Liturgia Diária – 6ª Semana do Tempo Comum, Quinta-feira (16/02/2023)

Liturgia Diária

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 6ª Semana do Tempo Comum, Quinta-feira, 16 de fevereiro de 2023.

Confira diariamente a Homilia do Evangelho de Hoje dos Católicos em nosso site. Acompanhe a Liturgia de hoje com Primeira Leitura, Evangelho do dia e Salmo aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Gênesis 9, 1-13

Leitura do Livro do Gênesis:

1Deus abençoou Noé e seus filhos, dizendo-lhes: ‘Sede fecundos, multiplicai-vos e enchei a terra. 2Vós sereis objeto de medo e terror para todos os animais da terra, todas as aves do céu, tudo o que se move sobre a terra e todos os peixes do mar: eis que os entrego todos em vossas mãos. 3Tudo o que vive e se move vos servirá de alimento. Entrego-vos tudo, como já vos dei os vegetais. 4Contudo, não deveis comer carne com sangue, que é sua vida. Da mesma forma, pedirei contas do vosso sangue, que é vida, a qualquer animal. E ao homem pedirei contas da vida do homem, seu irmão. 6Quem derramar sangue humano, por mãos de homem terá seu sangue derramado, porque o homem foi feito à imagem de Deus. 7Quanto a vós, sede fecundos e multiplicai-vos, enchei a terra e dominai-a’. 8Disse Deus a Noé e a seus filhos: 9’Eis que vou estabelecer minha aliança convosco e com vossa descendência, 10com todos os seres vivos que estão convosco: aves, animais domésticos e selvagens, enfim, com todos os animais da terra, que saíram convosco da arca. 11Estabeleço convosco a minha aliança: nenhuma criatura será mais exterminada pelas águas do dilúvio, e não haverá mais dilúvio para devastar a terra’. 12E Deus disse: ‘Este é o sinal da aliança que coloco entre mim e vós, e todos os seres vivos que estão convosco, por todas as gerações futuras. 13Ponho meu arco nas nuvens como sinal de aliança entre mim e a terra.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 101 (102)

– O Senhor olhou a terra do alto céu.

– As nações respeitarão o vosso nome, e os reis de toda a terra, a vossa glória; quando o Senhor reconstruir Jerusalém e aparecer com gloriosa majestade, ele ouvirá a oração dos oprimidos e não desprezará a sua prece.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Quinta-feira (18/04/2024)

– Para as futuras gerações se escreva isto, e um povo novo a ser criado louve a Deus. Ele inclinou-se de seu templo nas alturas, e o Senhor olhou a terra do alto céu, para os gemidos dos cativos escutar e da morte libertar os condenados.

– Assim também a geração dos vossos servos terá casa e viverá em segurança, e ante vós se firmará sua descendência. Para que cantem o seu nome em Sião e louve ao Senhor Jerusalém, quando os povos e as nações se reunirem e todos os impérios o servirem.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 8, 27-33

– Aleluia, Aleluia, Aleluia.

– Senhor, tuas palavras são espírito, são vida; só tu tens palavras de vida eterna! (Jo 6,63.68);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos:

Naquele tempo: 27Jesus partiu com seus discípulos para os povoados de Cesaréia de Filipe. No caminho perguntou aos discípulos: ‘Quem dizem os homens que eu sou?’ 28Eles responderam: ‘Alguns dizem que tu és João Batista; outros que és Elias; outros, ainda, que és um dos profetas.’ 29Então ele perguntou: ‘E vós, quem dizeis que eu sou?’ Pedro respondeu: ‘Tu és o Messias.’ 30Jesus proibiu-lhes severamente de falar a alguém a seu respeito. 31Em seguida, começou a ensiná-los, dizendo que o Filho do Homem devia sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e doutores da Lei, devia ser morto, e ressuscitar depois de três dias. 32Ele dizia isso abertamente. Então Pedro tomou Jesus à parte e começou a repreendê-lo. 33Jesus voltou-se, olhou para os discípulos e repreendeu a Pedro, dizendo: ‘Vai para longe de mim, Satanás!’ Tu não pensas como Deus, e sim como os homens.’

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Em resposta a esta pergunta, os discípulos informaram a Jesus que alguns pensavam que Ele era “João Batista, outros Elias, outros ainda um dos profetas”. Mas então Jesus perguntou aos discípulos quem eles pensavam que Ele era. Foi Pedro quem respondeu dizendo: “Tu és o Cristo”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Sexta-feira (19/04/2024)

Enquanto ponderamos sobre essa conversa entre Jesus e os discípulos, tente ouvir nosso Senhor fazer a mesma pergunta a você. “Mas quem você diz que eu sou?” Embora você provavelmente ache isso fácil de responder em um nível intelectual, não responda muito rapidamente. Pense nisso. No fundo da sua alma, o que você acredita sobre Jesus?

Embora a resposta de Pedro seja a resposta correta, é importante ponderar o que isso realmente significa. Isso é especialmente evidente pelo fato de que, assim que Jesus começou a explicar Sua missão como o Cristo, Pedro não pôde aceitá-la. Jesus explicou a Pedro e aos outros discípulos que, como o Cristo, ele “sofreria muito e seria rejeitado pelos anciãos, pelos principais sacerdotes e pelos escribas, seria morto e ressuscitaria depois de três dias”. Em outras palavras, Jesus queria que os discípulos entendessem a essência de Sua missão. Sua missão era aquela em que Ele se tornaria o Cordeiro sacrificial de Deus e morreria por nossos pecados. Mas isso foi demais para os discípulos compreenderem imediatamente, aceitarem e abraçarem com gratidão.

Você entende, aceita e abraça esta missão primordial de Jesus? Você entende que por causa dos pecados que cometeu pessoalmente, você precisa de um Salvador? Você entende que as consequências dos seus pecados são a morte? Morte eterna? E você ainda entende que é somente pela morte de Jesus que todo pecado e morte são destruídos?

Às vezes podemos cair na falácia de pensar que Jesus é apenas uma figura inspiradora que nos ensina como devemos viver. E embora isso seja verdade, Jesus é muito mais. Ele é o único caminho para o Céu. Sem Sua morte e ressurreição não podemos alcançar o Céu. Ele é o único Salvador. O Cordeiro que foi morto por nossos pecados. A única fonte de redenção eterna. A ponte exclusiva entre o Céu e a humanidade. E embora você possa entender isso intelectualmente até certo ponto, sua fé nesse fato deve entrar profundamente em sua alma para que você possa acreditar e abraçar Seu dom de salvação eterna no âmago mais profundo de seu ser. Isso requer uma compreensão radical, e aceitação se quisermos realmente receber o dom da vida de Jesus.

Leia mais:  Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa – Sábado (20/04/2024)

Reflita, hoje, sobre como você responderia a esta pergunta de nosso Senhor. “Quem vocês dizem que eu sou?” Se você quiser responder corretamente, isso requer que você aprofunde continuamente sua compreensão e aceitação total da missão salvadora de nosso Senhor. Embora este seja um processo ao longo da vida, nunca devemos parar de entrar mais profundamente neste mistério e dom divino para que sejamos completamente transformados pela vida, morte e ressurreição dAquele que é o Cristo de Deus.

Oração do Dia

Senhor salvador, por favor, abra minha mente e coração para Ti mais profundamente neste dia e em todos os dias da minha vida. Que eu me aprofunde continuamente em minha fé e compreensão de Ti e de Sua missão divina de salvação. Ao fazê-lo, por favor, transforme-me cada vez mais para que eu esteja mais plenamente disposto a receber tudo o que você veio para me conceder. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Para a comunidade católica, a liturgia é uma maneira de renovação do sacrifício de Jesus Cristo pela salvação da humanidade. A Liturgia Diária são as lembranças de Jesus e da salvação trazendo para os católicos, a reflexão que pode fazer parte de suas vidas.

A Liturgia Diária vem do grego derivado de duas palavras. A primeira palavra “Leito” que significa: público. E a segunda “Ergos” que quer dizer: aquele que faz um trabalho público para o povo. A Liturgia é tida como uma cerimônia estabelecida previamente segundo a tradição católica da igreja.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *