Liturgia Diária – 2ª Semana do Tempo Comum, Terça-feira (16/01/2024)

Liturgia Diária

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Terça-feira, 16 de janeiro de 2024.

Leia diariamente a Liturgia do Dia em nosso site. Receba a reflexão do Evangelho do Dia em nosso site e acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: Samuel 16, 1-13

Leitura do Primeiro Livro de Samuel:

Naqueles dias, 1o Senhor disse a Samuel: “Até quando ficarás chorando por causa de Saul, se eu mesmo o rejeitei para que não reine mais sobre Israel? Enche o chifre de óleo e vem para que eu te envie à casa de Jessé de Belém, pois escolhi um rei para mim entre os seus filhos”. 2Samuel ponderou: “Como posso ir? Se Saul o souber, vai me matar”. O Senhor respondeu: “Tomarás contigo uma novilha da manada, e dirás: ‘Vim para oferecer um sacrifício ao Senhor’. 3Convidarás Jessé para o sacrifício. Eu te mostrarei o que deves fazer, e tu ungirás a quem eu te designar”. 4Samuel fez o que o Senhor lhe disse, e foi a Belém. Os anciãos da cidade vieram-lhe ao encontro, e perguntaram: “É de paz a tua vinda?” 5″Sim, é de paz”, respondeu Samuel. “Vim para fazer um sacrifício ao Senhor. Purificai-vos e vinde comigo, para que eu ofereça a vítima”. Ele purificou então Jessé e seus filhos e convidou-os para o sacrifício. 6Assim que chegaram, Samuel viu a Eliab, e disse consigo: “Certamente é este o ungido do Senhor!” 7Mas o Senhor disse-lhe: “Não olhes para a sua aparência nem para a sua grande estatura, porque eu o rejeitei. Não julgo segundo os critérios do homem: o homem vê as aparências, mas o Senhor olha o coração”. 8Então Jessé chamou Abinadab e apresentou-o a Samuel, que disse: “Também não é este que o Senhor escolheu”. 9Jessé trouxe-lhe depois Sama, e Samuel disse: “A este tampouco o Senhor escolheu”. 10Jessé fez vir seus sete filhos à presença de Samuel, mas Samuel disse: O Senhor não escolheu a nenhum deles”. 11E acrescentou: “Estão aqui todos os teus filhos?” Jessé respondeu: “Resta ainda o mais novo, que está apascentando as ovelhas”! E Samuel ordenou a Jessé: “Manda buscá-lo, pois não nos sentaremos à mesa, enquanto ele não chegar”. 12Jessé mandou buscá-lo. Era ruivo, de belos olhos e de formosa aparência. E o Senhor disse: “Levanta-te, unge-o: é este! 13Samuel tomou o chifre com óleo e ungiu Davi na presença de seus irmãos. E a partir daquele dia, o espírito do Senhor se apoderou de Davi. A seguir, Samuel se pôs a caminho e voltou para Rama.

Leia mais:  Liturgia Diária – São Bento, abade, Memória, Quinta-feira (11/07/2024)

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 88 (89)

– Encontrei e escolhi a Davi, meu servidor.

– Outrora vós falastes em visões a vossos santos: “Coloquei uma coroa na cabeça de um herói e do meio deste povo escolhi o meu Eleito.

– Encontrei e escolhi a Davi, meu servidor, e o ungi, para ser rei, com meu óleo consagrado. Estará sempre com ele minha mão onipotente, e meu braço poderoso há de ser a sua força.

– Ele, então, me invocará: ‘Ó Senhor, vós sois meu Pai, sois meu Deus, sois meu Rochedo onde encontro a salvação!’ E por isso farei dele o meu filho primogênito, sobre os reis de toda a terra farei dele o Rei altíssimo”.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 2, 23-28

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– Que o Pai do Senhor Jesus Cristo vos dê do saber o Espírito, para que conheçais a esperança reservada para vós como herança! (Ef 1,17s);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos:

23Jesus estava passando por uns campos de trigo, em dia de sábado. Seus discípulos começaram a arrancar espigas, enquanto caminhavam. 24Então os fariseus disseram a Jesus: “Olha! Por que eles fazem em dia de sábado o que não é permitido?” 25Jesus lhes disse: “Por acaso, nunca lestes o que Davi e seus companheiros fizeram quando passaram necessidade e tiveram fome? 26Como ele entrou na casa de Deus, no tempo em que Abiatar era sumo sacerdote, comeu os pães oferecidos a Deus, e os deu também aos seus companheiros? No entanto, só aos sacerdotes é permitido comer esses pães”. 27E acrescentou: “O Sábado foi feito para o homem, e não o homem para o sábado. 28Portanto, o Filho do Homem é senhor também do sábado”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 14ª Semana do Tempo Comum, Sábado (13/07/2024)

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Os fariseus estavam muito preocupados com muitas coisas que eram distorções da lei de Deus. O Terceiro Mandamento nos chama a “Santificar o Dia de Sábado”. Além disso, lemos em Êxodo 20:8–10 que não devemos fazer nenhum trabalho no sábado, mas devemos usar esse dia para descansar. A partir deste mandamento, os fariseus desenvolveram extensos comentários sobre o que era permitido e o que era proibido fazer no sábado. Eles determinaram que colher espigas era uma das ações proibidas.

Em muitos países hoje, o descanso sabático praticamente desapareceu. Infelizmente, o domingo raramente é reservado para um dia de adoração e descanso com a família e amigos. Por essa razão, é difícil relacionar esta condenação hipercrítica dos discípulos pelos fariseus. A questão espiritual mais profunda parece ser a abordagem hiper “minuciosa” adotada pelos fariseus. Eles não estavam tão preocupados em honrar a Deus no sábado, mas sim em julgar e condenar. E embora hoje possa ser raro encontrar pessoas excessivamente escrupulosas e minuciosas em relação ao descanso sabático, muitas vezes é fácil nos tornarmos minuciosos em relação a muitas outras coisas na vida.

Considere sua família e aqueles que estão mais próximos de você. Há coisas que eles fazem e hábitos que desenvolveram que fazem com que você os critique constantemente? Às vezes criticamos outras pessoas por ações que são claramente contrárias às leis de Deus. Em diferentes momentos, criticamos os outros por causa de algum exagero dos fatos da nossa parte. Embora seja importante falar caridosamente contra as violações da lei externa de Deus, devemos ter muito cuidado para não nos colocarmos como juízes e júri de outros, especialmente quando a nossa crítica se baseia numa distorção da verdade ou num exagero de algo menor. Em outras palavras, devemos ter cuidado para não nos tornarmos exigentes.

Leia mais:  Liturgia Diária – 14ª Semana do Tempo Comum, Sexta-feira (12/07/2024)

Reflita hoje sobre qualquer tendência que você tem em seus relacionamentos com as pessoas mais próximas de você de ser excessivo e distorcido em suas críticas. Você fica obcecado regularmente com as aparentes pequenas falhas dos outros? Tente hoje afastar-se das críticas e renovar, em vez disso, a sua prática de misericórdia para com todos. Se fizer isso, você poderá realmente descobrir que seus julgamentos sobre os outros não refletem totalmente a verdade da lei de Deus.

Oração do Dia

Meu misericordioso Juiz, dá-me um coração de compaixão e misericórdia para com todos. Remova do meu coração todo julgamento e crítica. Deixo todo o julgamento para Ti, querido Senhor, e procuro apenas ser um instrumento do Teu amor e misericórdia. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.