Liturgia Diária – Solenidade de Todos os Santos, Domingo (05/11/2023)

Salmo do Dia

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Domingo, 5 de novembro de 2023.

Leia diariamente a Liturgia do Dia aqui no Mundo dos Católicos. Primeira Leitura e o Evangelho do Dia. Acompanhe a Liturgia de hoje e a Oração do aia aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: São João 7, 2-4.9-14

Leitura do Livro do Apocalipse de São João:

Eu, João, 2vi um outro anjo, que subia do lado onde nasce o sol. Ele trazia a marca do Deus vivo e gritava, em alta voz, aos quatro anjos que tinham recebido o poder de danificar a terra e o mar, dizendo-lhes: 3″Não façais mal à terra, nem ao mar nem às arvores, até que tenhamos marcado na fronte os servos do nosso Deus”. 4Ouvi então o número dos que tinham sido marcados: eram cento e quarenta e quatro mil, de todas as tribos dos filhos de Israel. 9Depois disso, vi uma multidão imensa de gente de todas as nações, tribos, povos e línguas, e que ninguém podia contar. Estavam de pé diante do trono e do Cordeiro; trajavam vestes brancas e traziam palmas na mão. 10Todos proclamavam com voz forte: “A salvação pertence ao nosso Deus, que está sentado no trono, e ao Cordeiro”. 11Todos os anjos estavam de pé, em volta do trono e dos Anciãos e dos quatro Seres vivos e prostravam-se, com o rosto por terra, diante do trono. E adoravam a Deus, dizendo: 12″Amém. O louvor, a glória e a sabedoria, a ação de graças, a honra, o poder e a força pertencem ao nosso Deus para sempre. Amém” 13E um dos Anciãos falou comigo e perguntou: “Quem são esses vestidos com roupas brancas? De onde vieram?” 14Eu respondi: “Tu é que sabes, meu senhor”. E então ele me disse: “Esses são os que vieram da grande tribulação. Lavaram e alvejaram as suas roupas no sangue do Cordeiro”.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 23 (24)

– É assim a geração dos que procuram o Senhor!

– Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra, o mundo inteiro com os seres que o povoam; porque ele a tornou firme sobre os mares, e sobre as águas a mantém inabalável.

– “Quem subirá até o monte do Senhor, quem ficará em sua santa habitação?” “Quem tem mãos puras e inocente coração, quem não dirige sua mente para o crime.

Leia mais:  Liturgia Diária – Solenidade de Pentecostes – Domingo (19/05/2024)

– Sobre este desce a bênção do Senhor e a recompensa de seu Deus e Salvador”. “É assim a geração dos que o procuram, e do Deus de Israel buscam a face”.

2ª Leitura

Segunda leitura: São João 3, 1-3

Leitura da Primeira Carta de São João:

Caríssimos, 1vede que grande presente de amor o Pai nos deu: de sermos chamados filhos de Deus! E nós o somos! Se o mundo não nos conhece, é porque não conheceu o Pai. 2Caríssimos, desde já somos filhos de Deus, mas nem sequer se manifestou o que seremos! Sabemos que, quando Jesus se manifestar, seremos semelhantes a ele, porque o veremos tal como ele é. 3Todo o que espera nele, purifica-se a si mesmo, como também ele é puro.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 5, 1-12

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– Vinde a mim, todos vós que estais cansados e penais a carregar pesado fardo, e descanso eu vos darei, diz o Senhor (Mt 11,28);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus:

Naquele tempo: 1Vendo Jesus as multidões, subiu ao monte e sentou-se. Os discípulos aproximaram-se, 2e Jesus começou a ensiná-los: 3″Bem-aventurados os pobres em espírito, porque deles é o Reino dos Céus. 4Bem-aventurados os aflitos, porque serão consolados. 5Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra. 6Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados. 7Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia. 8Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus. 9Bem-aventurados os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus. 10Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o Reino dos Céus. 11Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem, e, mentindo, disserem todo tipo de mal contra vós, por causa de mim. 12aAlegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Às vezes, as palavras das pessoas nos inspiram, mas mais frequentemente é o testemunho que elas dão com as suas ações que inspira. Além disso, quando as palavras de alguém não correspondem às suas ações, eles são vistos como hipócritas. Jesus é muito duro com os escribas e fariseus por esse motivo. “Pois eles pregam, mas não praticam.” Eles falavam sobre a Lei de Deus, ensinavam-na detalhadamente, mas não praticavam verdadeiramente a Lei de Deus como deveria ser praticada. Jesus prossegue dando uma lista das maneiras pelas quais esses líderes religiosos falharam em viver as leis de Deus. Eles falharam na caridade e no incentivo aos outros, fizeram tudo para elogios públicos e para exibição, e buscaram honras e títulos sem sentido. Como resultado, eles se importavam pouco com os outros e muito consigo mesmos.

Leia mais:  Liturgia Diária – 7ª Semana da Páscoa – Sábado (18/05/2024)

No centro da crítica de Jesus aos escribas e fariseus estava a tendência deles de se exaltarem aos olhos dos outros. Jesus corrige esta tendência dizendo que “o maior entre vós deverá ser vosso servo” e que “quem se humilhar será exaltado”. Portanto, se você deseja ser verdadeiramente grande e se deseja ser exaltado por Deus, deve servir com a mais profunda humildade.

A humildade começa por se ver à luz da verdade. Como Deus vê você? A alma humilde procura descobrir esta visão usando os olhos de Cristo para olhar para a sua própria alma. Seria verdadeiramente humilhante se pudéssemos ver-nos à plena luz da verdade. Mas muitas vezes assumimos uma imagem falsa de nós mesmos e olhamos para nossas vidas através das lentes da auto-justificação. Tendemos a defender rapidamente as nossas ações, justificando os pecados que cometemos e deixando de reconhecer as nossas fraquezas.

O que você veria se olhasse para si mesmo com humildade? Uma coisa evidente que você verá é o seu pecado. Nossas vidas estão cheias de pecado. Às vezes são pecados graves e outras vezes menos graves, mas a nossa vida está, sem dúvida, cheia de pecados e imperfeições. Se estivermos cegos para esses pecados, então não teremos a humildade necessária para nos vermos à luz da verdade.

A virtude da humildade também nos levará um passo além de ver claramente os nossos pecados. Também nos ajudará a ver a nossa necessidade da graça de Deus para mudar, amar e servir a Deus e aos outros. Não podemos amar pelos nossos próprios esforços. É impossível. O amor da caridade só é possível quando é Deus quem vive em nós e age através de nós. Deus e só Deus é capaz de realizar a verdadeira caridade através das nossas ações. Conhecer e acreditar nesta humilde verdade é a única maneira de abrir a porta para essa graça.

Leia mais:  Liturgia Diária – Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja - Memória, Segunda-feira (20/05/2024)

Reflita hoje sobre a humildade que você precisa para amar verdadeiramente. Quando você ama os outros com o puro amor de Deus, descobrirá dentro de si a necessidade de servir. Você verá os outros como objetos de seu amor. Você descobrirá um desejo ardente de ajudá-los, perdoá-los, ser gentil e misericordioso com eles e fazer tudo o que puder para ajudá-los a descobrir a verdade de suas próprias vidas, para que, por sua vez, se voltem humildemente para Deus. Os escribas e fariseus falharam miseravelmente nesta missão, e essa é uma das razões pelas quais Jesus os usou como exemplo. Não siga o exemplo deles. Procure adotar a abordagem oposta. Busque humildade. Busque a verdade. Se você fizer isso, Deus o usará de maneiras poderosas e o exaltará ao alto.

Oração do Dia

Humilde Senhor, Tu és exaltado acima de tudo porque foste humilde acima de tudo. Você conhecia a verdade de quem você é e abraçou essa verdade com todas as suas forças. Por favor, dê-me Seus olhos para me ver como Você me vê, para que em Seu humilde olhar eu veja meu pecado, me arrependa de todo o coração e me volte para Você como a fonte de todo o meu amor. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *