Liturgia Diária – 23ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (09/09/2022)

Salmo de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 23ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira, 9 de setembro de 2022.

Receba diariamente a Liturgia do Dia em nosso site. Confira as Leituras das Homilias de Hoje e Evangelho do dia. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Coríntios 9,16-19.22-27

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios:

Irmãos: 16Pregar o evangelho não é para mim motivo de glória. É antes uma necessidade para mim, uma imposição. Ai de mim se eu não pregar o evangelho! 17Se eu exercesse minha função de pregador por iniciativa própria, eu teria direito a salário. Mas, como a iniciativa não é minha, trata-se de um encargo que me foi confiado. 18Em que consiste então o meu salário? Em pregar o evangelho, oferecendo-o de graça, sem usar os direitos que o evangelho me dá. 19Assim, livre em relação a todos, eu me tornei escravo de todos, a fim de ganhar o maior número possível. 22bCom todos, eu me fiz tudo, para certamente salvar alguns. 23Por causa do evangelho eu faço tudo, para ter parte nele. 24Acaso não sabeis que os que correm no estádio correm todos juntos, mas um só ganha o prêmio.? Correi de tal maneira que conquisteis o prêmio. 25Todo atleta se sujeita a uma disciplina rigorosa em relação a tudo, e eles procedem assim, para receberem uma coroa corruptível. Quanto a nós, a coroa que buscamos é incorruptível! 26Por isso, eu corro, mas não à toa. Eu luto, mas não como quem dá murros no ar. 27Trato duramente o meu corpo e o subjugo, para não acontecer que, depois de ter proclamado a boa nova aos outros, eu mesmo seja reprovado.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quarta-feira (17/04/2024)

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 83 (84)

Quão amável, ó Senhor, é vossa casa!

– Minha alma desfalece de saudades e anseia pelos átrios do Senhor! Meu coração e minha carne rejubilam e exultam de alegria no Deus vivo!

– Mesmo o pardal encontra abrigo em vossa casa, e a andorinha ali prepara o seu ninho, para nele seus filhotes colocar: vossos altares, ó Senhor Deus do universo! vossos altares, ó meu Rei e meu Senhor!

– Felizes os que habitam vossa casa; para sempre haverão de vos louvar! Felizes os que em vós têm sua força, e se decidem a partir em romaria!

– O Senhor Deus é como um sol, é um escudo, e largamente distribui a graça e a glória. O Senhor nunca recusa bem algum àqueles que caminham na justiça.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 6, 39-42

– Aleluia, Aleluia, Aleluia

– Vossa palavra é a verdade; santificai-nos na verdade! (Jo 17,17)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo: 39Jesus contou uma parábola aos discípulos: ‘Pode um cego guiar outro cego? Não cairão os dois num buraco? 40Um discípulo não é maior do que o mestre; todo discípulo bem formado será como o mestre. 41Por que vês tu o cisco no olho do teu irmão, e não percebes a trave que há no teu próprio olho? 42Como podes dizer a teu irmão: Irmão, deixa-me tirar o cisco do teu olho, quando tu não vês a trave no teu próprio olho? Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho, e então poderás enxergar bem para tirar o cisco do olho do teu irmão.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Terça-feira (16/04/2024)

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Como isso é verdade! Como é fácil ver as faltas menores dos outros e, ao mesmo tempo, deixar de ver as nossas próprias faltas mais óbvias e graves. Por que isto acontece?

Em primeiro lugar, é difícil ver nossas próprias falhas porque nosso pecado de orgulho nos cega. O orgulho nos impede de qualquer autorreflexão honesta. O orgulho torna-se uma máscara que usamos que apresenta uma falsa persona. O orgulho é um pecado feio porque nos afasta da verdade. Ela nos impede de nos vermos à luz da verdade e, como resultado, nos impede de ver a trave em nossos próprios olhos.

Quando estamos cheios de orgulho, outra coisa acontece. Começamos a nos concentrar em cada pequena falha daqueles ao nosso redor. Curiosamente, este Evangelho fala da tendência de ver o “estilhaço” no olho do seu irmão. O que isso nos diz? Ela nos diz que aqueles que estão cheios de orgulho não estão tão interessados ​​em rebaixar o pecador sério. Em vez disso, eles tendem a procurar aqueles que têm apenas pequenos pecados, “estilhaços” como pecados, e tendem a tentar fazê-los parecer mais sérios do que são. Infelizmente, aqueles que estão mergulhados no orgulho sentem-se muito mais ameaçados pelo santo do que pelo pecador sério.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

Reflita, hoje, sobre se você luta ou não para julgar as pessoas ao seu redor. Reflita especialmente sobre se você tende ou não a ser mais crítico daqueles que lutam pela santidade. Se você tende a fazer isso, pode revelar que você luta com o orgulho mais do que imagina.

Oração do Dia

Senhor, humilha-me e ajuda-me a ser livre de todo orgulho. Que eu também deixe de lado o julgamento e veja os outros apenas da maneira que Você quer que eu os veja. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *