Diária – 8ª Semana do Tempo Comum, Segunda-feira (27/05/2024)

– Eu confessei, afinal, meu pecado e minha falta vos fiz conhecer. Disse: “Eu irei confessar meu pecado!” E perdoastes, Senhor, minha falta.

– Todo fiel pode, assim, invocar-vos durante o tempo da angústia e aflição, porque, ainda que irrompam as águas, não poderão atingi-lo jamais.

– Sois para mim proteção e refúgio; na minha angústia me haveis de salvar e envolvereis a minha alma no gozo da salvação que me vem só de vós.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 7, 31-37

– Aleluia, Aleluia, Aleluia.

– Abri-nos, ó Senhor, o coração para ouvirmos a palavra de Jesus! (At 16,14);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos:

Naquele tempo, 31Jesus saiu de novo da região de Tiro, passou por Sidônia e continuou até o mar da Galileia, atravessando a região da Decápole. 32Trouxeram então um homem surdo, que falava com dificuldade, e pediram que Jesus lhe impusesse a mão. 33Jesus afastou-se com o homem para fora da multidão; em seguida, colocou os dedos nos seus ouvidos, cuspiu e, com a saliva, tocou a língua dele. 34Olhando para o céu, suspirou e disse: “Efatá!”, que quer dizer “abre-te!” 35Imediatamente seus ouvidos se abriram, sua língua se soltou e ele começou a falar sem dificuldade. 36Jesus recomendou com insistência que não contassem a ninguém. Mas, quanto mais ele recomendava, mais eles divulgavam. 37Muito impressionados, diziam: “Ele tem feito bem todas as coisas: aos surdos faz ouvir e aos mudos falar”.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Esta linha é a conclusão da história de Jesus curando um homem surdo que também tinha um problema de fala. O homem foi levado a Jesus, Jesus o levou sozinho, gritou “Ephphatha!” (isto é, “Abra-se!”), e o homem foi curado. E embora este tenha sido um presente incrível para este homem e um ato de grande misericórdia para com ele, também revela que Deus quer nos usar para atrair outros a Si mesmo.

Leia mais:  Liturgia Diária – 8ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira (28/05/2024)

Em um nível natural, todos nós carecemos da capacidade de ouvir a voz de Deus quando Ele fala. Precisamos do dom da graça para isso. Como resultado, em um nível natural, também somos incapazes de falar as muitas verdades que Deus quer que falemos. Essa história nos ensina que Deus também deseja curar nossos ouvidos para ouvir Sua voz gentil e soltar nossa língua para que possamos nos tornar Seus porta-vozes.

Mas esta história não é apenas sobre Deus falando com cada um de nós; também revela nosso dever de trazer outros a Cristo que não O conhecem. Os amigos deste homem o trouxeram a Jesus. E Jesus levou o homem sozinho. Isso nos dá uma visão de como ajudamos os outros a conhecer a voz de nosso Senhor. Muitas vezes, quando queremos compartilhar o Evangelho com alguém, tendemos a falar com eles e tentar convencê-los racionalmente a voltar suas vidas para Cristo. E embora isso possa dar bons frutos às vezes, o objetivo real que devemos ter é ajudá-los a sair com nosso Senhor sozinhos por um tempo para que Jesus possa fazer a cura.

Se seus ouvidos foram verdadeiramente abertos por nosso Senhor, então sua língua também será solta. E somente se sua língua for solta Deus será capaz de atrair outros a Si mesmo através de você. Caso contrário, seu ato de evangelizar será baseado apenas em seu esforço. Portanto, se você tem pessoas em sua vida que parecem não estar ouvindo a voz de Deus e seguindo Sua santa vontade, então, antes de tudo, comprometa-se a ouvir nosso Senhor. Deixe seus ouvidos ouvi-Lo. E quando você O ouvir, será Sua voz que, por sua vez, falará através de você da maneira que Ele deseja alcançar os outros.

Leia mais:  Liturgia Diária – 8ª Semana do Tempo Comum, Quarta-feira (29/05/2024)

Reflita, hoje, sobre esta cena do Evangelho. Pondere, especialmente, os amigos desse homem, pois eles são inspirados a trazê-lo a Jesus. Peça ao nosso Senhor para usá-lo de maneira semelhante. Pondere em oração aqueles em sua vida a quem Deus deseja chamar para Si por meio de sua mediação e coloque-se a serviço de nosso Senhor para que Sua voz possa falar através de você da maneira que Ele escolher.

Oração do Dia

Meu bom Jesus, por favor, abra meus ouvidos para ouvir tudo o que Tu desejas me dizer e, por favor, solte minha língua para que eu me torne um porta-voz de sua santa palavra para os outros. Eu me ofereço a Ti para a Tua glória e oro para que Tu me uses de acordo com a Tua santa vontade. Jesus, eu confio plenamente em Ti.

A Liturgia Diária para os Católicos

A Liturgia Diária é vista por muitos como sendo um rito que traz uma certa formalização da missa, mas o verdadeiro significado é exatamente o contrário. A liturgia vem para fazer com que os cristãos reflitam as palavras e busquem trazê-las para a sua vida e para os seu dia a dia como forma de viver a Palavra de Deus não apenas na missa mas também na vida cotidiana.

A liturgia vem mostrar o Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. A liturgia vem nos trazer orientações de como devemos pensar e agir conforme a Palavra de Deus.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *