Liturgia Diária – 2ª Semana do Tempo Comum, Segunda-feira (15/01/2024)

Liturgia Diária

Liturgia Diária de Segunda-feira, 15 de janeiro de 2024.

Leia diariamente a Liturgia do Dia em nosso site. Receba a reflexão do Evangelho do Dia em nosso site e acompanhe a Liturgia de hoje aqui no Mundo dos Católicos.

1ª Leitura

Primeira leitura: 1 Samuel 15,16-23

Leitura do primeiro livro de Samuel:

Naqueles dias, 16Samuel disse a Saul: “Basta! Deixa-me dizer-te o que o Senhor me revelou esta noite”. Saul disse: “Fala!” 17Então Samuel começou: “Por menor que sejas aos teus próprios olhos, acaso não és o chefe das tribos de Israel? O Senhor ungiu-te rei sobre Israel 18e te enviou em expedição com a ordem de eliminar os amalecitas, esses malfeitores, combatendo-os até que fossem exterminados. 19Por que não ouviste a voz do Senhor e te precipitaste sobre os despojos, e fizeste o que desagrada ao Senhor?” 20Saul respondeu a Samuel: “Mas eu obedeci ao Senhor! Realizei a expedição a que ele me enviou. Trouxe Agag, rei de Amalec, para cá e exterminei os amalecitas. 21Quanto aos despojos, o povo reteve, das ovelhas e dos bois, o melhor do que devia ser eliminado, para sacrificar ao Senhor teu Deus em Guilgal”. 22Mas Samuel replicou: “O Senhor quer holocaustos e sacrifícios ou quer a obediência à sua palavra? A obediência vale mais que o sacrifício, a docilidade mais que oferecer gordura de carneiros. 23A rebelião é um verdadeiro pecado de magia, um crime de idolatria, uma obstinação. Assim, porque rejeitaste a palavra do Senhor, ele te rejeitou: tu não és mais rei”.

– Palavra do Senhor

– Graças a Deus

Salmo

Salmo 49 (50)

– A todo homem que procede retamente eu mostrarei a salvação que vem de Deus.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Segunda-feira (19/02/2024)

– Eu não venho censurar teus sacrifícios, pois sempre estão perante mim teus holocaustos; não preciso dos novilhos de tua casa nem dos carneiros que estão nos teus rebanhos.

– Como ousas repetir os meus preceitos e trazer minha aliança em tua boca? Tu que odiaste minhas leis e meus conselhos e deste as costas às palavras dos meus lábios!

– Diante disso que fizeste, eu calarei? Acaso pensas que eu sou igual a ti? É disso que te acuso e repreendo e manifesto essas coisas aos teus olhos.

– Quem me oferece um sacrifício de louvor, este, sim, é que me honra de verdade. A todo homem que procede retamente eu mostrarei a salvação que vem de Deus.

Evangelho do Dia

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 2,18-22

– Aleluia, Aleluia, Aleluia!

– A palavra do Senhor é viva e eficaz: ela julga os pensamentos e as intenções do coração (Hb 4,12);

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos:

Naquele tempo, 18os discípulos de João Batista e os fariseus estavam jejuando. Então, vieram dizer a Jesus: “Por que os discípulos de João e os discípulos dos fariseus jejuam e os teus discípulos não jejuam?” 19Jesus respondeu: “Os convidados de um casamento poderiam, por acaso, fazer jejum enquanto o noivo está com eles? Enquanto o noivo está com eles, os convidados não podem jejuar. 20Mas vai chegar o tempo em que o noivo será tirado do meio deles; aí então eles vão jejuar. 21Ninguém põe um remendo de pano novo numa roupa velha, porque o remendo novo repuxa o pano velho e o rasgão fica maior ainda. 22Ninguém põe vinho novo em odres velhos,­­ porque o vinho novo arrebenta os odres velhos e o vinho e os odres se perdem. Por isso, vinho novo em odres novos”.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Terça-feira (20/02/2024)

– Palavra da Salvação

– Glória a Vós, Senhor

Reflexão da Liturgia Diária

A passagem acima revela a resposta de Jesus aos discípulos de João Batista e a alguns fariseus que questionaram Jesus sobre o jejum. Eles ressaltam que os discípulos de João e os fariseus seguem as leis judaicas sobre o jejum, mas os discípulos de Jesus não. A resposta de Jesus vai ao cerne da nova lei sobre o jejum.

O jejum é uma prática espiritual maravilhosa. Ajuda a fortalecer a vontade contra as tentações carnais desordenadas e ajuda a trazer pureza à alma. Mas é preciso salientar que o jejum não é uma realidade eterna. Um dia, quando estivermos face a face com Deus no Céu, não haverá mais necessidade de jejuar ou fazer qualquer forma de penitência. Mas enquanto estivermos na terra, lutaremos, cairemos e nos perderemos, e uma das melhores práticas espirituais para nos ajudar a retornar a Cristo é a combinação da oração e do jejum.

O jejum torna-se necessário “quando o noivo é levado embora”. Em outras palavras, o jejum é necessário quando pecamos e nossa união com Cristo começa a desaparecer. É então que o sacrifício pessoal do jejum ajuda a abrir novamente os nossos corações ao Senhor. Isto é especialmente verdadeiro quando hábitos de pecado se formam e se tornam profundamente arraigados. O jejum acrescenta muito poder à nossa oração e amplia as nossas almas para podermos receber o “vinho novo” da graça de Deus onde mais precisamos dele.

Leia mais:  Liturgia Diária – 1ª Semana da Quaresma, Quarta-feira (21/02/2024)

Reflita hoje sobre sua abordagem ao jejum e outras práticas penitenciais. Você jejua? Você faz sacrifícios regulares para fortalecer sua vontade e ajudá-lo a se voltar mais plenamente para Cristo? Ou essa prática espiritual saudável foi um tanto negligenciada em sua vida? Renove hoje o seu compromisso com este empreendimento sagrado e Deus trabalhará poderosamente em sua vida.

Oração do Dia

Senhor, abro meu coração ao vinho novo da graça que desejas derramar sobre mim. Ajuda-me a estar devidamente disposto a esta graça e a usar todos os meios necessários para me tornar mais aberto a Ti. Ajude-me, especialmente, a me comprometer com a maravilhosa prática espiritual do jejum. Que este ato de mortificação na minha vida dê frutos abundantes para o Teu Reino. Jesus eu confio em vós.

A Liturgia Diária para os Católicos

Utilizada nas missas, a Liturgia Diária também pode ser utilizada em outras celebrações. E também pode ser usada em outros momentos como em Grupos de Orações ou para meditar a Palavra do Dia.

E apesar da igreja celebrar o Mistério de Cristo durante todos os dias do ano, o ponto central é o domingo. É neste dia que os católicos devem ir obrigatoriamente à missa como forma de cumprir um dos Cinco Mandamentos da Igreja Católica.

Dessa forma, a Liturgia Diária é a ação do povo de Deus em uniformidade. Durante a celebração da missa, a Liturgia Diária pode ser praticada através de gestos, sinais ou palavras.

Foto de Mundo dos Católicos

Mundo dos Católicos

Somos um portal Católico que traz diariamente a Liturgia com a reflexão do evangelho para toda a comunidade Cristã.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não encontrou o que busca?

Faça uma busca abaixo.