Liturgia Diária – 3ª Semana da Páscoa, Quinta-feira (27/04/2023)

Homilia do Evangelho de Hoje

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 3ª Semana da Páscoa, Quinta-feira, 27 de abril de 2023.

Acompanhe diariamente a Liturgia Diária de Hoje dos Católicos em nosso site. Leia e acompanhe aqui as Leituras e a Liturgia Comentada do dia de hoje.

1ª Leitura

Primeira leitura: Atos dos Apóstolos 8,26-40

Leitura dos Atos dos Apóstolos:

Naqueles dias, 26um anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: “Prepara-te e vai para o sul, no caminho que desce de Jerusalém a Gaza. O caminho é deserto”. Filipe levantou-se e foi. 27Nisso apareceu um eunuco etíope, ministro de Candace, rainha da Etiópia, e administrador-geral do seu tesouro, que tinha ido em peregrinação a Jerusalém. 28Ele estava voltando para casa e vinha sentado no seu carro, lendo o profeta Isaías. 29Então o Espírito disse a Filipe: “Aproxima-te desse carro e acompanha-o”. 30Filipe correu, ouviu o eunuco ler o profeta Isaías e perguntou: “Tu compreendes o que estás lendo?” 31O eunuco respondeu: “Como posso, se ninguém mo explica?” Então convidou Filipe a subir e a sentar-se junto a ele. 32A passagem da Escritura que o eunuco estava lendo era esta: “Ele foi levado como ovelha ao matadouro; e qual um cordeiro diante do seu tosquiador, ele emudeceu e não abriu a boca. 33Eles o humilharam e lhe negaram justiça; e seus descendentes, quem os poderá enumerar? Pois sua vida foi arrancada da terra”. 34E o eunuco disse a Filipe: “Peço que me expliques de quem o profeta está dizendo isso. Ele fala de si mesmo ou se refere a algum outro?” 35Então Filipe começou a falar e, partindo dessa passagem da Escritura, anunciou Jesus ao eunuco. 36Eles prosseguiram o caminho e chegaram a um lugar onde havia água. Então o eunuco disse a Filipe: “Aqui temos água. O que impede que eu seja batizado?” [37]38O eunuco mandou parar o carro. Os dois desceram para a água, e Filipe batizou o eunuco. 39Quando saíram da água, o Espírito do Senhor arrebatou Filipe. O eunuco não o viu mais e prosseguiu sua viagem, cheio de alegria. 40Filipe foi parar em Azoto. E, passando adiante, evangelizava todas as cidades até chegar a Cesareia.

Leia mais:  Liturgia Diária – Bem-aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja - Memória, Segunda-feira (20/05/2024)

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 65 (66)

– Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira.

– Nações, glorificai ao nosso Deus, anunciai em alta voz o seu louvor! É ele quem dá vida à nossa vida e não permite que vacilem nossos pés.

– Todos vós que a Deus temeis, vinde escutar: vou contar-vos todo bem que ele me fez! Quando a ele o meu grito se elevou, já havia gratidão em minha boca!

– Bendito seja o Senhor Deus, que me escutou, não rejeitou minha oração e meu clamor nem afastou longe de mim o seu amor!

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São João 6, 44-51

– Aleluia, Aeluia, Aleluia!

– Eu sou o pão vivo descido do céu, quem deste pão come sempre há de viver (Jo 6,51);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João:

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 44″Ninguém pode vir a mim se o Pai que me enviou não o atrai. E eu o ressuscitarei no último dia. 45Está escrito nos profetas: ‘Todos serão discípulos de Deus’. Ora, todo aquele que escutou o Pai e por ele foi instruído vem a mim. 46Não que alguém já tenha visto o Pai. Só aquele que vem de junto de Deus viu o Pai. 47Em verdade, em verdade vos digo, quem crê possui a vida eterna. 48Eu sou o pão da vida. 49Os vossos pais comeram o maná no deserto e, no entanto, morreram. 50Eis aqui o pão que desce do céu: quem dele comer nunca morrerá. 51Eu sou o pão vivo descido do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão que eu darei é a minha carne dada para a vida do mundo”.

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

Jesus estava começando a mexer com as emoções de alguns na multidão. Eles começaram a ridicularizá-lo porque Ele havia dito que era o “pão que desceu do céu”. Assim, muitos daqueles que haviam procurado Jesus na esperança de outra refeição milagrosa gratuita começaram a murmurar entre si e a ridicularizá-lo. Como resultado, Jesus começou a falar de forma ainda mais clara e chocante. Ele então foi ainda mais longe e disse que Ele não é apenas o “pão vivo que desceu do céu”, mas que aqueles que querem “viver para sempre” também devem comer Sua “Carne”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 7ª Semana da Páscoa – Sábado (18/05/2024)

Como você teria reagido a tal declaração se estivesse entre aqueles no meio da multidão? Considere o fato de que você teria visto recentemente, com seus próprios olhos, o milagre da multiplicação dos pães e peixes. Portanto, você teria percebido que Jesus era alguém especial, para dizer o mínimo. Mas como você teria reagido a esta declaração de Jesus, “E o pão que eu darei é a minha carne dada para a vida do mundo.” se você tivesse ouvido isso naquela época? Muito provavelmente, sua reação teria sido a mesma que você tem agora ao ensinar a Santíssima Eucaristia.

Muitos que ouviram Jesus falar dessa maneira podem ter pensado que era algo incomum de se dizer. Alguns teriam reagido fortemente, enquanto outros teriam reagido com indiferença. Mas alguns teriam uma reação totalmente diferente. Alguns teriam ouvido Jesus falar essas palavras novas e chocantes, teriam percebido que não entenderam completamente o que Ele quis dizer, mas teriam crido profundamente por causa do dom da fé. De alguma forma eles teriam sabido, no fundo de suas consciências, que realmente precisavam comer a Carne dAquele que desceu do Céu, pois Ele era de fato o Pão da Vida.

Acreditar na Eucaristia, no fato de que estes dons tangíveis e visíveis da Sagrada Hóstia e do Preciosíssimo Sangue são, de fato, o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade do Eterno Filho de Deus, só pode acontecer através do interior e transformador dom da fé. De que outra forma você pode acreditar em tal ensinamento? De que outra forma você poderia acreditar que essas palavras do Evangelho de hoje se tornaram realidade? E que a recepção da Santíssima Eucaristia é o caminho para a vida eterna? O dom da fé na Santíssima Eucaristia é a única maneira de compreender, aceitar e acreditar profundamente no que Nosso Senhor falou neste Santo Evangelho.

Leia mais:  Liturgia Diária – Solenidade de Pentecostes – Domingo (19/05/2024)

Reflita, hoje, sobre Jesus falando estas palavras sagradas pela primeira vez: “… o pão que eu darei é a minha carne dada para a vida do mundo.” Ao refletir fervorosamente sobre essas palavras, pondere até que ponto você acredita nelas. Quão profunda é a sua fé na Santíssima Eucaristia? A Eucaristia é o cumprimento desta passagem, e nosso divino Senhor convida você não apenas a acreditar em Suas palavras sagradas, mas a permitir que esta verdade o transforme de maneiras além do que você jamais poderia imaginar.

Oração do Dia

Meu Senhor Eucarístico, Tu és verdadeiramente o Pão da Vida, e todos aqueles que comem a Tua Carne e bebem o Teu Sangue herdarão a vida eterna. Eu creio nisso, querido Senhor. Eu creio que a Santíssima Eucaristia és Tu, Tua Alma e Divindade, dada a mim para que eu possa participar da Tua vida santa. Dai-me a graça de que necessito para aprofundar a minha fé na Santíssima Eucaristia, para que eu seja mais plenamente atraído para as alegrias do Vosso Reino Eterno. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

A Liturgia teve a sua atualização mais recente, através do Concílio Vaticano II, que trouxe mais relevância à Sagrada Escritura na liturgia da palavra.

A Liturgia do Dia é única para cada dia do ano, desse modo, naquele determinado dia, todas as igrejas católicas do mundo fazem a mesma leitura. A liturgia diária é dividida pela primeira leitura (segunda leitura em algumas ocasiões), além do evangelho do dia e salmo.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *