Liturgia Diária – 27ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (13/10/2023)

Reflexão do Evangelho de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Sexta-feira, 13 de outubro de 2023.

Acompanhe diariamente a Liturgia Diária de Hoje dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Oração do dia e as Liturgias Diárias com reflexão. Leia aqui a Liturgia de hoje no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Joel 1, 13-15; 2, 1-2

Leitura da Profecia de Joel:

13Ponde as vestes e chorai, sacerdotes, gemei, ministros do altar. Entrai no templo, deitai-vos em sacos, ministros de Deus; a casa de vosso Deus está vazia de oblações e libações. 14Prescrevei o jejum sagrado, convocai a assembléia, congregai os anciãos e toda a gente do povo na casa do Senhor, vosso Deus, e clamai ao Senhor: 15’Ai de nós neste dia! O dia do Senhor está às portas, está chegando com a força devastadora da tempestade. 2,1Tocai trombeta em Sião, gritai alerta em meu santo monte; tremam os habitantes da terra, que está chegando o dia do Senhor, ele está às portas. 2É um dia de escuridão fechada, dia de nuvens e remoinhos; como aurora espraiada nos montes, assim é um povo numeroso e forte, tal como jamais se viu algum outro nem jamais se verá, até aos anos de gerações futuras.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Responsório Sl 9A(9),2-3.6 e 16.8-9 (R. 9a)

– O Senhor há de julgar o mundo inteiro com justiça

– Senhor, de coração vos darei graças, as vossas maravilhas cantarei! Em vós exultarei de alegria, cantarei ao vosso nome, Deus Altíssimo!

– Repreendestes as nações, e os maus perdestes, apagastes o seu nome para sempre. Os maus caíram no buraco que cavaram, nos próprios laços foram presos os seus pés.

– Mas Deus sentou-se para sempre no seu trono, preparou o tribunal do julgamento; julgará o mundo inteiro com justiça, e as nações há de julgar com eqüidade.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11, 15-26

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– Agora o príncipe deste mundo há de ser lançado fora; quando eu for elevado da terra, atrairei para mim todo ser (Jo 12,31s);

Leia mais:  Liturgia Diária – 8ª Semana do Tempo Comum, Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo - Quinta-feira (30/05/2024)

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas:

Naquele tempo, Jesus estava expulsando um demônio: 15Mas alguns disseram: ‘É por Belzebu, o príncipe dos demônios, que ele expulsa os demônios.’ 16Outros, para tentar Jesus, pediam-lhe um sinal do céu. 17Mas, conhecendo seus pensamentos, Jesus disse-lhes: ‘Todo reino dividido contra si mesmo será destruído; e cairá uma casa por cima da outra. 18Ora, se até Satanás está dividido contra si mesmo, como poderá sobreviver o seu reino? Vós dizeis que é por Belzebu que eu expulso os demônios. 19Se é por meio de Belzebu que eu expulso demônios, vossos filhos os expulsam por meio de quem? Por isso, eles mesmos serão vossos juízes. 20Mas, se é pelo dedo de Deus que eu expulso os demônios, então chegou para vós o Reino de Deus. 21Quando um homem forte e bem armado guarda a própria casa, seus bens estão seguros. 22Mas, quando chega um homem mais forte do que ele, vence-o, arranca-lhe a armadura na qual ele confiava, e reparte o que roubou. 23Quem não está comigo, está contra mim. E quem não recolhe comigo, dispersa. 24Quando o espírito mau sai de um homem, fica vagando em lugares desertos, à procura de repouso; não o encontrando, ele diz: ‘Vou voltar para minha casa de onde saí’. 25Quando ele chega, encontra a casa varrida e arrumada. 26Então ele vai, e traz consigo outros sete espíritos piores do que ele. E, entrando, instalam-se aí. No fim, esse homem fica em condição pior do que antes.’

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Estas palavras estão incorporadas em vários ensinamentos poderosos de Jesus, mas, em muitos aspectos, esta única frase pode ser considerada uma importante verdade cristã. Especificamente, diz-nos que não podemos ser neutros na nossa posição em relação a Jesus e a tudo o que Ele nos ensinou. Esta é uma mensagem importante no mundo de hoje.

Leia mais:  Liturgia Diária – 8ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira (28/05/2024)

Hoje, parece haver um valor secular crescente que poderíamos chamar de “neutralidade”. Muitas pessoas no mundo nos dizem que devemos aceitar qualquer moralidade, qualquer estilo de vida, qualquer escolha que os outros façam. E embora seja verdade que devemos sempre amar e aceitar todas as pessoas e tratá-las com a máxima dignidade e respeito, não é verdade que devemos ser neutros em relação às escolhas e aos valores seculares que alguns escolhem viver e expressar. Infelizmente, quando falamos toda a verdade, especialmente as muitas verdades morais que nosso Senhor revelou, somos frequentemente rotulados como críticos. Mas esta não é a verdade.

Esta citação acima do Evangelho de hoje deixa claro que não podemos permanecer indiferentes aos ensinamentos de nosso Senhor e ainda assim permanecer em Suas boas graças. Na verdade, Jesus deixa claro que o oposto é verdadeiro. Ele diz que se não estivermos com Ele, ou seja, se não aceitarmos tudo o que Ele revelou, então estaremos, de fato, contra Ele. Ser neutro em questões de fé e moralidade não é, na verdade, ser neutro. É uma escolha que alguns fazem e que tem o claro efeito de separá-los de Jesus.

Por exemplo, em relação a questões de fé, se alguém dissesse: “Não acredito na Eucaristia”, então estaria, de fato, a rejeitar Deus. E embora não seja nosso dever ser o seu juiz, é nosso dever reconhecer que eles expressaram uma crença contrária à verdade. Eles estão errados, e se persistirem nesse erro, então eles se separam de Deus. Isso é o que Jesus está dizendo.

O mesmo se aplica à moralidade. Existem muitos exemplos na vida moral que estão se tornando cada vez mais flagrantes em sua oposição aos ensinamentos de nosso Senhor. Assim, devemos lembrar-nos que quando rejeitamos um ensinamento moral que nos foi dado pelo nosso Senhor, rejeitamos o próprio Jesus.

Jesus vai ainda mais longe quando diz que “quem comigo não ajunta, espalha”. Em outras palavras, não basta simplesmente acreditar pessoalmente em tudo o que Jesus ensinou, devemos também ensiná-lo aos outros. Se não o fizermos e, em vez disso, oferecermos uma falsa forma de “aceitação” do erro de outra pessoa, então estaremos na verdade trabalhando contra Jesus. Todos nós temos o dever moral de promover ativamente as verdades do Evangelho que nos foi dada por nosso Senhor.

Leia mais:  Liturgia Diária – 8ª Semana do Tempo Comum, Quarta-feira (29/05/2024)

Reflita hoje sobre o quão plenamente você está “com” nosso Senhor e “se reúne” com Ele. Você aceita plenamente tudo o que Ele ensinou e também busca reunir muitos outros para o Reino de Deus? Se você não se vê acreditando ativamente e participando da missão de nosso Senhor, então preste atenção a estas palavras de Jesus e permita que elas o desafiem de maneira gentil, mas firme, para que você trabalhe mais plenamente para construir o Reino de Deus em seu próprio coração e no mundo ao seu redor.

Oração do Dia

Meu glorioso Rei, Tu desejas construir o Seu Reino em minha vida e, através de mim, na vida de outras pessoas. Dá-me a graça e a coragem que preciso para aceitar plenamente tudo o que Tu me ensinaste e para me tornar ativamente um instrumento da Tua graça e verdade no mundo. Que eu esteja com você em todas as coisas, querido Senhor, e reúna muitos em seus amorosos braços de graça. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Até meados do século XVI não havia para a liturgia diária uma padronização ou norma que caracterizava a sua obrigatoriedade, no entanto, foram Pio V e Clemente III que a implementaram. E posteriormente, através do Concílio Vaticano II onde a Liturgia teve a sua mais recente atualização, trazendo mais relevância à Sagrada Escritura na liturgia da palavra.

A liturgia é composta pela primeira leitura, segunda leitura, além do salmo do dia e o evangelho, e faz parte de toda missa celebrada pela Igreja Católica. A Liturgia Diária é única para cada dia do ano, portanto, naquele dia determinado, todas as igrejas católicas se fazem da mesma leitura.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *