Liturgia Diária – 4ª Semana da Páscoa, São José Operário, Segunda-feira (01/05/2023)

Liturgia Diária

Liturgia Diária

Liturgia Diária da 4ª Semana da Páscoa, Segunda-feira, 1 de maio de 2023.

Confira diariamente a Liturgia Diária dos Católicos em nosso site. Primeira Leitura, Evangelho do dia. Acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira Leitura (At 11,1-18)

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, 1os apóstolos e os irmãos, que viviam na Judeia, souberam que também os pagãos haviam acolhido a Palavra de Deus.

2Quando Pedro subiu a Jerusalém, os fiéis de origem judaica começaram a discutir com ele, dizendo: 3“Tu entraste na casa de pagãos e comeste com eles!” 4Então, Pedro começou a contar-lhes, ponto por ponto, o que havia acontecido: 5“Eu estava na cidade de Jope e, ao fazer oração, entrei em êxtase e tive a seguinte visão: Vi uma coisa parecida com uma grande toalha que, sustentada pelas quatro pontas, descia do céu e chegava até junto de mim.

6Olhei atentamente e vi dentro dela quadrúpedes da terra, animais selvagens, répteis e aves do céu. 7Depois ouvi uma voz que me dizia: Levanta-te, Pedro, mata e come’. 8Eu respondi: ‘De modo nenhum, Senhor! Porque jamais entrou coisa profana e impura na minha boca’. 9A voz me disse pela segunda vez: ‘Não chames impuro o que Deus purificou’.

10Isso se repetiu por três vezes. Depois a coisa foi novamente levantada para o céu. 11Nesse momento, três homens se apresentaram na casa em que nos encontrávamos. Tinham sido enviados de Cesareia à minha procura. 12O Espírito me disse que eu fosse com eles sem hesitar. Os seis irmãos que estão aqui me acompanharam e nós entramos na casa daquele homem.

13Então ele nos contou que tinha visto um anjo apresentar-se em sua casa e dizer: ‘Manda alguém a Jope para chamar Simão, conhecido como Pedro. 14Ele te falará de acontecimentos que trazem a salvação para ti e para toda a tua família’. 15Logo que comecei a falar, o Espírito Santo desceu sobre eles, da mesma forma que desceu sobre nós no princípio. 16Então eu me lembrei do que o Senhor havia dito: ‘João batizou com água, mas vós sereis batizados no Espírito Santo’.

17Deus concedeu a eles o mesmo dom que deu a nós que acreditamos no Senhor Jesus Cristo. Quem seria eu para me opor à ação de Deus?” 18Ao ouvirem isso, os fiéis de origem judaica se acalmaram e glorificaram a Deus, dizendo: “Também aos pagãos Deus concedeu a conversão que leva para a vida!”

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.

Leitura para a Memória de São José Operário:

Primeira Leitura (Gn 1,26–2,3)

Leitura do Livro do Gênesis.

26Deus disse: “Façamos o homem à nossa imagem e segundo a nossa semelhança, para que domine sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, e sobre todos os répteis que rastejam sobre a terra”.

27E Deus criou o homem à sua imagem, à imagem de Deus ele o criou: homem e mulher os criou. 28E Deus os abençoou e lhes disse: “Sede fecundos e multiplicai-vos, enchei a terra e submetei-a! Dominai sobre os peixes do mar, sobre os pássaros do céu e sobre todos os animais que se movem sobre a terra”. 29E Deus disse: “Eis que vos entrego todas as plantas que dão semente sobre a terra, e todas as árvores que produzem fruto com sua semente, para vos servirem de alimento. 30E a todos os animais da terra, e a todas as aves do céu, e a tudo o que rasteja sobre a terra e que é animado de vida, eu dou todos os vegetais para alimento”. E assim se fez. 31E Deus viu tudo quanto havia feito, e eis que tudo era muito bom. Houve uma tarde e uma manhã: sexto dia. 2,1E assim foram concluídos o céu e a terra com todo o seu exército. 2No sétimo dia, Deus considerou acabada toda a obra que tinha feito; e no sétimo dia descansou de toda a obra que fizera. 3Deus abençoou o sétimo dia e o santificou, porque nesse dia descansou de toda a obra da criação.

Leia mais:  Liturgia Diária – 7ª Semana da Páscoa – Sábado (18/05/2024)

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.

2ª opção:

Primeira Leitura (Cl 3,14-15.17.23-24)

Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses.

14Irmãos, acima de tudo, amai-vos uns aos outros, pois o amor é o vínculo da perfeição. 15Que a paz de Cristo reine em vossos corações, à qual fostes chamados como membros de um só corpo. E sede agradecidos. 17Tudo o que fizerdes, em palavras ou obras, seja feito em nome do Senhor Jesus Cristo. Por meio dele dai graças a Deus, o Pai. 23Tudo o que fizerdes, fazei-o de coração, como para o Senhor e não para os homens. 24Pois vós bem sabeis que recebereis do Senhor a herança como recompensa. Servi a Cristo, o Senhor.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Salmo

Salmo 41 (42)

– Minha alma suspira por vós, ó meu Deus.

– Assim como a corça suspira pelas águas correntes, suspira igualmente minh’alma por vós, ó meu Deus!

– A minh’alma tem sede de Deus, e deseja o Deus vivo. Quando terei a alegria de ver a face de Deus?

– Enviai vossa luz, vossa verdade: elas serão o meu guia; que me levem ao vosso Monte santo, até vossa morada!

– Então irei aos altares do Senhor, Deus da minha alegria. Vosso louvor cantarei, ao som da harpa, meu Senhor e meu Deus!

Leitura para a Memória de São José Operário:

Salmo 89

– Ó Senhor, fazei dar frutos o labor de nossas mãos!

– Já bem antes que as montanhas fossem feitas ou a terra e o mundo se formassem, desde sempre e para sempre vós sois Deus.

– Vós fazeis voltar ao pó todo mortal, quando dizeis: “Voltai ao pó, filhos de Adão!” Pois mil anos para vós são como ontem, qual vigília de uma noite que passou.

– Ensinai-nos a contar os nossos dias, e dai ao nosso coração sabedoria! Senhor, voltai-vos! Até quando tardareis? Tende piedade e compaixão de vossos servos!

– Saciai-nos de manhã com vosso amor, e exultaremos de alegria todo o dia! Manifestai a vossa obra a vossos servos, e a seus filhos revelai a vossa glória!

Evangelho do Dia

Evangelho (Jo 10,11-18)

— Aleluia, Aleluia, Aleluia.

— Eu sou o bom pastor, conheço minhas ovelhas e elas me conhecem, assim fala o Senhor. (Jo 10,14)

Leia mais:  Liturgia Diária – Solenidade de Pentecostes – Domingo (19/05/2024)

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus: 11“Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a vida por suas ovelhas. 12O mercenário, que não é pastor e não é dono das ovelhas, vê o lobo chegar, abandona as ovelhas e foge, e o lobo as ataca e dispersa. 13Pois ele é apenas um mercenário e não se importa com as ovelhas.

14Eu sou o bom pastor. Conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem, 15assim como o Pai me conhece e eu conheço o Pai. Eu dou minha vida pelas ovelhas. 16Tenho ainda outras ovelhas que não são deste redil: também a elas devo conduzir; escutarão a minha voz, e haverá um só rebanho e um só pastor.

17É por isso que o Pai me ama, porque dou a minha vida, para depois recebê-la novamente. 18Ninguém tira a minha vida, eu a dou por mim mesmo; tenho poder de entregá-la e tenho poder de recebê-la novamente; esta é a ordem que recebi do meu Pai”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Leitura para a Memória de São José Operário:

Evangelho (Mt 13,54-58)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 54dirigindo-se para a sua terra, Jesus ensinava na sinagoga, de modo que ficavam admirados. E diziam: “De onde lhe vêm essa sabedoria e esses milagres? 55Não é ele o filho do carpinteiro? Sua mãe não se chama Maria, e seus irmãos não são Tiago, José, Simão e Judas? 56E suas irmãs não moram conosco? Então, de onde lhe vem tudo isso?” 57E ficaram escandalizados por causa dele. Jesus, porém, disse: “Um profeta só não é estimado em sua própria pátria e em sua família!” 58E Jesus não fez ali muitos milagres, porque eles não tinham fé.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Reflexão da Liturgia Diária

Em 8 de dezembro de 2020, o Papa Francisco anunciou o início da celebração universal do “Ano de São José”. Ele introduziu este ano com uma Carta Apostólica intitulada “Com coração de pai”. Na introdução dessa carta, o Santo Padre disse: “Cada um de nós pode descobrir em José – o homem que passa despercebido, uma presença diária, discreta e oculta – um intercessor, um apoio e um guia nos momentos difíceis”.

O Evangelho acima, retirado das leituras para este memorial, aponta para o fato de que Jesus era “o filho do carpinteiro”. José era um trabalhador. Ele trabalhou com as mãos como carpinteiro para atender às necessidades diárias da Bem-Aventurada Virgem Maria e do Filho de Deus. Ele forneceu-lhes uma casa, com comida e com as outras necessidades diárias da vida. José também protegeu os dois seguindo as várias mensagens do anjo de Deus que falou com ele em seus sonhos. José cumpriu seus deveres na vida de forma silenciosa e oculta, servindo em seu papel de pai, esposo e trabalhador.

Leia mais:  Liturgia Diária – 7ª Semana da Páscoa – Sexta-feira (17/05/2024)

Embora José seja universalmente reconhecido e honrado hoje em nossa Igreja e até mesmo como uma figura histórica mundial proeminente, durante sua vida ele teria sido um homem que passou despercebido. Ele teria sido visto como um homem comum cumprindo seu dever comum. Mas, de muitas maneiras, é isso que faz de São José um homem ideal a ser imitado e uma fonte de inspiração. Muito poucas pessoas são chamadas para servir aos outros no centro das atenções. Muito poucas pessoas são elogiadas publicamente por seus deveres do dia-a-dia. Os pais, especialmente, muitas vezes são muito desvalorizados. Por isso, a vida de São José, esta vida humilde e escondida vivida em Nazaré, inspira a maior parte das pessoas para a sua própria vida cotidiana.

Se a sua vida é um tanto monótona, escondida, pouco apreciada pelas massas, tediosa e até entediante às vezes, então procure inspiração em São José. O memorial de hoje homenageia especialmente José como um homem que trabalhou. E seu trabalho era bastante comum. Mas a santidade é encontrada especialmente nas partes comuns de nossa vida diária. Escolher servir dia após dia, com poucos ou nenhum elogio terreno, é um serviço de amor, uma imitação da vida de São José e uma fonte de sua própria santidade na vida. Não subestime a importância de servir dessa e de outras maneiras comuns e ocultas.

Reflita, hoje, sobre o cotidiano comum e “corriqueiro” de São José. Se você achar que sua vida é semelhante à que ele teria como trabalhador, cônjuge e pai, regozije-se com esse fato. Regozije-se com o fato de que você também foi chamado a uma vida de extraordinária santidade por meio dos deveres comuns da vida diária. Faça-os bem. Faça-os com amor. E faça-os por inspiração de São José e sua esposa, a Bem-Aventurada Virgem Maria, que teria participado desta vida cotidiana comum. Saiba que o que você faz todos os dias, quando é feito por amor e serviço aos outros, é o caminho mais seguro para a santidade da vida para você.

Oração do Dia

Meu Jesus, Filho do carpinteiro, agradeço-Vos pelo dom e inspiração de Vosso pai terreno, São José. Agradeço-Te por sua vida ordinária vivida com grande amor e responsabilidade. Ajuda-me a imitar sua vida cumprindo bem meus deveres diários de trabalho e serviço. Que eu reconheça na vida de São José um modelo ideal para a minha própria santidade de vida. São José Operário, rogai por nós. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Para os católicos, a liturgia é uma forma de renovação do sacrifício de Jesus Cristo para a salvação da humanidade. A Liturgia Diária são as lembranças de Jesus e da salvação trazendo para os cristãos uma reflexão que pode ser inserida em suas vidas.

A Liturgia Diária vem do grego derivado de duas palavras. A primeira “Leito” que significa: público. E a segunda palavra “Ergos” que significa: aquele que faz um trabalho público para o povo. A Liturgia é entendida como uma cerimônia estabelecida previamente segundo a tradição da igreja católica.

Sobre o Autor

Mundo dos Católicos
Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

    0 Comentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *